Trecho da BR-101, entre Itagimirim e Itapebi, segue interditado
Tempo de leitura: 2 minutos

As chuvas que caem na Bahia provocaram queda de árvores, deslizamentos de encostas, interdição de rodovias e alagamentos no sul e extremo-sul do estado. Em Coaraci, o Rio Almada, que corta a cidade, transbordou nesta quinta-feira (1º), alagou imóveis de áreas ribeirinhas e deixou várias famílias desabrigadas. Em Floresta Azul, a situação é parecida. Mas, por lá, foi o nível do Rio Salgado que subiu mais uma vez, causando alagamentos em dezenas de casas e estabelecimentos comerciais.

Outra cidade onde o temporal causou prejuízos nesta quinta-feira (1º) foi Ipiaú. Imóveis localizados na parte baixa da cidade foram inundados pela água. Uma das áreas atingidas foi o bairro Antônio Carlos Magalhães. Além disso, houve deslizamento de um barranco às margens da BR-330, na saída de Ipiaú para Jitaúna. O trecho da pista chegou a ficar parcialmente interditado.

Chuvas causam prejuízos em cidades do sul da Bahia

O temporal também causou alagamentos, em pelo menos 20 bairros de Itabuna, além das áreas centrais da cidade. Entre os locais atingidos estão Califórnia, Fátima, João Soares, Pontalzinho, São Caetano, Jardim Primavera, Urbis IV, Jorge Amado, Nova Itabuna, Ferradas, Maria Matos (Rua de Palha), Mangabinha, Santo Antônio, Monte Cristo, Antique, Nova Califórnia, Maria Pinheiro, Fonseca, Sarinha Alcântara e Lomanto.

As avenidas Ilhéus, Manoel Chaves, J.S. Pinheiro foram alagadas. Uma árvore caiu na BR-415, na saída de Itabuna para Ilhéus, em frente ao Condomínio Jardim das Acácias. A pista foi parcialmente interditada e o tráfego ficou lento.

Outros municípios do sul da Bahia que registram prejuízos causados pelas chuvas são Ibicaraí, Dário Meira, Itapé, Canavieiras, Itagibá, Barro Preto e Itajuípe. Em Barro Preto, várias famílias tiveram imóveis inundados com as chuvas dessa quinta-feira. Ibicaraí,  junto com Itabuna, teve a situação de emergência decretada.

As chuvas também vêm causando estragos no extremo-sul. Além do município de Prado, que tem dezenas de famílias desabrigadas e outras tantas isoladas em comunidades rurais e distritos, há alagamentos em Porto Seguro, Eunápolis, Guaratinga, Itapebi, Santa Cruz Cabrália, Teixeira de Freitas, Nova Viçosa e Caravelas.

Ainda no extremo-sul do estado, um trecho da BR-101, entre os municípios de Itapebi e Itagimirim, segue interditado depois que uma cratera foi aberta no início da noite de quarta-feira (30). Uma equipe do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) está trabalhando, mas as chuvas dificultam as ações no local.

Quem está viajando no sentido Salvador tem a opção de entrar na estrada da Veracel e sair na cidade de Itapebi. O motorista que está fazendo o trajeto inverso deve pegar esse mesmo desvio. Só que entrando em Itapebi, seguindo pela estrada da empresa de celulose, até sair na BR-101, depois do trecho interditado.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.