Obras de construção de pontes e viaduto registra atraso e nova licitação || Reprodução Zé Drone
Tempo de leitura: 2 minutos

A licitação para escolha da empresa que construirá um viaduto e as quatro pontes de integração da BA-649 com a BR-415, que deveria ocorrer ontem (4), sofreu novo adiamento. As propostas serão abertas somente no próximo dia 15 de janeiro, informou a Secretaria Estadual de Infraestrutura da Bahia (Seinfra-BA) ao PIMENTA.

As obras foram divididas em 3 lotes. A BA-649 será uma nova ligação das principais cidades do sul da Bahia – Ilhéus e Itabuna -, mas pela margem direita do curso do Rio Cachoeira. Iniciadas no final de 2021, ainda com o então governador Rui Costa, as obras da rodovia estão 60% concluídas, de acordo com a Seinfra.

Serão 18 quilômetros de rodovia na margem direita do Cachoeira, com início na região do bairro São Judas, em Itabuna, até o Banco da Vitória, em Ilhéus. No percurso, a interligação com a rodovia federal, a BR-415, por onde hoje é feito o percurso entre as duas cidades, será por meio das pontes.

A construção da rodovia teve o cronograma afetado também pela necessidade de detonação de grande trecho rochoso conhecido como Pedra do Urubu, na região próximo ao Salobrinho, em Ilhéus.

OUTRO LADO

A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) informa que o processo de licitação para construção de quatro pontes e um viaduto na BA-649, entre Ilhéus e Itabuna, está em andamento.

Devido à necessidade de revisão e adequação do projeto das Obras de Arte Especiais (OAE), a data de abertura dos envelopes com as propostas das empresas interessadas na execução dos serviços foi alterada para o próximo dia 15, explicou a Seinfra em resposta à solicitação de informações feita pelo PIMENTA.

Atualmente, as etapas de terraplanagem, de pavimentação e de detonação de rocha estão sendo executadas. A previsão de conclusão é até o segundo semestre de 2024, de acordo com a Secretaria. O processo é coordenado pelo superintendente de Infraestrutura de Transporte (SIT), o engenheiro Saulo Pontes.

As obras da rodovia estão dentro do cronograma. No entanto, a construção de pontes e viaduto registra atraso devido ao cancelamento de contrato com a primeira empresa que venceu o processo licitatório e iniciou a construção da primeira ponte em 2021. Veja imagens atualizadas há 10 dias por Zé Drone.

11 respostas

  1. Essa deveria ser chamada uma obra feito ” embalagem de bom bom ” torcida de um lado e torcida na outra ponta,” no meio tudo fui bem mas os gargalos do início e fim vai ser um grande problema não vai resolver o trânsito que liga Itabuna / Ilhéus. De Banco da Vitória a Iheus vai se o grande gargalo. Eu me pergunto, só idiotas aprovam uma obra com tamanho custo sem resolver problema de trânsito/logística.

    1. Perfeito o seu comentário, e que infelizmente vai ser um caos esse gargalo Banco da Vitória/ ilhéus vice/ versa.
      Penso que é uma má vontade em resolver tal situação

      1. Bando de idiota que obra tão cara e por que assim que começou a obra não fez logo a licitação das ponte pura política para enganar o povo e idiota que cai nesse golpe de político vai travar tudo no banco da vitória disseram que ia ter as alças de acesso a zona norte e a zona sul mas é pura mentira dessa patelhada

    1. É simples, se resolver a situação, como vão barganhar mais votos mas próximas eleições. É preciso haver, uma oferta ao povo de melhoria, para que eles se mantenham.

  2. Parabéns muito bom, essa informação nos dar condições de ver de perto essa nova rodovia itabuna ilhéus uma obra de grande importância para toda região, esperamos que essa licitação das pontes e viadutos seja logo feito, mas gostaria desaber quanto das obras já foi realizada obrigado valeu

  3. Sério, o terreno antes do atacadão estava cheio de estrutura para a construção da ponte, viga , hoje só tem mato , entendi era só pra enganar os eleitores do PT kkkk

  4. Se pegarmos dos anúncios da obra no governo Wagner, das muitos anúncios e até assinatura pra início das obras por Rui Costa e o que temos visto até agora, provavelmente no segundo semestre de 2034 a obra será concluída.
    Estamos nos baseado modelo petista de obras; sem falar que, com as sempre licitações sendo refeitas (propositadamente?) a obra certamente terá um custo final de três ou quatro vezes maior o valor. E o pior, como alguém citou acima, não resolverá o problema!

  5. Bando de idiota que obra tão cara e por que assim que começou a obra não fez logo a licitação das ponte pura política para enganar o povo besta que cai nesse golpe de político vai travar tudo no banco da vitória disseram que ia ter as alças de acesso a zona norte e a zona sul mas é pura mentira dessa patelhada

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *