Cacau cabruca do sul da Bahia terá selo verde || Foto nstituto Cabruca
Tempo de leitura: < 1 minuto

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, sancionou, na quarta-feira (5), a Lei nº 14.877/24, que cria os selos verdes Cacau Cabruca e Cacau Amazônia. O objetivo é atestar a sustentabilidade e o interesse social e ambiental da cacaiucultura brasileira. A medida trata do cultivo de cacau em sistemas agroflorestais, tanto para a modalidade cabruca, praticada na Mata Atlântica, quanto para a produção na região da Amazônia.

Para conseguir a concessão dos selos verdes, o cacauicultor precisa atender práticas, como observar todas as leis ambientais e trabalhistas nacionais, estaduais ou municipais. Também é necessário cultivar o fruto na modalidade agroflorestal cabruca ou no bioma amazônico, de modo a conservar a diversidade biológica e seus valores associados, como recursos hídricos, solos, ecossistemas e paisagens.

Ainda, para ser concebido o selo verde, precisará comprovar que atividade será realizada de maneira sustentável, sem descaracterizar a cobertura vegetal e sem prejudicar a função ambiental da área de cultivo.

A diretora-geral da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) do Ministério da Agricultura e Pecuária, Lucimara Chiari, destaca que a cabruca é um sistema de produção de cacau que existe há mais de 100 anos. “O sistema é um grande propulsor da conservação da Mata Atlântica na região sul da Bahia, e o mesmo ocorre na Floresta Amazônica. A publicação da Lei é mais um ponto a favor da conservação das florestas para os dois biomas”, explicou.

Ministro Og Fernandes aceita denúncia contra desembargadora do TJBA
Tempo de leitura: 2 minutos

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu, na quarta-feira (5), a denúncia contra a desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) Ilona Márcia Reis, pelos crimes de associação criminosa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A denúncia teve origem na Operação Faroeste, deflagrada para apurar esquema de venda de decisões judiciais relacionadas a disputas de terras na região oeste da Bahia.

Além da desembargadora, o STJ aceitou denúncias contra outras duas pessoas. Com o recebimento da denúncia, tem início a fase da ação penal propriamente dita. Ainda não há data para o julgamento do mérito do processo. Em relação a Ilona Reis, o colegiado prorrogou o seu afastamento cautelar do cargo pelo prazo de um ano.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), a desembargadora teria recebido propina para dar decisões favoráveis aos interessados em três processos, todos relativos a imóveis localizados no oeste baiano. O valor total acordado na negociação seria de R$ 800 mil.

FAVORECIMENTO A GRUPO

A defesa da desembargadora alegou que, com a retirada de um dos investigados da denúncia, teria havido a modificação de toda a dinâmica dos fatos, sendo necessária a abertura de prazo para nova manifestação após a alteração da acusação. Investigados tinham minutas de decisões da desembargadora antes dos julgamentos.

O ministro Og Fernandes, relator, apontou que os elementos trazidos aos autos pelo MPF apontaram uma ligação estável e permanente entre Ilona Reis e os demais denunciados, com o objetivo de negociar decisões judiciais favoráveis ao grupo.

O relator também destacou que, durante as investigações, foram localizadas com um advogado e um ex-servidor do (TJ-BA), ambos denunciados pelo MPF – minutas de decisões ou votos em nome de Ilona Reis, antes da realização do julgamento pelo tribunal, o que indicaria a articulação dos três para a negociação das decisões.

Segundo Og Fernandes, relatórios de inteligência financeira identificaram movimentações bancárias suspeitas pela desembargadora. Além disso, apontou, no cumprimento de mandado de busca e apreensão no gabinete da magistrada, foram localizados diversos comprovantes de depósitos em dinheiro fracionados. Também foram detectadas transações envolvendo supostos laranjas e pessoas jurídicas.

Imagens sugerem que colisão pode ter sido intencional || Imagens Redes Sociais
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um carro teve a porta traseira esquerda completamente destruída ao ser atingido por um caminhão de guincho na Rua Ruffo Galvão, no Centro de Itabuna. Vídeo mostra o momento em que o veículo pesado atingiu o pequeno, um Chevrolet Onix, que estava estacionado.

As imagens vieram a público nesta quinta-feira (6). Elas sugerem que o motorista do caminhão pode ter causado o prejuízo de forma proposital, a julgar pela velocidade com que trafegava na via estreita. Ele fugiu do local. Assista.

Bento entrega comando da Secretaria de Gestão
Tempo de leitura: < 1 minuto

O pré-candidato a prefeito de Ilhéus pelo PSD, Bento Lima, não é mais secretário de Gestão e Inovação do município. Ele deixou o cargo ontem (5), último dia do prazo de desincompatibilização para disputar as eleições daqui a exatos quatro meses, no dia 6 de outubro.

Advogado e mestre em Propriedade Intelectual, Bento é o nome indicado pelo prefeito Mário Alexandre (PSD) para o pleito deste ano. Com breve passagem pela Casa Civil, ele comandou a Secretaria de Gestão desde o primeiro mandato de Mário, em 2017, quando a Pasta ainda era chamada de Administração.

Além do PSD, a pré-candidatura de Bento tem o apoio de Avante, Podemos, Agir e MDB. Nesta quinta-feira (6), em entrevista a’O Tabuleiro, da Ilhéus FM, o agora ex-secretário afirmou que seu nome também representa a base do Governo do Estado em Ilhéus.

Valderico Junior reafirma que não será vice de Jabes || TiTV
Tempo de leitura: 2 minutos

O pré-candidato a prefeito de Ilhéus pelo União Brasil, Valderico Junior, afirma que as pré-candidaturas de Bento Lima (PSD) e de Adélia Pinheiro (PT) representam o mesmo grupo no poder, sob o guarda-chuva do Governo do Estado. Para ele, a diferença é que o nome de Bento demonstra menor viabilidade.

“Dentro desse contexto, o Governo do Estado coloca um nome para criar viabilidade um pouco maior, tentando ir onde o povo deseja, tentando ludibriar que apresenta algo novo, mas a gente sabe que não é. As figurinhas são as mesmas”, disparou em entrevista ao PIMENTA.

“Se você olhar um retrato de três meses atrás, vai ver a ex-secretária [Adélia] dividindo cenários com o prefeito [Mário Alexandre]. A gente sabe que é o mesmo grupo, cada um tentando fazer seu espaço, mas eles tendem a estar juntos no final. Não tenho dificuldade de observar isso. É uma questão de viabilidade. Não deu certo com Bento, coloca Adélia para ver se vai”, emendou.

“PULVERIZAR É O QUE A SITUAÇÃO QUER”

A exemplo da posição defendida pelo ex-prefeito Jabes Ribeiro, pré-candidato do PP (veja aqui), Valderico Junior disse que um cenário com a oposição dividida só interessa a PT e PSD. Por isso, segundo ele, a necessidade do diálogo entre os partidos que não apoiam os governos estadual e municipal, alinhados à direita no espectro político.

“Na verdade, pulverizar é o que a situação quer. Para ganhar as eleições, temos que estar todos juntos. Não só Valderico, ou seja, União Brasil, PP, PDT, se possível, PL, Novo, qualquer partido que pense realmente em tirar a esquerda do nosso processo aqui, o PT ou PSD, para não haver essa continuação do mandato. A gente sabe que vai ter que conversar, independente de quem for candidato”, explicou.

Valderico vê sua pré-candidatura cada vez mais forte e discorda da interpretação segundo a qual a frente ampla estaria se desintegrando (relembre). “Estou muito tranquilo com essa construção, tendo em vista que o momento é de renovação. A gente entende que Ilhéus quer o novo, mas o diálogo tem que haver sempre. É nisso que o União Brasil tem se pautado, mas não quer dizer que está se afastando ou não [da frente]”.

 “SEMPRE ME PERGUNTAM”

Sobre a interlocução com Jabes, o pré-candidato do União Brasil voltou a afirmar que não existe a possibilidade de ser candidato a vice em uma chapa liderada pelo ex-prefeito. “Tenho que deixar sempre claro isso, porque é uma das coisas que as pessoas sempre me perguntam. Não serei vice de Jabes Ribeiro, como ele também já pontuou que não será nosso vice. Não tem problema algum. É manter a conversa, porque pulverizar é o pior cenário. Dialogando, a gente vai construir um projeto vitorioso”.

CAFEZINHO

O PIMENTA questionou a Valderico se era verdadeira a informação de que ele teria uma reunião com o pré-candidato a prefeito de Ilhéus pelo PDT, Augustão, na capital baiana, de onde conversou com o site. “Não. Nem sabia que ele está em Salvador. Mas, me interessou. Quem sabe a gente pode tomar um café, mas não estava sabendo. Vou passar uma mensagem para ele”, respondeu.

Gusttavo Lima e Pablo vão se apresentar na última noite do ItaPedro
Tempo de leitura: < 1 minuto

Pablo, o Rei da Sofrência, e Gusttavo Lima são atrações confirmadas no ItaPedro 2024, que vai agitar Itabuna de 27 a 30 de junho. Eles se apresentam na última noite da festa, na Arena Zé Cachoeira. A grade de shows tem outros nomes de peso, a exemplo de Targino Gondim, Dorgival Dantas e Léo Santana.

Também já foram anunciados Calcinha Preta, Joelma, Heitor Costa, Batista Lima e a dupla Hugo e Guilherme. Será a terceira edição do evento, que é promovido pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), responsável pela execução das políticas culturais do município.

PATROCÍNIO

Neste ano, pela primeira vez, o ItaPedro abriu edital para captação de recursos privados. O show de Gusttavo Lima será bancado pelo patrocinador, que terá direito a contrapartidas na execução do evento.

Segundo a Prefeitura, o patrono terá direito a exclusividade na escolha da marca patrocinadora oficial de cervejaria; exploração comercial de bebidas e comidas no Camarote Oficial da Prefeitura; Camarote Exclusivo; publicidade de até doze marcas, que serão os patrocinadores oficiais do evento; e pontos de venda para comercialização de bebidas.

O prefeito Augusto Castro (PSD) explicou a parceria com a iniciativa privada.  “Abrir o evento para patrocínios é uma prática comum em grandes festas, permitindo que a cidade tenha mais uma atração de qualidade, sem que o custo recaia sobre os cofres públicos. Isso fortalece o ItaPedro como um evento de referência, atraindo turistas e movimentando a economia local”, afirmou.

PM apresenta material apreendido na Operação Força Total em Itabuna || Foto PM
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Militar apreendeu arma e drogas em frentes distintas da Operação Força Total, nesta quarta-feira (5), em Itabuna. No Fonseca, um grupo em atitude suspeita fugiu ao notar a chegada de viaturas e deixou para trás 31 porções de crack, três de cocaína, duas balanças digitais, embalagens para acondicionamento de drogas, um tablete de maconha e mais 89 porções da erva.

Também nesta quarta (5), no Santa Clara, um casal em fuga abandonou uma réplica de pistola, uma arma de fabricação caseira, três balanças, 52 porções de maconha e pinos usados para armazenar cocaína.

Os policiais militares registraram os dois casos na 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), para onde levaram os materiais apreendidos. Até o momento, nenhum dos suspeitos foi preso.

Em Teixeira de Freitas, a unidade SineBahia atende no Shopping PátioMix || Foto Liberdade News
Tempo de leitura: 6 minutos

Cuidadora, analista fiscal, motorista de rodotrem, assistente de Logística e churrasqueiro estão entre as vagas anunciadas pelo SineBahia, nesta quinta-feira (6), para as unidades de Itabuna, Ilhéus, Jequié e Teixeira de Freitas.

Ainda de acordo com o serviço estadual de vagas e qualificação para o mercado de trabalho, há 108 vagas em Jequié, 43 em Itabuna, 36 em Teixeira de Freitas e outras 16 em Ilhéus.

Os candidatos devem ficar atentos ao horário de atendimento. Itabuna, Ilhéus e Teixeira de Freitas encerram o expediente às 16h e Jequié às 17h, mas os interessados devem chegar, pelo menos, meia hora antes do fechamento.

Para o cadastramento, necessário apresentar carteiras de Trabalho e de Identidade, CPF e comprovantes de residência e de escolaridade. Caso possua, também certificado de curso de qualificação na área desejada.

ENDEREÇO DO SINEBAHIA

O SineBahia em Teixeira de Freitas está situado no Shopping Pátio Mix. A unidade itabunense atende no segundo piso do Shopping Jequitibá, na Avenida Aziz Maron (Beira-Rio), no Góes Calmon. Em Jequié, a unidade fica na Avenida Octávio Mangabeira, no Mandacaru. O atendimento em Ilhéus é na Rua Eustáquio Bastos, no Centro. Veja as vagas ao clicar em Leia Mais, abaixo.

Leia Mais