Porto Seguro encerra inscrições em processo seletivo nesta segunda-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

A juíza Zandra Anunciação Alvarez Parada, do Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça da Bahia, concedeu liminar que proíbe a realização de festas em Porto Seguro, no extremo-sul da Bahia. A magistrada atendeu a um pedido do Governo do Estado. A medida visa evitar a disseminação do novo coronavírus.

Município de Porto Seguro está proibido de autorizar, permitir ou viabilizar a realização de shows e festas públicas ou privadas. De acordo com a juíza Zandra Anunciação, estão proibidos eventos independentemente da quantidade de pessoas. Ela determinou multa de R$ 300 mil para caso de descumprimento da decisão judicial.

Porto Seguro tem 4.163 casos confirmados de Covid-19 e 81 óbitos causados pela doença desde o início da pandemia. Há nove pessoas internadas no município e outras 87 com os sintomas da doença aguardando resultado de exame. O município tem ainda 3.680 recuperados da doença.

Itabuna registra 136 casos de Covid-19 em 24 horas.
Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna registrou, nas últimas 24 horas, mais 65 casos de novo coronavírus. O número de pessoas infectadas pelo vírus desde o início da pandemia, no município do sul da Bahia, atingiu a marca de 15.971 casos, segundo o boletim epidemiológico divulgado na noite deste sábado (26).

A quantidade de casos ativos também subiu nas últimas horas. Eram 710 até ontem. Hoje passou para 768 pessoas atualmente doentes no município. Nas últimas horas, 50 itabunenses receberam testes confirmando que estão infectados pelo vírus e que precisam ficar em isolamento.

Hoje, Itabuna tem 37 pessoas internadas nos hospitais Calixto Midlej Filho, Luís Eduardo Magalhães e Manoel Novaes. Desse total, 20 pacientes estão em  leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Os demais estão em leitos clínicos (enfermaria ). O município registra 355 óbitos e tem 14.848 curados.

Mega sorteia R$ 12 milhões na quarta
Tempo de leitura: < 1 minuto

Em 12 anos de história, a Mega da Virada pagou o total de R$ 2,6 bilhões a 107 apostas. Cerca de um terço desse valor foi distribuído nos três últimos anos, quando a premiação superou R$ 300 milhões.

A Mega da Virada é o sorteio das loterias mais popular entre os brasileiros por envolver grandes prêmios, sempre acima de três dígitos em milhões de reais. Não é à toa que na relação dos 10 maiores prêmios da história da Mega-Sena, oito são do último concurso do ano.

Saiba quais os 10 maiores sorteios da Mega da Virada

Nos concursos especiais o prêmio não acumula, e caso não haja acertador na faixa principal de seis dezenas da Mega da Virada, o valor é pago aos ganhadores de 5 acertos, e assim por diante, conforme as faixas de premiação. Porém, devido ao aumento de apostas para tentar a chance no grande prêmio, sempre pelo menos dois acertadores das seis dezenas.

Em 2017 e 2018 o número de ganhadores da faixa principal foi inédito na história da Mega-Sena. Em 2017, o maior prêmio registrado, de R$ 306,7 milhões, foi dividido entre 17 apostas de sete estados diferentes. Em 2018 a sorte da Mega da Virada chegou a todas as regiões do país, alcançando 16 estados.

Prefeito de Vitória da Conquista foi transferido para São Paulo
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, foi transferido, neste sábado (26), para o Hospital Sírio-Libânes, em São Paulo. Herzem Gusmão (MDB) estava internado no Hospital Samur, em Conquista, há oito dias, mas foi diagnosticado com o novo coronavírus no início do mês.

O boletim médico confirma que o prefeito saiu do isolamento e foi transferido para a continuidade do tratamento e reabilitação em São Paulo. O boletim é assinado pelos médicos Douglas Leandro Aparecido Barbosa de Matos e Miquéias Martins Silva. Na sexta-feira (25), o quadro de saúde de Gusmão piorou e ele precisou de auxílio de aparelhos para respirar.

O diagnóstico para o novo coronavírus foi confirmado no dia 7 de dezembro. Herzem Gusmão foi reeleito prefeito de Vitória da Conquista, em segundo turno, no dia 29 de novembro, com 54% dos votos. Ele derrotou o deputado estadual Zé Raimundo (PT).

Tempo de leitura: 2 minutos

Nossa geração foi colocada à prova e percebeu que não está tão protegida quanto imaginava a nossa vã filosofia do senso comum. Portanto, procuremos contribuir com um ciclo novo onde desacelerar signifique avançar na direção de aproveitar as oportunidades que a vida nos oferece.

 

Rosivaldo Pinheiro || rpmvida@yahoo.com.br

Estamos concluindo mais um ano. Não foi como imaginávamos que seria no momento em que nos despedíamos de 2019 e dávamos boas-vindas para o ano de 2020.

Esse está sendo um ano único. Podemos chamá-lo de um ano de desarrumação, de reinício, desafiador para a ordem econômica mundial e para a comunidade científica, de grande doação para os trabalhadores do setor de saúde e de outros segmentos que estão fazendo a engrenagem funcionar. Enfim, de superação para toda a sociedade.

Os defensores do liberalismo econômico tiveram que sair de cena por um instante, e o estado interventor de Kaynes voltou a ser chamado a dar as cartas para salvaguardar o ambiente econômico. Os recursos públicos foram aportados para a manutenção do ciclo do capital e novos arranjos socioeconômicos surgiram.

O ano de 2021 só iniciará de fato a partir da vacinação em massa no Brasil e no mundo, nos devolvendo a liberdade de circular num ambiente de maior segurança imunológica, mas com uma certeza: o mundo conforme experimentamos até o ano de 2019 não será mais possível nem individualmente, tampouco coletivamente.

O ano de 2021 se estabelecerá e a odisseia do homem na Terra exigirá cada vez maior atenção aos riscos decorrentes da sua constante exposição e dos hábitos da vida moderna. A ciência precisará de mecanismos cada vez mais integrados como forma de redução das vulnerabilidades diante das mutações dos vírus, das doenças diretamente surgidas a partir do padrão de consumo e mesmo dos avanços tecnológicos.

Que o próximo ano seja repleto de novas atitudes, que tenhamos consciências mais leves diante das nossas decisões diárias. Que a ciência seja ainda mais exercida e proativa, que a sociedade seja menos reativa e mais unida. Que sejamos mais humanos na construção de uma sociedade com maior equilíbrio entre as classes sociais para que possamos manter a nossa jornada na busca por um mundo melhor. Nossa geração foi colocada à prova e percebeu que não está tão protegida quanto imaginava a nossa vã filosofia do senso comum. Portanto, procuremos contribuir com um ciclo novo onde desacelerar signifique avançar na direção de aproveitar as oportunidades que a vida nos oferece.

Atitude!

Rosivaldo Pinheiro é economista e especialista em Planejamento de Cidades (Uesc).

PM realiza sonho de menino
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um pedido simples, mas comovente destinado ao Papai Noel surpreendeu as equipes da Patrulha Solidária do Comando de Policiamento da Região Sudoeste(CPR-S), na véspera de Natal. A caligrafia do pequeno Mário, de 9 anos, que pedia em sua cartinha uma ceia natalina para ele e sua família emocionou os integrantes da unidade, na noite da quinta-feira (24), em Vitória da Conquista.

A história chegou às mãos da tenente Maria Alice de Santana, coordenadora da Patrulha Solidária, por meio da parceria da PM com a TV Sudoeste. “Ficamos responsáveis de realizar o sonho de algumas crianças neste e assim que pegamos a correspondência, nos surpreendemos com esse pedido”, disse a oficial.

No bilhete destinado ao bom velhinho, Mário detalha que por conta da mãe estar desempregada e do falecimento recente do seu pai, a família estava sem ter o que comer. “Minha mãe comprou dois reais de pão e um suco para nós comermos. Por favor, me ajuda!” escreveu o menino.

EMOCIONADA

Emocionada, a oficial contou que ao ler o pedido do garoto, ela e os integrantes da unidade se uniram, receberam a ceia doada pelo restaurante Genecy, prepararam a cesta básica com alimentos e levaram presentes para o pequeno morador do bairro Cruzeiro.

“Ele vive com a mãe e mais três irmãos nos fundos da casa da avó e, assim que chegamos lá, ele não acreditou! Dava pra ver o brilho nos olhos. Isso só mostra que o nosso trabalho nos humaniza muito e com certeza essa família terá um Natal ainda mais bonito”, concluiu a tenente.

Lei que regulamenta Fundeb é sancionada
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Projeto de Lei nº 4.372/2020 de 2020, que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, foi sancionado na sexta-feira (25). O novo Fundeb, agora permanente, foi inserido na Constituição Federal por meio da Emenda Constitucional nº 108/2020 e necessitava de regulamentação para ser implementado.

O Fundeb é o principal instrumento de financiamento da educação básica pública no país, responsável por, aproximadamente, 60% das receitas vinculadas à Educação no âmbito dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

O Ministério da Educação participou ativamente desde o início das discussões da regulamentação, instituindo grupos de estudos internos e participando de todos os seminários de discussão realizados pelo relator do projeto.

O MEC propôs aprimoramentos nos dispositivos afetos à transparência, à fiscalização e ao controle quanto à aplicação dos recursos do Fundo, com o objetivo de assegurar o seu direcionamento à consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais e de promover a melhoria efetiva da qualidade da educação básica em nosso país.

ADEQUAÇÕES SUGERIDAS

Além disso, foram sugeridas adequações para abarcar as novas exigências da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) em relação ao ensino médio no que diz respeito ao itinerário da formação técnica e profissional.

Até 31 de dezembro, o Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro assinará, juntamente com o ministro da Economia, o ato que divulgará os critérios de distribuição do Fundeb nos três primeiros meses do próximo ano.

O MEC, por meio do FNDE, divulgará em breve os manuais de orientação aos gestores, com o propósito de promover a capacitação necessária à gestão e aplicação dos recursos. Ao longo de 2021, cursos de formação e capacitação aos gestores e aos conselheiros de acompanhamento e controle social serão ofertados pelo FNDE.