Tempo de leitura: < 1 minuto
.

Em meados de agosto, o ex-prefeito de Itapé, Pedro Jackson Brandão (Pedrão), estava com um pé no PMDB e outro no PP, partido do seu pupilo e atual prefeito de Itapé, Jackson Rezende. Na época, a imprensa divulgou a perda para os peemedebistas e para a campanha de Renato Costa a deputado estadual.

Agora, Pedrão dá uma guinada de 180 graus e diz que seu compromisso com os candidatos de Jackson Rezende é apenas em Itapé. Em outros municípios, está fechado com Renato e, mais, afirma que continuará filiado ao PMDB.

Não se sabe o que houve para Pedrão adotar comportamento tão camaleônico, mas a política tem dessas coisas. E, para não o chamarem de volúvel, o ex-prefeito alega que as notícias sobre sua quase mudança não passaram de “especulação”…

Tá bom.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Pimenta havia anunciado (confira), a noiva tentou desmentir ou se mostrar difícil, mas fato é que o ex-governador Otto Alencar se filiará mesmo ao PP para concorrer a uma das vagas ao Senado Federal em 2010. O atual conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) confirmou o desejo ao jornalista Levi Vasconcelos, de A Tarde.

Há 10 dias, numa entrevista ao Pimenta, o também pepista Roberto Britto já assegurava a a ida de Otto para o PP, e garantia que faltavam apenas alguns “ajustes finos”. Pois é. Tá tudo ajustado agora.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Publicado na coluna Painel, da Folha, hoje:

Rei morto… Nem bem deu adeus ao PMDB de Geddel Vieira Lima, Jaques Wagner (PT) começa a tratar o PP do líder na Câmara, Mário Negromonte, como aliado vip.

… rei posto. Com espaço maior no primeiro escalão do governo baiano, o PP já pleiteia uma das vagas ao Senado na chapa reeleitoral de Wagner. O PT, que tem postulantes ao cargo, está pacífico agora que não disputa mais com o PMDB espaços no governo.

Tempo de leitura: < 1 minuto

.
Fortes prestigia posse do secretário João Leão, também filiado ao PP.

Que a escolha do deputado federal João Leão para a Secretaria de Infraestrutura baiana foi muito criticada, disso não há dúvida. Talvez por isso, o deputado tenha procurado mostrar força ao contar com o ministro das Cidades, Márcio Fortes, entre as autoridades presentes à sua posse.

Agora, mãos à obra…