Tempo de leitura: 2 minutos

Marco Wense

O caminho para a formação de uma boa coligação é complicado. As legendas da base aliada do governo Wagner estão descartadas.

O arquiteto Ronald Kalid, ex-secretário municipal de Viação e Obras do então governo Ubaldo Dantas, é um bom nome para a sucessão do prefeito José Nilton Azevedo (DEM).
Não há nenhuma voz que ponha em dúvida a capacidade, honestidade e, principalmente, a sua coerência diante do emaranhado jogo político, onde o interesse pessoal prevalece sobre o público.
Ronald Kalid, em que pese o apoio incansável e entusiasmado de José Adervan, presidente do PSDB de Itabuna, tem inúmeros obstáculos, alguns até intransponíveis.
O primeiro entrave é a cúpula estadual do tucanato, ainda indecisa sobre o lançamento de candidatura própria na disputa pelo cobiçado Centro Administrativo Firmino Alves.
O caminho para a formação de uma boa coligação é complicado. As legendas da base aliada do governo Wagner estão descartadas. As que fazem posição – DEM, PPS, PR e o PMDB – não vão se juntar ao PSDB.
O DEM de Maria Alice, se não houver nenhuma surpresa, deve apoiar a reeleição do prefeito Azevedo. O PPS é uma gigantesca interrogação. O PR do vereador Roberto de Souza quer distância do PSDB de Adervan. O PMDB de Renato Costa quer Ubaldo Dantas como candidato.
É evidente que os diretórios municipais não têm autonomia para uma decisão definitiva. Os partidos vivem sob a batuta autoritária do comando estadual. É o manda quem pode, obedece quem tem juízo.
Para complicar, ainda tem o deputado tucano Augusto Castro contrário a qualquer iniciativa de candidatura própria pelo PSDB, já que é aliado do prefeito Azevedo.
Como não bastassem todas essas dificuldades, o prefeiturável Ronald Kalik tem pela frente a opinião dos amigos que acham sua candidatura uma loucura de Adervan.
PS – A “loucura” de Adervan lembra a dos ceplaqueanos quando lançaram Geraldo Simões na disputa pela prefeitura de Itabuna. Deu no que deu: o petista virou chefe do Executivo por dois mandatos.
UBALDO DANTAS
O comando estadual do PMDB, tendo a frente o deputado Lúcio Vieira Lima, presidente estadual da legenda, vai conversar com o ex-prefeito Ubaldo Dantas sobre a sucessão municipal.
Lúcio, irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, gostou da lembrança do nome de Ubaldo para a disputa da prefeitura de Itabuna na eleição de 2012.
O nome de Ubaldo causou um rebuliço no processo sucessório. Para muitos, a candidatura de Ubaldo elimina qualquer chance de vitória do PT, seja com Juçara Feitosa ou Geraldo Simões.
Marco Wense é articulista da Contudo.

0 resposta

  1. Tudo isso é balela e não passa de mera especulação política. Lúcio não tá nem aí pra Ubaldo Dantas que diz e afirma não ser candidato nem que a “porca torça o rabo”, e ele tá coberto de razões; não tem dinheiro pra gastar na campanha e Geddel já disse que não investe um real sequer, haja visto os resultados das últimas campanhas aqui em Itabuna; investiu alto em Renato 2004 e 2006, Fabio 2008, em Lúcio e nele mesmo em 2010 e o reultado foi um desastre. Ubaldo é como aquele amor que vc teve um dia, mas que não vale a pena repetir.

  2. Zelão diz: – Em contrário
    Uma “improvável” candidatura de Ubaldo Dantas afetaria muito mais a uma também “improvável” candidatura a reeleição do “capitão prefeito,” do que mesmo a “questionável” candidatura de Jussara Feitosa, salvo se Ubaldo, caso seja candidato, aposte no confronto direto com Jussara, a exemplo da campanha contra Oduque, e assim agindo, adote o confronto pessoal, que a meu ver desgastaria às duas candidaturas.
    Ninguém ainda aventou a possibilidade de uma coligação entre o PMDB e o PSDB, formando a chapa Ubaldo e Ronald, contando inclusive com o apoio do DEM (caso se confirmem as especulações da negativa de legenda para Azevedo) e do próprio Fernando Gomes; do PPS e do PTN.

  3. a maioria dos ubalditas sempre votaram contra o PT mesmo quando ubaldo foi vice de geraldo,é uma análise errada dizer que uma candidatura de ubaldo prejudica o PT,muito pelo contrário.

  4. Parece que Ubaldo tem um passado irretocável.
    Excelente opção contra a vassoura-de-bruxa!!!

  5. VIVA DR.UBALDO,VIVA!SÓ ASSIM TEREMOS ITABUNA DE VOLTA NOVAMENTE,QUE SEJA ELE,AI SIM,IREI DAR O MEU VOTO COM MUITO PRAZER,VIVA UBALDO,VIVA!

  6. espero que itabuna nao esqueça que o partido do governador wagner e da presidente dilma é o pt.
    QUAL QUER OUTRA SIGLA PARTIDARIA SERA APENAS ALIADOS EX DO PMDB, QUE SINAL POR VINGANÇA MESQUINHA CONTRA O GERALDO SIMOES NA ULTIMA ELEIÇAO SE AJUNTOU AO DEM PARA ELEGER O AZEVEDO, O PROPRIO UBALDO DANTAS, NEM MORA EM ITABUNA.
    SE DILMA E WAGNER TEM ATENDIDO E MUITO BEM AO PREFEITO DE ITABUNA TEMOS FOTOS DELE EM REUNIAO COM O GOVERNADOR ATE MESMO EM BRASILIA COM OS MINISTROS DA PRESIDENTE. O GERALDO NUCA FOI RECEBIDO POR BORGES OU PAULO SOUTO.
    NO MEU ENTENDER AGORA TEM QUE SER A SIGLA PT EM ITABUNA, UMA QUE É A CHANCE DELES SEREM AVALIADOS COM GOVERNO DE ESTADO E FEDERAL. ITABUNA DEU CHANCE AO DEM COM FERNANDO E AZEVEDO REPETIU A DOSE COM AZEVEDO E VIEIRA.
    AGORA TEM QUE SET PT ITABUNA-BA 2012.

  7. RONALD VAI TER UM VOTAÇÃO PARECIDA COM A DE ADERVAN…VERGONHOSA.
    JÁ JUVENAL MAINARD VAI TER PARA VEREADOR A MESMA VOTAÇÃO QUE ROBERTA FILHA DE ADERVAN TEVE…..RIDICULA.
    EU NUNCA VI UM TERRA PRÁ TER TANTO POLITICO CAíDO DE PARAQUEDA:
    PINHEIRO
    JOELMA GILSOM
    MAURICIO
    JUVENAL(produto da mente fertil de adervan)
    LENINHA
    CARLOS FANTÃO
    ROLEMBERG

  8. No PMDB HJ !TEM:????? JÔAO XAVIER???? como CADIDATO a PREFEITO esqueceu WENSE?????pelo que eu estou informado…agora se o renato costa(ele ignora)…não esta atento a isso…que venha os dois pra disputa!!!!

  9. O que prejudica uma provável candidatura do Ronald Kalid, sem dúvida é a presença do Jose Adervan ao seu lado.Um sujeito sem bandeira política. E que nos últimos anos usou o seu jornal para apoiar quem pagasse mais. Abra o Jornal agora, e veja se mostra alguma matéria sobre o abandono e corrupção existente nesta cidade. Jose Adervan já foi Ubaldo, Geraldo, Fernando, Geraldo outra vez, Fernando, e agora Azevedo.É um tipo de jornalista que não acrescenta nada de positivo para Itabuna, ou alguém que esteja pleiteando algo politicamente.

  10. Sinceramente, eu não entendo como um homem que não dá um bom dia ninguém, se acha preparado para ser prefeito de Itabuna. Acorda, Ronald….!!!

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.