Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, Marão (PSD), autorizou música ao vivo nos bares e restaurantes da cidade. O decreto que permite o som de barzinho foi publicado na edição desta segunda (28) do Diário Oficial do Município. Estabelecimentos devem respeitar as regras sanitárias e de distanciamento social recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), da Secretaria de Saúde e algumas medidas específicas.

O novo decreto também liberou a prática de esportes coletivos para idosos e crianças em ambientes externos e academia. Bares e restaurantes interessados em oferecer atividade musical ao vivo para seus clientes, devem solicitar com antecedência de 5 dias ao exercício musical, junto à Secretaria de Meio Ambiente, autorização para a utilização do som com assinatura do termo de compromisso e responsabilidade.

Todos os músicos devem manter um distanciamento mínimo de 1 metro e 50 centímetros, usar máscara de proteção, exceto para cantor ou músico que usa instrumento de sopro. Também devem ser garantidas a higienização e desinfecção dos instrumentos e superfícies do palco ou local onde os músicos forem se apresentar; a disponibilização de álcool em gel para os músicos; distanciamento mínimo de 3 metros entre o local de apresentação e as mesas dos consumidores; e instalar e manter barreira física (fita, faixa ou similar) na frente do local da apresentação.

Estão proibidos o contato físico entre músicos e consumidores, o uso de espaço para dança e aglomeração de pessoas e atividades musicais em espaços fechados sem ventilação natural. Em caso de descumprimento, o estabelecimento pode ser multado no valor de R$ 5.000,00.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.