Tempo de leitura: < 1 minuto
Cidade despeja mais de 80% de seu esgoto no Rio Cachoeira
Cidade despeja mais de 80% de seu esgoto no Rio Cachoeira

O Observatório de Saneamento da Bahia realiza no próximo dia 29, no auditório da FTC, o Seminário “Desafios e o futuro do saneamento básico em Itabuna”.  O evento acontece no momento em que a cidade enfrenta a pior crise de abastecimento de água de sua história, além da já conhecida falência de seu sistema de esgotamento sanitário.

O assunto será abordado pelo sociólogo Edson Aparecido da Silva, coordenador da Frente Nacional pelo Saneamento, e pelo professor Luiz Roberto Morais, que possui extenso currículo na área de engenharia sanitária e ambiental

O seminário começa às 18 horas e será aberto ao público. Apoiam a iniciativa o Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Estado (Sindae), o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e a Federação Nacional dos Urbanitários (FNU).

O Observatório de Saneamento foi criado pelo grupo de pesquisa em Saneamento e Saúde Ambiental do Mestrado em Meio Ambiente, Águas e Saneamento da Universidade Federal da Bahia (Ufba). O objetivo é promover articulação e ação conjunta para defender a garantia do direito ao saneamento básico de qualidade para todos.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.