Data de nova paralisação foi anunciada hoje (25)
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os professores das universidades estaduais da Bahia (Uesc, Uneb, Uesb e Uefs) marcaram para terça-feira (31) a próxima paralisação da campanha por reajuste salarial. De acordo com a Associação dos Docentes da Uesc (Adusc), o objetivo do movimento é pressionar o governador Rui Costa (PT) a retomar o diálogo com a categoria.

A entidade divulgou nota sobre a decisão. “Após sete anos sem nenhum tipo de correção salarial, o Governo da Bahia aprovou um reajuste ridículo de 4%, muito abaixo dos 50% de perdas pela inflação no período”, diz trecho.

O texto também informa que o governo represa progressões, promoções e processos de reconhecimento de dedicação exclusiva. “Tudo isso impacta diretamente a qualidade do ensino e da educação pública no nosso estado”, conclui.

Uma resposta

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.