SCMI lança a Campanha Setembro Verde, a cor da esperança
Tempo de leitura: 2 minutos

A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (SCMI) lançou a Campanha Setembro Verde, que intensifica os esforços para conscientizar e sensibilizar a população sobre a importância da doação de órgãos para a vida de milhares de pessoas de todo o país. No sul da Bahia, além da SCMI, a iniciativa tem o apoio da Fundação Centro de Estudos Professor Edgar Santos e do Banco de Sangue de Itabuna, integrada à ação nacional da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos.

Além de conteúdos nas redes sociais da instituição, a campanha conta com palestras para agentes comunitários de saúde, mobilização nos hospitais Calixto Midlej Filho e Manoel Novaes, bate-papo com familiares e sensibilização em escola.

Estratégia de sensibilização de doadores foi discutida em reunião

Nesta terça-feira (13), educadores do Serviço de Atendimento à Rede em Ambiências Hospitalares e Domiciliares, da Rede Estadual de Educação, e Atendimento Educacional Hospitalar e Domiciliar, da Rede Municipal de Educação, que atuam com estudantes em tratamento no Centro de Hemodiálise da SCMI, reuniram-se com a equipe técnica de saúde para discutir o fluxo estadual para inclusão na lista de espera para o transplante de rins.

FILA DE ESPERA NA BAHIA

Na Santa Casa, o trabalho de mobilização de doadores é feito pela Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante, coordenada pela enfermeira Patrícia Betyar.

Ela explica que a campanha para reduzir o número de pessoas na fila de espera é realizada durante todo o ano, mas é intensificada no terceiro trimestre, pois 27 de setembro é o Dia Nacional de Doação de Órgãos. Mesmo com melhora significativa no primeiro semestre, a taxa de potenciais doadores está 50% menor que a esperada.

Mais de 51 mil pessoas no Brasil estão na fila de espera por um órgão. A Bahia é o quarto estado com maior quantidade de inscritos, com mais de 2.700 esperando a doação de um órgão compatível. A maior procura são por rim (1.587) e 1.088 córnea.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.