Tempo de leitura: < 1 minuto

Sardinha vacilou e foi parar atrás das grades (Foto Divulgação).

Carlos Pereira Sardinha Júnior, 22, foi preso ontem após assaltar a Igreja Universal do Reino de Deus em Pau da Lima, Salvador. O assaltante acreditou que contaria com o perdão dos seguidores do bispo Edir Macêdo e embolsou cinco pares de abotoaduras avaliados em R$ 500,00.
O malandro conseguiu ser preso, mas o comparsa, um adolescente, conseguiu fugir das garras da polícia. Sardinha e o comparsa disseram que estavam apertados e queriam “aliviar” num dos banheiros do templo. Na saída, foram surpreendidos após arrombar uma das salas do templo. Sardinha deu pistas de que afanava algo: um dos pares de abotoadura caiu do bolso. Pastores conseguiram deter o meliante.