Tempo de leitura: < 1 minuto

Um projeto do vereador Milton Gramacho (PRTB), de Itabuna, promete causar muita polêmica. Ele propõe a aplicação de multa aos proprietários de imóveis onde forem encontrados focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.
Para imóveis residenciais, o vereador defende uma multa de 50 Unidades Fiscais do Município (UFMs), algo em torno de R$ 1.700,00. Para os comerciais, o valor é o dobro.
O princípio é o de que essa história de conscientização funciona pouco. A coisa só se resolve mesmo quando o renitente no mau-costume é atingido no bolso.
Por outro lado, a falha do projeto é responsabilizar unicamente o cidadão, num momento em que boa parte da responsabilidade pelo avanço da dengue é atribuída à ausência do poder público.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Câmara de Vereadores de Itabuna quer dar um basta nos comentários sobre a lisura de suas licitações. Para dirimir questionamentos, convocou o Ministério Público para acompanhar as tomadas de preço que serão realizadas nesta sexta-feira (20), a partir das 9 horas.
De uma sentada, serão contratados serviços de publicidade, vigilância, limpeza e passagens.
A abertura e o julgamento das propostas serão acompanhados por um representante do MP. O convite foi  entregue na última terça-feira ao promotor Clodoaldo da Anunciação.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Cerca de 360 dos 400 funcionários da fábrica da Malwee em Camacan cruzaram os braços na manhã desta quinta-feira (19). Os trabalhadores se encontram em campanha salarial, cobrando reajuste de 16,27%. O piso dos operários está em R$ 430,00 e eles querem aumento para R$ 500,00.
Mas a empresa não quer abrir a mão da maneira que os funcionários desejam e oferece reposição de 10,46%, o que elevaria os salários para R$ 475,00.
Por enquanto, nada feito. Hoje pela manhã, o sindicato da categoria, o Sintratec, promoveu assembléia em frente à fábrica, mas o ato terminou em pancadaria.
As vias de fato teriam sido comandadas por um preposto da Malwee, identificado como Maicon, que promoveu farta distribuição de tabefes. Uma das vítimas foi o presidente do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Jairo Araújo, que está em Camacan dando apoio aos operários, juntamente com outros sindicalistas.
Enquanto os ânimos não esfriam e as negociações não são retomadas, os grevistas permanecem concentrados na Praça do Bené, no centro de Camacan. Araújo e outras vítimas de agressão registraram ocorrência policial e logo mais serão submetido a exame no Complexo Policial de Itabuna.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Apenas dois médicos estão atendendo no pronto-socorro do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem) em Itabuna.
A unidade é referência para os casos de urgência e emergência no município e para lá também são encaminhados, diariamente, centenas de pacientes vítimas da dengue.
Os médicos reclamam da carga de trabalho. Pior: o mês de fevereiro caminha para o final e o salário de janeiro ainda não pingou na conta.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um cidadão ligou para a Emasa pelo 0800 para informar vazamento na rede que também abastece o Posto Comunitário da PM, no bairro Conceição. A ligação foi por volta das 17 horas de quarta-feira. Depois de toda a burocracia do atendente, com perguntas inócuas, recebeu o número da reclamação.
Mais de 12 horas depois, já na quinta-feira, por volta das 7h30min, o cidadão pode observar que a água já não jorrava mais em abundância, embora o serviço não tenha sido feito pela empresa. É que problemas na captação interromperam o abastecimento em toda a cidade. Como a Emasa não consertou o defeito reclamado, por certo, a água voltará a se perder…”
É preciso que o novo presidente, que deseja marcar sua passagem pela austeridade, inclusive economizando R$ 500 mil nos primeiros dias de gestão, dê um jeito nesse setor. Afinal, é inadmissível que em Itabuna as perdas de água tratada sejam superiores a 50%.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Assembléia Legislativa baiana aprovou por unanimidade o reajuste de 5,9% para os servidores estaduais, incluindo o Legislativo, além dos subsídios do governador Jaques Wagner e do vice, Edmundo Pereira. Os secretários também serão beneficiados.
Ainda ontem o governador sancionou o projeto de transporte complementar, que tira da ilegalidade cerca de 7,5 mil vans. O projeto estabelece cinco subsistemas de transporte – estrutural, regional, rural, metropolitano e complementar.
Para participar da licitação, o operador precisará comprovar que já mora na localidade da linha há pelo menos cinco anos e só poderá disputar com apenas um veículo, que deve ter capacidade mínima para 12 passageiros. A permissão para a exploração da linha terá prazo de cinco anos, prorrogável por mais cinco.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma reunião ocorrida hoje à tarde na 7ª Dires traçou algumas medidas que serão tomadas nos próximos dias, no combate ao mosquito transmissor da dengue e melhoria do atendimento às pessoas que apresentam sintomas da doença.
A boa notícia divulgada no encontro, do qual participaram o secretário municipal de Saúde Antônio Vieira e o coordenador da 7ª Dires, João Marcos de Lima, além de representantes da Vigilância Epidemiológica, foi a de que mais três carros-fumacê chegarão na tarde desta quinta-feira (19) a Itabuna. Outros dois já estão sendo utilizados nos bairros da cidade.
Durante a reunião, houve muitas críticas ao atendimento prestado nos hospitais de Base e Manoel Novaes, além do Cemepi.
O Pimenta já havia antecipado na terça ( 17) que a Sesab iria intensificar a aplicação do fumacê em Itabuna, mesmo contrariando regras da Organização Mundial de Saúde (OMS). A ofensiva foi definida em reunião de técnicos da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Sesab e da Fundação Nacional de Saúde, na terça.
A OMS recomenda que a borrifação em toda a cidade seja feita só uma vez a cada intervalo de 12 meses. A medida visa evitar que o mosquito da dengue adquira resistência ao inseticida. Como a situação é crítica, o setor de Vigilância Epidemiológica da Sesab decidiu aplicar o inseticida em todo o município agora, menos de sete meses após a última borrifação 100% (que ocorreu em julho).

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Itabuna voltou a vencer no Baianão e ficou mais perto do G-4. Jogando em casa, a equipe derrotou o Fluminense de Feira, por 2 a 1. Os gols foram marcados no primeiro tempo.
O Azulino abriu o placar aos 14 minutos, com Lei. Dudu empatou para o tricolor de Feira, aos 47. O gol da vitória do time sulbaiano foi marcado por Wenkley, aos 50 minutos.
Com o resultado, o Itabuna sobe para o quinto lugar, com 15 pontos. O Flu permanece em quarto, com 17.

Tigre vence de virada

A noite foi de vitória dos sulbaianos em cima dos times de Feira de Santana. O Colo Colo venceu a segunda partida em dez jogos no Baianão e se manteve na vice-lanterna da competição.
O Tigre bateu o Feirense, no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana. Após fechar o primeiro tempo atrás no placar, o time conseguiu virar o jogo. O Feirense fez 1×0 com Biriguidi, aos 20 minutos.
Na etapa final, o Tigre afiou as garras e empatou com Fábio Santos, aos 11 minutos. Almir Sergipano fez o gol da virada, aos 16. A equipe soma agora 7 pontos, um a mais que o lanterna Ipitanga.

Dupla BA-VI na mira

Os times voltam a jogar na quinta-feira pós-carnaval, dia 26. O Itabuna recebe o Vitória no estádio Luiz Viana Filho. O Colo Colo joga contra o Bahia, no estádio Pituaçu, em Salvador.
Bahia e Vitória lideram a competição, com 25 e 24 pontos, respectivamente. O Vitória da Conquista é o terceiro e o Fluminense, o quarto.
Confira tudo sobre a rodada desta noite dando um clique na seção ESPORTE.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O governador Jaques Wagner vai reservar pelo menos dois dias de carnaval para prestigiar a folia no interior do estado. Dois dos municípios escolhidos estão na região oeste. O terceiro é Ilhéus.
O governo garantiu o carnaval ilheense com a liberação de recursos para a folia, via Bahiatursa. Wagner estará em Ilhéus na próxima segunda-feira.

Tempo de leitura: < 1 minuto

dantas1De olho na construção da ferrovia Oeste-Leste, o megaespeculador baiano Daniel Dantas estaria investindo pesado na compra de áreas de grande potencial para a extração de pedras e matéria-prima para a obra. O negócio é mais do que rentável.
A informação é confirmada por especialistas contratados por empresas responsáveis por tocar o projeto do complexo portuário de Ilhéus, que estará interligado à ferrovia.
A compra de áreas não se limita ao sul da Bahia, mas a quase todo o trecho baiano da ferrovia de 1.500 quilômetros de extensão. Dantas não entraria sozinho nas aquisições.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Mané foi um dos maiores defensores do patrimônio histórico de Ilhéus (Foto José Nazal)
Mané: defesa do patrimônio histórico ilheense (Foto José Nazal)

A Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) declarou luto formal pela morte do fundador do Instituto Histórico de Ilhéus, Manoel Carlos de Almeida Amorim, Mané.
Ele foi um dos maiores defensores da preservação da identidade ilheense e também fundou a Sociedade de Defesa do Patrimônio Histórico de Ilhéus.
Mané, como era carinhosamente chamado pelos amigos, descansa em paz e deixa entre os filhos o presidente da Bahiapesca, Isaac Albagli. O corpo foi sepultado na tarde desta quarta-feira, em Ilhéus.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coelba reuniu prefeitos e secretários municipais, ontem à noite, para apresentar o seu propalado programa de eficientização do consumo de energia.
O encontro no Palace Hotel ia bem, o superintendente de operações da Coelba na Bahia, Jobert Menegueli, falava com desenvoltura das ações voltadas à “eficientização energética” e da qualidade dos serviços da empresa… até que acontece uma queda de energia, criando um quase-apagão momentâneo.
Foi quando um prefeito espirituoso (mas tímido) sugeriu trocar o Q de qualidade da Coelba por um outro Q, o de queda de energia.
É, faz sentido. Basta conferir como é o fornecimento em bairros de Itabuna, como o Alto Mirante e o Conceição. Clientes perdem aparelhos ou produtos com as quedas constantes e a relutância da empresa em ampliar o número de transformadores nestas regiões.

Tempo de leitura: < 1 minuto

hannasantosNossa, fiquei chocado com a notícia da morte de Hanna (leia aqui).
Há pouco mais de um mês, no início de janeiro, meu filho ficou internado no Novaes, e no mesmo apartamento em que ele estava, Hanna também estava lá.
Era um menina muito, mas muito alegre, comunicativa, conversava sobre tudo, super educada e percebi que ela era (e continuará sendo) muito amada por todos da família, já que o número de visitas era muito grande, todos querendo saber como estava aquela menininha linda.
Quando minha esposa me ligou avisando do falecimento dela, mesmo dentro da sala de aula, tive que me sugurar para não chorar.
Acho que aquele rostinho alegre nunca sairá da lembrança da minha família também (minha esposa, meu filho e eu).
Muito triste.
Derni Borges