HB-20 roubado em Salvador é apreendido em Itabuna
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um veículo roubado em Salvador, na última sexta-feira, foi apreendido no sul da Bahia um dia depois. O automóvel foi encontrado em Itabuna, no sábado (18), por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) e patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Investigadores da DRFRV iniciaram o monitoramento depois do carro, modelo HB20, placa PKG-8198, ter sido roubado, na capital. Sabendo que o assaltante usou a BR-324 como rota de fuga, imagens de câmeras, na rodovia, foram verificadas.

Em Itabuna e com outra placa, o carro foi apreendido e um homem preso em flagrante. Dentro do veículo foi encontrada uma pedra de crack de aproximadamente 1 kg.

Bike foi furtada no São Judas, em Itabuna, nesta semana
Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma bicicleta Cannondale Scalpel SI Alloy 5 foi furtada, na última quarta-feira (15), no bairro São Judas, em Itabuna. Os ladrões pularam o muro da residência e levaram a bicicleta sem que ninguém do imóvel percebesse.

A bicicleta é de marca e modelo dentre as apreciadas pelos amantes do ciclismo, porém com poucas unidades no sul da Bahia. Quem tiver informações sobre o paradeiro da bike, poderá entrar em contato pelo telefone (73)98827-5635. Paga-se recompensa.

Engenheiro é preso em Itabuna com carro roubado
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, na sexta-feira (17), na altura do quilômetro 502 da BR-101, em Itabuna, um homem que transitava com uma caminhonete roubada. O veículo estava com placa de outro carro com as mesmas características.

O homem, de 54 anos, é engenheiro e morador de Vitória, no Espírito Santo. Os policiais descobriram que o veículo era clonado, emplacado originalmente em Pinheiros (ES), e que havia sido roubada em janeiro de 2018.

Para tentar “escapar” de fiscalizações da polícia, o automóvel utilizava placa de uma outra caminhonete idêntica, emplacada em Aracruz (ES). O motorista foi detido e encaminhado para registro do flagrante na Polícia Civil de Itabuna, pelo crime de receptação previsto no art. 180 do Código Penal.

Trio é preso no sul da Bahia com carro roubado
Tempo de leitura: < 1 minuto

Patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam, por volta das 21h30min de quinta-feira (16), na BR 101, no sul da da Bahia, três suspeitos de assaltar motoristas. Eles foram detidos depois de uma tentativa de assalto próximo ao trevo de Jussari.

A  vítima conseguiu escapar da emboscada e acionou a polícia, que iniciou diligências pela região. Na altura do quilômetro 557 da rodovia federal, os policiais rodoviários federais localizaram um automóvel Ford/Fiesta e uma motocicleta.

A PRF notou fortes indícios de falsificação no documento e, ao vistoriar os elementos de identificação veicular, constar ocorrência de roubo para o Ford/Fiesta.  O crime foi registrado no dia 7 deste mês, em Salvador.

CONTRADIÇÕES

O trio apresentou informações desencontradas e contraditórias em relação ao motivo da viagem e local de destino. Sobre a motocicleta, um deles confirmou ser o proprietário da moto e relatou que comprou o veículo, momentos antes, em Porto Seguro.

Ele alegou que pagou R$ 1.500 e, como a moto apresentou pane mecânica, estavam tentando levá-la para uma oficina. Mas a polícia suspeita que o veículo tenha sido roubado. Os três acusados foram presos em flagrante e encaminhados com os veículos à Delegacia de Polícia de Camacan.

Aldaci Reis Sady teve habeas corpus negado
Tempo de leitura: 2 minutos

​A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a prisão preventiva de uma mulher denunciada como líder da facção criminosa Caveira, que atua em Feira de Santana. Segundo a denúncia, Aldaci dos Reis Souza teria cometido os crimes de homicídio qualificado, organização criminosa e corrupção de menores.

De acordo com os autos, na condição de líder da facção Caveira, Aldaci dos Reis teria ajustado com outros comparsas o assassinato de um homem – membro de outra facção criminosa, a Katiara – que virou alvo do grupo após divulgar vídeos e fotos dela em rede social, apontando-a como a comandante da organização. Segundo as informações do processo, um menor teria sido cooptado para matar o rival com arma de fogo, em ação na qual um idoso também foi executado.

Contra a prisão preventiva, a mulher impetrou habeas corpus no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), mas o pedido de soltura foi negado sob o fundamento da gravidade dos crimes apurados nos autos, que envolvem, inclusive, a disputa de ponto de drogas por quadrilhas rivais. Segundo o tribunal, é necessária a atuação enérgica do Estado para frear o comportamento delituoso das organizações criminosas, que causam sérios danos à sociedade.

No habeas corpus dirigido ao STJ, a defesa apontou a inexistência de indícios suficientes de participação dela no crime, de forma que deveria prevalecer o princípio da presunção de inocência. A defesa também ponderou que a mulher tinha condições pessoais favoráveis e que seria suficiente a adoção de medidas cautelares diversas da prisão.

Leia Mais

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um homem teve o mandado de prisão preventiva cumprido por policiais da Delegacia Territorial (DT), de Salinas da Margarida, na terça-feira (14). Ele é apontado como autor de estupros de vulnerável contra a enteada, de 12 anos. Denúncias de familiares da vítima levaram os policiais ao suspeito, que foi preso na Encarnação de Salinas, distrito do município.

De acordo com o titular da unidade, delegado Gil Felix, os abusos eram recorrentes. “Os crimes ocorreram por diversas vezes, durante os seis anos de convivência do autor com a mãe da vítima, período em que todos moravam juntos”, pontuou.

O homem será encaminhado para o sistema prisional. A criança foi submetida a exames periciais e os laudos complementarão as investigações. “O Conselho Tutelar, da cidade, acompanha o caso e a criança passará por atendimentos psicológicos. A denúncia é fundamental para que possamos coibir estes crimes”, detalhou.

Material apreendido com o falso delegado da PF
Tempo de leitura: < 1 minuto

Autor de roubo a um estabelecimento comercial, um homem que se identificava como delegado da Polícia Federal foi preso em flagrante por policiais da 1ª Delegacia Territorial (DT), de Paulo Afonso, nesta segunda (13). De acordo com o delegado Eduardo Henrique, durante a abordagem o suspeito apresentou uma carteira funcional digital da Polícia Federal, com o código de barras bidimensional “QR-Code” falso.

“Ele costumava se apresentar como policial federal e possuía camisetas falsas daquela instituição”, detalhou. As equipes da DT/Paulo Afonso apreenderam com o suspeito uma espingarda, duas réplicas de armas de fogo, duas camisas falsas da Polícia Federal, um chapéu e uniformes camuflados, coturnos, uma luneta, além de um notebook e dois celulares roubados. O homem passou por exames de corpo de delito e segue à disposição da Justiça.

Criminosos instalaram câmeras para monitorar presença da polícia na Liberdade
Tempo de leitura: < 1 minuto

Após receber denúncia anônima, equipes das Rondas Especiais (Rondesp), da Polícia Militar, destruíram um sistema de videomonitoramento usado por traficantes no bairro da Liberdade, em Salvador. Quatro câmeras, colocadas em ruas do bairro, monitoravam as movimentações de viaturas.

Os militares foram até a Travessa Lino Coutinho, após denúncia anônima. Chegando no local um grupo correu, deixando para trás fios e fitas isolantes. Após buscas, os PMs encontraram quatro câmeras, uma delas escondida dentro de uma caixa, presa em um poste.

Além das câmeras, os militares apreenderam um aparelho de DVR e 26 trouxas de maconha. Os criminosos continuam sendo procurados. O caso foi registrado na 5ª DT (Periperi).

Atena ajuda a encontrar droga em quintal de casa
Tempo de leitura: < 1 minuto

Policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cacaueira apreenderam, na tarde de sábado (11), em Itabuna, 23 quilos de maconha prensada. A droga foi encontrada com ajuda de Atena, a cadela da raça Pastor Belga Malinois, especialista em farejar entorpecentes.

No primeiro caso, por volta de 13h, os PMs receberam uma denúncia anônima sobre o transporte de drogas, na BR-101, e promoveram varreduras. Em um ponto da rodovia federal, em Itabuna, o veículo dirigido pela mulher foi parado. Durante abordagem, Atena apontou para possíveis entorpecentes dentro de duas bagagens. Quando os PMs abriram as malas encontraram 18 kg de maconha prensada.

DROGA EM QUINTAL DE CASA NO SANTO ANTÔNIO

Pouco depois, as guarnições seguiram para o bairro Santo Antônio, em Itabuna, checar nova denúncia de outra mulher envolvida com tráfico de drogas. Com autorização da suspeita, a cadela Atena iniciou as buscas na área externa da casa. No quintal, a Pastor Belga Malinois começou a cavar e sentou.

Nesse ponto, os militares encontraram cerca de 5 kg de maconha enterrados, divididos em tabletes. No local ainda foram apreendidos nove pés de maconha e uma balança. As duas traficantes foram apresentadas na Delegacia Territorial (DT) de Itabuna.

“Sempre levamos nosso Canil Setorial. Os cães são indispensáveis na localização de entorpecentes”, disse o comandante da Cipe Cacaueira, major Ricardo Silva.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Três soldados lotados na 32ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Pojuca), que possuíam mandados de prisões, se entregaram, nesta terça-feira (7), informa a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). Os agentes públicos, suspeitos de envolvimentos com sequestros e roubos, se apresentaram na Corregedoria-Geral da Secretaria da Segurança Pública, no bairro de Amaralina, com advogados.

Os soldados foram ouvidos, passaram por exames no Departamento de Polícia Técnica (DPT) e, em seguida, foram encaminhados para o Batalhão de Choque, onde cumprirão prisões temporárias de 30 dias. O trio, em parceria com outros quatro militares da mesma unidade e um vigilante, é investigado por extorsões mediante sequestro, roubo, associação criminosa e abuso sexual.

O grupo passou a ser investigado depois de um assalto que aconteceu na cidade de Igaporã, no dia 9 de junho deste ano. Um imóvel foi invadido por homens fardados que diziam cumprir mandado judicial. Após subtraírem 5 mil reais, celulares e joias, os criminosos saíram e deixaram cair uma pistola calibre 40, pertencente a um soldado da 32ª CIPM (Pojuca). No mesmo dia o militar foi preso.

Equipes das Corregedorias Geral e da Polícia Militar seguem procurando o sétimo PM, integrante do grupo e com mandado de prisão em aberto, que não foi encontrado durante a operação e também não se apresentou.

Operação prendeu 7 policiais militares suspeitos de crimes
Tempo de leitura: 2 minutos

Sete policiais militares (seis homens e uma mulher), das patentes de subtenente e soldado, investigados por extorsão mediante sequestro e roubo são alvos de uma operação, nesta segunda-feira (6). O grupo é lotado na 32ª Companhia Independente da PM (CIPM/Pojuca).

A Força Tarefa da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), que investiga grupos de extermínio, cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão nos municípios de Pojuca, Alagoinhas, Capim Grosso, Igaporã e Feira de Santana.

Cerca de 140 policiais militares e civis cumpriram as ordens judiciais expedidas pela Auditoria Militar de Salvador e pela comarca de Igaporã. Três PMs presos foram apresentados no Batalhão de Choque (BPChq) da PM, em Lauro de Freitas. No local, uma Base Móvel do Departamento de Polícia Técnica (DPT) realizou exames de corpo de delito nos capturados.

Os militares cumprirão as prisões temporárias de 30 dias no BPChq. Outros quatro soldados seguem sendo procurados pelas equipes. Além dos agentes públicos, um homem que atua como vigilante também foi alvo da operação. Ele foi capturado em Igaporã e apresentado na Delegacia Territorial (DT) de Guanambi.

COMO O ESQUEMA FOI REVELADO

O grupo passou a ser investigado depois de um roubo que aconteceu na cidade de Igaporã, no dia 9 de junho deste ano. Um imóvel foi invadido por homens fardados que diziam cumprir mandado judicial.

Após subtraírem R$ 5 mil, celulares e joias, os criminosos saíram e deixaram cair uma pistola calibre 40, pertencente a um soldado da 32ª CIPM (Pojuca). No mesmo dia o militar foi preso.Leia Mais

PRF apreende droga em Jequié.
Tempo de leitura: < 1 minuto

Policiais rodoviários federais apreenderam, no início da tarde de deste domingo (5), em Jequié, no sudoeste da Bahia,  cerca de 110 quilos de maconha. A droga estava escondida em compartimento oculto de uma caminhonete FIAT/Strada, com placa de Belo Horizonte. Um homem foi preso.

O flagrante ocorreu quando o veículo passava pelo km 677 da BR-116, em frente a unidade policial da PRF, em Jequié. O veículo era dirigido por um homem, de 38 anos,  que apresentou nevosismo. Os policiais decidiram fazer uma vistoria detalhada e encontrou a maconha no compartimento oculto e também no pneu estepe.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado, juntamente com o veículo e a droga apreendida, para a Delegacia de Polícia Civil de Jequié . Se condenado, ele poderá pegar até 15 anos de prisão.

TCE e CGU encontram mais de 7 mil servidores na lista de beneficiário do auxílio emergencial
Tempo de leitura: 2 minutos

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) e a Controladoria Geral da União (CGU) identificaram 7.152 servidores (ativos e inativos) e pensionistas da administração estadual incluídos irregularmente como beneficiários do auxílio emergencial disponibilizado pela União.

Foi apurado o montante de recursos envolvidos nos pagamentos indevidos a esses servidores, no total de R$ 4.676.400,00, correspondente apenas a uma cota do auxílio mensal, podendo-se chegar a R$ 14.029.200,00, se houver o pagamento das duas cotas restantes.

No levantamento auditorial, foram utilizadas as bases de dados do pagamento do Auxílio Emergencial (Lei 13.982, de 02/04/2020) e das folhas de pagamento do mês de maio de 2020 dos servidores ativos, aposentados e pensionistas do Poder Executivo do Estado da Bahia. Também foram aplicados os mesmos procedimentos na folha de pagamentos do próprio TCE, mas não foi identificado pagamento do auxílio emergencial para esses servidores.

Para uma segunda fase dos trabalhos, o TCE-BA e a CGU aguardam que os Poderes Judiciário e Legislativo, assim como o Ministério Público e a Defensoria Pública, também forneçam as suas folhas de pagamento para o cruzamento, o que deverá ocorrer nos próximos dias.

Leia Mais

Escaner corporal foi instalado no Presídio de Itabuna || Foto Divulgação
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (SEAP) implantou um escêner corporal, de última geração, no Conjunto Penal de Itabuna. O equipamento assegura maior controle de acesso de objetos não autorizados no interior da unidade prisional e amplia a segurança dos colaboradores e visitantes. A montagem do equipamento foi finalizada e entregue na manhã dessa sexta-feira (3).

O diretor do CPI, Adriano Valério Jácome da Silva, acompanhado do diretor-adjunto, Bernardo Cerqueira Dutra, e do coordenador de Segurança, Fábio Vivas, fizeram a vistoria. O equipamento foi implantado e será operacionalizado pela empresa Socializa – Soluções em Gestão, que administra a unidade prisional em regime de cogestão com o Governo do Estado.

Com o escâner corporal, afirma Jácome, a unidade dá um salto de qualidade no controle de segurança. “Vamos ter um controle muito maior do que já fazíamos em relação ao ingresso de objetos não autorizados nas dependências da unidade prisional”, afirma Adriano Jácome.

SALAS DE VIDEOCONFERÊNCIA

Ainda manhã de sexta-feira (3), foram entregues pela empresa Socializa à direção do Conjunto Penal de Itabuna mais duas salas de videoconferência, para facilitar a realização de audiências remotas, respeitando as novas normas de segurança em saúde, devido à pandemia do novo coronavírus.Leia Mais

Armas e rádios foram apreendidos com irmãos
Tempo de leitura: < 1 minuto

Dois irmãos foram presos em flagrante, no sábado (27), por equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Mata Atlântica. Eles exibiam armas de fogo, no distrito de Itaporanga, em Porto Seguro, no extremo-sul da Bahia.

Os PMs prenderam os irmão após denúncia de que homens armados circulavam próxima da BR-367. Durante varreduras os homens foram surpreendidos, na Rua da Praia, e correram. De acordo com a polícia, um deles foi alcançado, dentro de uma residência, armado e com drogas.

Durante depoimento preliminar, ele informou onde morava com o irmão. Em outro imóvel, com autorização da mãe da dupla, os militares prenderam o outro suspeito com arma e rádios comunicadores.

Os irmãos, uma espingarda calibre 36, um revólver calibre 38, munições, dois rádios comunicadores, 21 porções de maconha e um celular foram apresentados no Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) de Porto Seguro.