Inscrições no vestibular da Uesb se encerram nesta quinta-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) encerra, nesta quinta-feira (5), as inscrições para o vestibular 2023. São ofertadas 915 vagas, sendo 459 para o primeiro período letivo de 2023 e 456 para o segundo período. As vagas são para os campi de Itapetinga, Jequié e Vitória da Conquista.

As inscrições podem ser feitas pela internet. Após preencher o formulário de inscrição, o candidato deverá imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da taxa, no valor de R$ 100,00, dentro da data de vencimento informada no próprio boleto.

Para os candidatos isentos, ao digitar o CPF no formulário de inscrição, será informado sobre a concessão da isenção e basta prosseguir normalmente, sem necessidade da geração e pagamento de boleto bancário.

Metade das vagas em cada curso será destinada à “Ampla Concorrência” e os outros 50% são voltados para a “Reserva de Vagas”, onde podem concorrer alunos de ensino público (70% para candidatos que se autodeclarem negros e 30% para os demais).

O Vestibular Uesb ainda dispõe da modalidade de “Cotas Adicionais”, onde são acrescidas três vagas, em cada curso, destinadas para quilombolas, indígenas e pessoas com deficiência (uma para cada grupo). As provas serão aplicadas nos dias 5 e 6 de fevereiro nas cidades de Itapetinga, Jequié e Vitória da Conquista. Acesse o edital.

Conta de água terá reajuste de 9,15%. Tarifa social não muda
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa) autorizou a Embasa a reajustar a tarifa de água e esgoto em 9,15%. A agência informou que o percentual ficou abaixo do solicitado pela prestadora, que foi de 13,73%. Já a tarifa mínima residencial social permanecerá em R$ 13,40.

O reajuste na tarifa de água atinge consumidores de municípios como Almadina, Aurelino Leal, Arataca, Buerarema, Canavieiras, Camacan, Ilhéus, Ipiaú, Itacaré, Itaju do Colônia, Uruçuca, Una, Eunápolis, Porto Seguro, Jequié e Vitória da Conquista.

De acordo com a Embasa, o reajuste anual visa recompor as perdas inflacionárias dos custos de prestação dos serviços. O percentual será aplicado de forma linear sobre as tarifas vigentes e passa a vigorar 30 dias depois da data de publicação.

Prevista em lei, a correção anual recompôs somente a variação da inflação do período medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Com o reajuste, o valor da tarifa mínima residencial intermediária passará de R$ R$ 26,40 para R$ 28,80 para faixa de consumo de 0 a 6 m³.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Caixa Econômica Federal abrirá 755 agências, neste sábado (5), das 8h às 12h, para atendimento a 7 milhões de beneficiários do Auxílio Emergencial e do Auxílio Emergencial Extensão nascidos em novembro e dezembro dos Ciclos 3 e 4.

De acordo com a Caixa, foram creditados R$ 5,6 bilhões para esse público. Desse total, R$ 2,4 bilhões são referentes às parcelas do Auxílio Emergencial e o restante, R$ 3,2 bilhões, às parcelas do Auxílio Emergencial Extensão.

Na Bahia, serão abertas agências em cidades como Itabuna, Ilhéus, Ipiaú, Feira de Santana, Eunápolis, Camaçari, Salvador, Itamaraju, Porto Seguro, Itapetinga, Valença, Jequié e Vitória da Conquista. Consulte aqui a relação de agências que estarão abertas neste sábado.

Tempo de leitura: 3 minutos
Cidadãos sofrem com falta de servidores|| Foto Pimenta

Déficit de cerca de 10 mil funcionários, além de pelo menos nove mil servidores que podem se aposentar a qualquer momento. Inúmeras ações judiciais questionando a incapacidade do órgão na prestação de benefícios e uma espera para resposta do pedido que pode chegar a mais de um ano – atingindo, fundamentalmente, idosos, pessoas com deficiência e mulheres em licença maternidade.

Esse é o atual cenário do funcionamento do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), autarquia vinculada ao Ministério da Previdência e Assistência Social, e que tem como responsabilidade a operacionalização dos direitos das pessoas sob o Regime Geral de Previdência Social, que abrange mais de 50 milhões de segurados e cerca de 33 milhões de beneficiários.

Diante do esvaziamento do corpo de servidores do órgão e da inviabilidade na concessão regular e tempestiva dos direitos constitucionais à previdência e à assistência social, o Ministério Público Federal (MPF) encaminhou uma recomendação à presidência do INSS e ao Ministério da Economia para que promovam, no âmbito das suas esferas de poder, os atos necessários à reposição da força de trabalho da autarquia.

No documento, o MPF recomenda ao Ministério da Economia que autorize, em prazo não superior a 30 dias, a realização de concurso público para a recomposição da força de trabalho do instituto, em quantitativo não inferior às vagas/cargos em aberto e para a formação de cadastro de reserva – inclusive para o preenchimento de postos resultantes da aposentadoria dos servidores que se encontram em abono de permanência.

Leia Mais