Evento será em Ibirapitanga, a partir desta sexta (2)
Tempo de leitura: < 1 minuto

A crescente demanda por cacau de qualidade estimula produtores a se organizarem em busca de formas vantajosas de comercialização das amêndoas especiais. A cooperação é um dos trunfos de quem tenta se inserir nesse mercado e será tema do Seminário Cacau de Qualidade e Caminhos para o Cooperativismo, na Câmara de Vereadores de Ibirapitanga, amanhã (2) e no sábado (3), das 8h às 13h.

A realização é da Prefeitura de Ibirapitanga, do Movimento Estadual dos Trabalhadores Rurais Assentados, Acampados e Quilombolas (Movimento CETA), e as correalizadoras da Muká Plataforma Agroecológica (Tabôa Fortalecimento Comunitário e Rede de Agroecologia Povos da Mata).

O Seminário vai reunir 150 agricultores, técnicos de campo, estudantes e pesquisadores. Na programação, serão apresentados casos exitosos de organização comunitária em Ibirapitanga, como fio condutor das reflexões acerca da comercialização de cacau orgânico de qualidade produzido com manejo agroecológico de baixo custo. Experiências de cooperativismo no Pará também serão conhecidas no evento.

A participação é gratuita e a inscrição deve ser feita neste link. O Seminário tem o apoio de Muká Plataforma Agroecológica, Cooperativa Central de Produção Orgânica da Transamazônica e Xingu, Centro de Inovação do Cacau, Indicação de Procedência Sul da Bahia, Organização de Conservação da Terra, Serviço de Assessoria a Organizações Populares Rurais, Dengo Chocolates, Universidade Estadual de Santa Cruz e Sebrae Bahia.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.