Conceição Vita explica propósitos do Foro, que recebe Daniel Coelho na sua primeira atividade
Tempo de leitura: < 1 minuto

O recém-criado Foro Psicanalítico do Sul da Bahia vai realizar seu ato inaugural nesta sexta-feira (11), às 17h, com uma comunicação do professor e psicanalista Daniel Coelho, da Universidade Federal de Sergipe (UFS). Com o tema “Aspectos históricos da repolitização da psicanálise”, a apresentação será via internet, no Google Meet. A inscrição é gratuita e deve ser feita neste link.

A psicanalista e professora Conceição Vita é membro do Foro e explica os propósitos do grupo. “É uma instância que tem como proposta o estudo e a discussão da psicanálise. Vamos alternar encontros com psicanalistas já reconhecidos nacionalmente e o próprio grupo, num processo de leitura e discussão de textos clássicos de Freud e Lacan e de textos atuais, de psicanalistas brasileiros, franceses, argentinos, mas especialmente brasileiros”, declarou, por telefone, em entrevista ao PIMENTA.

Docente da Faculdade de Ilhéus e da UniFTC, Conceição deixa claro que o objetivo do grupo não é formar psicanalistas nem oferecer formação institucional na área. A ideia é congregar pessoas que se dedicam ao estudo e à prática psicanalítica. “É uma tradição da psicanálise, desde Freud, que as pessoas se reúnam para estudar, discutir e produzir, por isso a gente deu essa identidade do sul da Bahia, para que as pessoas da região que tiverem interesse possam nos procurar”.

Interessados em obter mais informações sobre o Foro podem entrar em contato pelo número (73) 9 9199-7779, apenas via WhatsApp.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.