Estudante é preso com maconha recebido pelos Correios
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um estudante do Curso de Direito foi preso em flagrante ao retirar uma caixa com maconha numa agência dos Correios na cidade de Barreiras, no Oeste da Bahia. O suspeito foi detido por policiais do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), da Coordenação de Apoio Tático à Investigação (Cati/Oeste) e da Polícia Federal.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), os policiais acompanharam o percurso da embalagem até seu destinatário. “Aguardamos a entrega ser concluída e abordamos o homem, de 23 anos, que deixava a agência dos Correios com a caixa recebida. Ao abrir identificamos 1.176 kg de maconha prensada e embalada em saco plástico”, detalhou o titular da 1ª Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), delegado Yves Correia.

Yves Correia explicou que o estudante iria faturar um alto valor com a maconha. “O quilo desta maconha é comercializado em média por R$ 3 mil. Essa é uma apreensão importante, além de um trabalho investigativo em conjunto no qual logramos êxito”, disse. O jovem teve a prisão em flagrante convertida em preventiva e segue à disposição do Poder Judiciário em Barreiras.

Tempo de leitura: 2 minutos
João Pedro quer cursar medicina

João Pedro Silva Bonfim, de 19 anos, é o dono da única nota 1.000 na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) da Bahia. O jovem mora na cidade Vitória da Conquista, no sudoeste do estado, e sonha em cursar medicina na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).

Quando criança, João Pedro sonhava em ser astronauta, mas decidiu escolher ser médico, por causa da estabilidade financeira e para cuidar dos familiares. “Quando eu era pequeno eu queria ser astronauta. Era um sonho de criança, queria descobrir o espaço, porque é um local que ninguém conhece. Ia ser legal descobrir o novo, mas o tempo foi passando e eu fui perdendo o interesse, os olhos pararam de brilhar”, contou o estudante.

“Ano passado eu tentei aplicar em medicina, e esse ano eu vou tentar de novo. A segunda opção é a área de linguagens, que eu gosto bastante. Pode ser Letras ou Relações Internacionais. Eu tenho visto que [medicina] é uma área valorizada no mercado”.

Leia Mais

Tempo de leitura: 2 minutos
Estudante cria aplicativo para o Enem

O estudante baiano Daniel Peixoto criou uma ferramenta para ajudar na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Idealizador do aplicativo Liceu Enem, o estudante do curso de Ciência da Computação, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), conta que o aplicativo já está disponível, gratuitamente, para Android e iOS, em versão beta.

O lançamento oficial deve acontecer no mês de julho, já com nova versão, que deve incluir um modo competitivo conectado às redes sociais. Batizado em homenagem à Escola de Aristóteles, o Liceu tem um diferencial para outros apps voltados ao Enem.

O estudante explica que “conversando com as pessoas, percebi que a deficiência ocorria quando o estudante errava a resposta. Então, me veio a ideia de trazer a resolução de cada pergunta. Programei um algoritmo que permite que o estudante, em caso de erro, seja direcionado a um vídeo com a resolução. Dessa forma, ele vai solucionar a questão e entender para que o erro não se repita”.

Leia Mais

Tempo de leitura: < 1 minuto
Polícia conclui acidente na morte de estudante
Polícia conclui que morte de estudante foi acidental

A Polícia Civil de Ilhéus, por meio do Núcleo de Homicídios, chefiado pela delegada Andréa Oliveira, concluiu nesta quarta-feira (11), o inquérito que investigava a morte da estudante Thayná Verena que gerou grande comoção na cidade. Segundo a delegada, a reconstituição confirmou o que a perita tinha definido no laudo, que a morte foi acidental.

“A conclusão, após oitivas de diversas testemunhas, laudos periciais de necropsia, local do crime, no veículo em que Thainá estava, além do laudo de reprodução simulada, foi de morte acidental”, salientou a delegada ao Blog Agravo. A jovem morreu na madrugada do dia 17 de janeiro do ano passado, na Avenida Soares Lopes, onde supostamente teria se jogado do veículo onde estava com o namorado e um amigo.

Na época, o então namorado da adolescente foi preso por dirigir alcoolizado e liberado após prestar depoimento e pagar fiança. O jovem disse, em depoimento na delegacia, que Thainá teria tentado sentar na janela do carro, mas ele não deixou e ela se jogou do veículo em movimento.

A família de Thayná mostrou desconfiança sobre a versão do namorado e solicitou investigação do ocorrido. Os familiares afirmaram que, apesar de a adolescente supostamente ter caído do carro, ela apresentava apenas um corte na cabeça, sem arranhões pelo corpo.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Procurado há mais de 20 dias pela polícia e familiares, após ter desaparecido na Argentina, o estudante baiano Luiz Henrique Souza Silva, 26 anos, teria feito contato com a família. Uma mensagem enviada do endereço de email do estudante dá conta de que ele está bem.

No blog criado para ajudar a localizar Luiz Henrique, foi postada a seguinte mensagem: “Ele está vivo. Ainda não sabemos nenhuma outra informação”. A nota também informa que o blog será extinto em uma semana.

Informações do Correio