Mudanças nas zonas eleitorais em Itabuna
Tempo de leitura: 2 minutos

A 27ª e a 28ª zona eleitorais divulgaram, nesta terça-feira (10), mudanças de seções eleitorais em Itabuna, no domingo (15), dia das eleições. Quem votava no Centro de Cultura Adonias Filho ou nas escolas Plínio de Almeida e Antônio Carlos Magalhães, terá que se dirigir à Unime, Campus 2, no bairro Lomanto Júnior.

Três seções do Colégio Modelo, a 112, 114 e a 142, também foram relocadas para a faculdade. Já as seções que ficavam na escola Carrossel, foram transferidas para a escola Ewerton Chaloup, no Zizo, e para o Grupo Pedro Jerônimo.

Ainda na 27ª Zona Eleitoral, o Colégio Estadual de Itabuna, um dos maiores locais de votação da cidade, está em reforma e não vai poder receber eleitores esse ano. As 13 seções que funcionavam no local foram transferidas para o prédio ao lado, o Centro Territorial de Educação Profissional (Cetep), antigo Colégio Maria de Lourdes Veloso. Com a mudança o Cetep vai ficar nessas eleições com 24 seções e cerca de dez mil eleitores.

MAIS MUDANÇA

Houve mudança de locais de votação também na 28ª zona eleitoral. Os eleitores do Colégio Josué Brandão vão votar na Escola Municipal Lions Club e na Escola Municipal Luís Viana Filho, no bairro Santo Antônio.

As pessoas que votavam no Colégio Flávio Simões, que foi afetado pela chuva, deverão se dirigir ao salão paroquial Nossa Senhora Aparecida, no bairro Califórnia. Os eleitores do Galileu, no Pontalzinho, foram transferidos para a UniFTC anexo, que fica no centro.

As seções que funcionavam no Colégio Ciso foram divididas para funcionar nas escolas municipais Luís Eduardo Magalhães e Genival Correia de Almeida, no Parque Boa Vista, e Humberto de Alencar Castelo Branco, na Califórnia.

Para conferir o local de votação, a Justiça Eleitoral oferece três opções: o aplicativo e-Título – versão digital do título de eleitor – disponível para download em smartphones e tablets; o site do TRE-BA, na seção “serviços ao eleitor”; e ainda a Central de Atendimento Telefônico, no número (71) 3373-7000, informa o G1.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.