Tempo de leitura: < 1 minuto

O dia foi longo para os membros da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investiga o suposto desvio de R$ 1 milhão da Câmara de Vereadores de Itabuna. O depoimento do ex-diretor administrativo e ex-chefe de gabinete da presidência da Casa, Eduardo Menezes, foi encerrado há pouco. O conteúdo ainda não vazou, mas foram cerca de nove horas de depoimento. Ele havia prometido abrir a boca à comissão. E abriu. Acusou o presidente da CEI, Milton Gramacho (PRTB), de receber uma “bola” de R$ 2,5 mil por mês, via presidente da Câmara, Clóvis Loiola (PPS). A versão “panos-quentes” do governo é de que o dindin seria para votar na eleição de Roberto de Souza (PR) para presidente do legislativo. Pano rápido.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A aprovação ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a subir na reta final da eleição, após meses de estabilidade, e atingiu na segunda semana de outubro seu maior índice desde que o petista foi eleito, mostra pesquisa Datafolha.
Pela primeira vez, a aprovação do presidente chega a 81% de ótimo/bom, recorde na série histórica do Datafolha. No levantamento realizado na semana passada, 78% dos eleitores brasileiros consideravam a administração de Lula ótima ou boa. Antes, a melhor avaliação havia sido atingida em 24 de agosto (79%). Leia mais na Folha.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Petista mantém vantagem sobre tucano

A pesquisa Datafolha divulgada há pouco revela situação de estabilidade na disputa presidencial. Assim como no levantamento da semana passada, Dilma Rousseff aparece com 54% dos votos válidos e José Serra (PSDB) com 46%. Nesta contabilização, são excluídos brancos e nulos e o percentual de indecisos.

Foram ouvidos 3.281 eleitores ontem e hoje no país. O levantamento tem margem de erro de dois pontos percentuais e foi encomendado pela Rede Globo e o jornal Folha de São Paulo.
Quando incluídos todos os votos (brancos e nulos) e o percentual de indecisos, Dilma aparece com 47% (ante 48%) e Serra com os mesmos 41% da semana passada. Brancos e nulos somam 4% e o percentual de indecisos aumentou para 8%. Ou seja, o ponto perdido por Dilma “migrou” para o grupo dos indecisos.
Preparem os corações…

Tempo de leitura: < 1 minuto

A pesquisa Datafolha que será divulgada em instantes apontará um quadro próximo ao registrado na semana passada. Segundo o blog do Noblat, Dilma Rousseff tem 47% das intenções de voto (possuía 48%) e José Serra com 41%.
No comparativo com a pesquisa da semana passada, Dilma oscilou um ponto para baixo e Serra manteve os mesmos 41%. Como o cenário esperado era de uma subida do tucano, o que não ocorreu, se pergunta se a tática contra José Serra já está funcionando.
Aguardemos todos os números da pesquisa, pois.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O depoimento do ex-assessor da presidência e ex-diretor administrativo da Câmara de Vereadores, Eduardo Menezes, já dura mais de sete horas.
A Comissão Especial de Inquérito (CEI) do “Loiolagate” começou a ouvi-lo às 11 horas desta sexta, na sala das Comissões Técnicas.
As primeiras informações são de que o depoimento é contundente e desnuda como funcionava boa parte do esquema de corrupção na Casa.
Eduardo Menezes era chefe do gabinete da presidência da Câmara e foi exonerado no mês passado. Fontes sustentam de que um dos alvos do depoimento é o líder do Governo, vereador Milton Gramacho, supostamente envolvido em repasses ilegais de dinheiro.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Mais um exemplo do descalabro administrativo em Buerarema, no sul da Bahia. O Hospital Nossa Senhora Santana fechou as portas nesta sexta-feira, 15, e a direção orientou que os quase dez pacientes internados procurassem hospitais de Itabuna para continuar tratamento. O hospital é privado, mas era mantido com repasses do SUS e da prefeitura de Buerarema.
O curioso é que as portas da unidade foram fechadas dias depois do prefeito Mardes Monteiro retornar ao cargo. Ele é um dos três sócios do Hospital Nossa Senhora Santana, o único do município.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Terá início na próxima quarta-feira, 20, no Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, a InfoIlhéus 5.0. O evento vai reunir o que há de mais moderno em matéria de informática, além de palestras sobre temas ligados à tecnologia.
A InfoIlhéus será aberta às 19 horas do dia 20, com a presença do conferencista Roberto Shinyashiki em palestra  sobre o tema “Revolução dos Campeões”.
Na quinta e na sexta, dias 21 e 22, estará aberta a Feira de Produtos e Serviços, sempre das 14 às 21 horas, em paralelo com o Congresso de Tecnologia e Informática. Já o sábado, 23, será reservado ao Super Info Feirão, uma feira com as últimas novidades em computadores, periféricos e eletroeletrônicos, a preço de fábrica.
A InfoIlhéus é realizada pelo Sinec (Sindicato das Indústrias de Informática de Ilhéus) e tem a participação de indústrias de setores como informática, eletrônica, logística e embalagens.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A presidente do DEM itabunense e dublê de radialista, Maria Alice Pereira, comemorava em seu programa a subida de José Serra nas pesquisas:
– Vira, vira, virou! – exclamava diante dos microfones da rádio Difusora de Itabuna.
E Madame Alice foi além na sua propaganda:
– No dia da eleição, você não pode de deixar de subir a serra, votando no 45, Serra presidente. Vamos assim até o último dia.
E fechou o seu programa na emissora do ex-prefeito Fernando Gomes (PMDB) prevendo que “não vai demorar” José Serra passar à frente nas pesquisas.

Tempo de leitura: < 1 minuto

…OU NULO!

Do G1

Plínio recomenda voto crítico em Dilma ou nulo.

A direção nacional do PSOL decidiu na tarde desta sexta-feira (15), em São Paulo, se posicionar  a favor do “voto crítico” em Dilma Rousseff (PT) ou do “voto nulo” no segundo turno das eleições 2010. O partido não indica aos seus eleitores e simpatizantes o voto em José Serra (PSDB).
Após uma reunião que durou aproximadamente quatro horas, membros da Executiva Nacional explicaram em entrevista coletiva em São Paulo que o posicionamento do partido foi resultado de “convergência de posições”.  O candidato do PSOL à Presidência, Plínio de Arruda Sampaio,  recebeu 886.816 votos no 1º turno.
Plínio declarou-se favorável Dilma, mas afirmou que irá votar nulo, e que a decisão do partido é aberta. “Eu sou extremamente favorável a ela. Só que eu vou votar nulo. Eu vou votar nulo, eu e vários daqui. Porque a resolução é ampla, aberta, e alguns companheiros vão. Ninguém vai subir em palanque de ninguém, e também não tem palanque de voto nulo, é uma indicação geral. Com respeito aos que votaram em mim, eu vou dizer: o meu voto será nulo”, disse.

Tempo de leitura: < 1 minuto

"Vovô" Sena trata filiação de Azevedo como boato.

Apesar de fontes de lado a lado confirmarem tratativas entre comunistas e Capitão Azevedo, o ex-vereador Luiz Sena avalia que não passa de “boato” a ida do prefeito itabunense para o PCdoB.
Em contato com o Pimenta, Sena diz que “em nenhum momento o nosso partido discutiu a vinda de Azevedo para o nosso partido ou a nossa participação no governo local”. O ex-vereador ressaltou que a meta de crescimento da legenda está baseada “no programa e ideologia partidários”. Assim, afirma, não basta apenas falar “quero entrar no PCdoB”.
Sena ainda afirmou que o secretário Estadual da Saúde (Sesab), Jorge Solla, não abre mão da médica Conceição Benigno, esta uma cotada para assumir a Saúde de Itabuna nas conversas travadas entre comunistas e o prefeito. “Acredito que , movido pelo ciúme do desempenho do PCdoB nas eleições 2010 que culminará, com certeza na vitória de Dilma Rousseff, alguém tenha utilizado do baixo recurso do boato”.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O custo de dados para celular no Brasil é o mais caro entre os países em desenvolvimento, segundo mostra um estudo da Organização das Nações Unidas divulgado nesta sexta-feira (15), com informações compiladas pela Nokia Siemens.
O custo de dados para celular no Brasil é o mais caro entre os países em desenvolvimento, segundo mostra um estudo da Organização das Nações Unidas divulgado nesta sexta-feira (15), com informações compiladas pela Nokia Siemens.
De acordo com o levantamento, que cita dados de 2009, apenas no Brasil e no Zimbábue o preço médio do pacote de dados mensal passa dos US$ 120, o que deixa o país atrás de nações como Congo, Haiti e Bangladesh, país que tem o menor custo entre 78 listados no relatório. A média do preço mundial é de US$ 46,54 por mês.
O relatório da UNCTAD (Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento) chegou ao preço médio considerando o custo total de propriedade de um pacote de tráfego de 2,1 Mbytes de dados por mês.
“Existe uma grande variação, com alguns países oferecendo por menos de US$ 20 por mês e outros por mais de US$ 100”, afirma o documento. Para ler mais, clique aqui.

Tempo de leitura: 2 minutos

Azevedo entoa: "Um, dois, três...quatro, cinco, mil... E viva o Partido Comunista do Brasil!"

Duas fontes – uma ligada ao governo itabunense e outra integrante da cúpula do PCdoB no município – dão como procedente uma engenharia política que vai abalar os estertores da política local: o prefeito de Itabuna, José Nilton Azevedo, pensa em trocar o DEM pelo PCdoB.
As conversas sobre a mudança radical vêm sendo travadas entre emissários do prefeito e “capas pretas” do Partidão, como o vice-presidente da legenda na Bahia, Davidson Magalhães, que é diretor-presidente da Bahiagás.
A princípio, os comunistas participariam da construção de um novo plano de governo para a segunda metade da administração Azevedo e indicariam secretários. A pasta da saúde, segundo as primeiras apurações do Pimenta, é a mais cobiçada pelo PCdoB.
Ocorre que, com o avanço das tratativas, pavimentou-se o caminho do prefeito para a filiação ao Partido Comunista. E Azevedo, que procura somente um jeito seguro de abandonar o DEM, vê na estratégia uma possibilidade de ganhar sobrevida política e aproximar-se do governo Wagner, ao qual – por insegurança – evitou declarar apoio na campanha eleitoral.
O alicerce dessa estrutura, porém, está fincado na sucessão presidencial. Segundo a nossa fonte da Prefeitura, toda a obra política desmorona como castelo de areia se a petista Dilma Rousseff não vencer a eleição. Por outro lado, basta que Dilma vença para o PCdoB jogar a boia de salvação para o claudicante prefeito itabunense.
É claro que os comunistas estão dando um passo calculado: vão sofrer críticas pela aliança politicamente esdrúxula, mas projetam vantagens que poderão superar o desgaste da imagem. Se valerá a pena, não se sabe, o jogo é arriscado… E o resultado final que se almeja está intimamente ligado à sucessão municipal.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Conhecido por seu estilo fanfarrão, o presidente estadual do PT, Jonas Paulo, deu o braço a torcer em relação às últimas pesquisas eleitorais que indicam proximidade e até empate técnico entre Dilma Rousseff e o tucano José Serra.
Via Twitter, ele comentava: “Estamos tranquilos, serenos e focados no nosso objetivo. Entendemos que o segundo turno é um processo eleitoral bastante disputado”.
Quem te viu…

Tempo de leitura: < 1 minuto

A prefeitura de Itabuna fez pregão neste ano para adquirir quatro supercomputadores (servidores). Os equipamentos foram entregues há quatro meses e – desde então – a TecZap vem tentando receber o dindin, mas a Secretaria da Fazenda sempre informa que “não há dinheiro em caixa”.
Os donos da empresa ficaram surpresos agora com anúncio de novo pregão, por parte da prefeitura, para a compra de uma nova leva de supercomputadores.
E aí, quem se aventura?

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coelba é impiedosa. Deixou a sede da Direc 7, em Itabuna, às escuras nesta manhã. Conversa daqui e dali e a religação foi feita ainda neste turno.
Não é a primeira vez que o “alicate come” por lá. A justificativa é de que o imóvel está em nome de terceiro e o estado encontra dificuldades para pagar a conta em dia.