Comitê do instituto divulgou nota técnica defendendo prioridade de professores na fila da vacina
Tempo de leitura: < 1 minuto

Na última quarta-feira (10), o Comitê Técnico da Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB) publicou nota defendendo a inclusão dos professores na lista das categorias profissionais priorizadas para vacinação contra a Covid-19, depois dos trabalhadores envolvidos diretamente no combate à pandemia.

De acordo com o comitê, ao priorizar a vacinação desses profissionais, as autoridades contribuem no esforço para reduzir as desigualdades sociais, que cresceram por causa do fechamento das escolas. A retomada das atividades escolares, para o comitê, reduz o fosso entre os estudantes mais ricos e os mais pobres, que não dispõem das ferramentas tecnológicas mais modernas utilizadas no ensino remoto.

Ainda segundo o comitê, a suspensão das aulas presenciais durante o período de pandemia tornou ainda mais crítico o quadro de evasão e abandono escolar no país e potencializou a perda de vínculo entre escola, professores e estudantes.

Acesse a nota técnica.