Tempo de leitura: 2 minutos

Cláudio Rodrigues | aclaudiors@gmail.com
 

Se os colaboradores de Azevedo, que hoje fazem parte da equipe de Vane e Wenceslau, fossem bons técnicos e profissionais competentes, Itabuna não estaria nessa triste situação em que se encontra e Azevedo certamente não teria perdido a eleição.

 
Estou entre os 45.623 eleitores que, nas eleições de 2012, depositaram na dupla Vane/Wenceslau a esperança de mudança na condução dos destinos de nossa cidade. Durante o processo eleitoral, a equipe de comunicação da campanha de Vane e Wenceslau explorou a palavra mudança com muita competência.
A chapa encabeçada por Vane passou a ser sinônimo de esperança, ética, moralidade administrativa, política de segurança, planejamento, fim do nepotismo e, acima de tudo, de mudança. Até porque as últimas gestões foram caracterizadas por desmandos e incompetência administrativa, comprovadas pelas obras inacabadas e de péssima qualidade, falta de políticas sociais e denúncias de corrupção.
Após 30 dias à frente da administração municipal, Vane e Wenceslau conseguiram transformar a palavra mudança, que foi a marca da campanha, em dúvida, muita dúvida. Compor a equipe com pessoas da administração anterior, pessoas essas responsáveis direta ou indiretamente pelo completo estado de abandono em que a cidade se encontra, fica difícil de entender.
A justificativa do vice-prefeito de que as nomeações atendem a critérios políticos dos partidos aliados, mostra que o “toma lá, dá cá”, uma das piores práticas da política brasileira será uma das marcas desse governo. As nomeações de quadros da gestão do ex-prefeito Nilton Azevedo, como o ex-secretário de Desenvolvimento Urbano, José Alencar, responsável direto pelas obras de péssima qualidade e muitas inacabadas, que passa a ser o braço direito da secretaria comandada pelo vice-prefeito Wenceslau, é dose para leão. O que era ruim ontem, hoje é tudo de bom.
Outro nome que causa espanto é o de Alfredo Melo, que presidiu a Emasa nos dois primeiros anos de Azevedo e teve as duas prestações de contas rejeitadas pelo TCM. Agora, Melo dirige a pasta de projetos da Secretaria de Desenvolvimento Urbano. Isto sem falar em outras nomeações, de pessoas que no governo passado tiveram seus nomes envolvidos em práticas no mínimo suspeitas. Nada de pessoal contra os ex-colaboradores de Azevedo, até porque não os conheço, apenas sei que, como profissionais, suas qualidades deixam muito a desejar.
As escolhas do prefeito e do vice-prefeito, dos quadros de Azevedo para auxiliar a conduzir os destinos de Itabuna pelos próximos quatro anos, são fonte de questionamentos. Se a proposta era a da mudança, por que manter pessoas que não apresentaram resultados satisfatórios na gestão anterior?
Se os colaboradores de Azevedo, que hoje fazem parte da equipe de Vane e Wenceslau, fossem bons técnicos e profissionais competentes, Itabuna não estaria nessa triste situação em que se encontra e Azevedo certamente não teria perdido a eleição.
Cláudio Rodrigues é empresário.

0 resposta

  1. SOMOS ELEITORES DE VANE, E DESDE QUE ELE ASSUMIU, A EQUIPE DELE NÃO DISSE AINDA PARA QUE VEIO, NOS QUATRO CANTOS DA CIDADE O DEBATE QUE ENFRENTAMOS É VANE E WENCESLAU ESTÁ SENDO INJUSTO COM AS PESSOAS QUE REALMENTE APOIARAM, ESTAMOS DECEPCIONADOS.

  2. Parabenizo o sr Claudio pela excelente reflexão. Creio que esse é o sentimento de todos quantos votaram pela mudança e de muitos que não votaram ms tinham essa compreensão que se frustra agora, com as decisões tomadas e a clara e triste compreensão de que, ao que tudo indica, quem de fato, ( des) governará a cidade é o vice prefeito. Parece que a esperança de mudanças foi frustrada!

  3. MUITO BOM O COMENTARIO DE CLAUDIO RODRIGUES,CONCORDO”SE OS COLABORADORES DE AZEVEDO FOSSEM BONS TÉCNICOS E PROFISSIONAIS COMPETENTES,ITABUNA NÃO ESTARIA TÃO TRISTE NA SITUAÇÃO EM QUE SE ENCONTRA”.

  4. Pelo que estou vendo, Itabuna mudou apenas o Técnico, como fazem os times de futebol,pois, os jagadores são os mesmo, no futebol às vezes dá certo, espero que seja o caso da velha Tabocas.

  5. Eu penso que, uma vez determinado gestor público hora escolhido
    pela sociedade para governar uma cidade,estado ou país,o mesmo
    requer transmiti segurança a sociedade. O caso do Sr.Capitão Azevedo,é um exemplo clássico para mim,pelo fato de conhecê-lo
    há 34 anos e não têm perfil de um gestor municipal,quero dizer
    que não transmite segurança a sociedade.
    O Sr.Vane eu conheci numa visita à minha casa trazido por um grande amigo,neste papo sério,olhando olho a olho,pergunta e resposta, o mesmo fora convincente e transmitira segurança.
    Portanto,esta interação é determinante na vida daqueles que
    pretende ser um gestor do município,estado ou um país.
    Cada família,cada um cidadão e cidadã acreditara no gestor,pelo
    fato e de direito que o mesmo vai governar e não venha sofrer
    interferência de outrem,o que seria uma traição.
    Fato este que ocorreu com o Sr.Capitão Azevedo. Entretanto,neste início de gestão a sociedade de Itabuna que elegeu o Sr.Vane,faz sentido esta ressabiada pela ingerência da
    Igreja Universal e do Vise Prefeito,o Sr.Wenceslau,cabe ao
    Sr. Vane refletir e olhar pelo retrovisor e vê o que ocorreu
    com o Sr.Azevedo e o que a sociedade repudiara a sua reeleição.
    Portanto,sempre é bom parar refleti e pensar.

  6. Claudio Rodrigues está generalizando e radicalizando. No Governo Azevedo haviam pessoas qualificadas e tecnicamente preparadas, que fizeram a sua parte no Governo sem nenhum comando. Poderia aqui citar alguns nomes respeitáveis que seria injusto serem “condenados” por ua avaliação incorreta. O problema do atual Prefeito e Vice é a falta de discernimento para as escolhas. Se pelo menos retirassem dos outros governos aqueles bons e comprometidos com o trabalho sério… cairia a sopa no mel. Mas…

  7. O que está transparecendo é a idéia de que essa está sendo uma estratégia do PCdoB para desgastar Vane e mais à frente romper para ter candidatura própia. Cada passo dado por Wenceslau como, nomeações, “explicações” nos blogs, omissão deixa ainda mais evidenciado. Vane não ver blogs, sites, pouco lê jornal, de fato é obcecado pelo trabalho, atender pessoas, e como bom cristão custa em acreditar naqueles quem tentam abrir-lhe os olhos…Ainda dá pra acreditar na mudança, basta Vane despertar desse sono do “boa noite Cinderela” oferecido pelo PCdoB.

  8. O que Vane usou como pilar na sua canditadura foi a mudança das velhas práticas dos governos anteriores, assim como austeridade nas contas públicas,esta postura agradou muito aos que não estava sendo benefíciado pela farra dos empregos comissionados e que de fato gostaria de ver a cidade em rumo certo, porém em 30 dias de governo parece que o próprio esqueceu tudo que falou em campanha, mantendo em seu governo peças que participou do governo da bagunça, acreditando que mudando os mal feitores de lugar e de secretária os mesmos serão mais produtivos, ora, que atitude mais suspeita, tantos profissionais estão disponíveis no mercado,tanta gente boa que o apoio, e manter pessoas que diretamente ou indiretamente ajudaram a arrasar a cidade é no miníno falta de compromisso com a cidade, o critério divulgado em nota a imprensa pelo vice prefeito eleito e prefeito de fato, é tipíco da conversa fiada para enganar os tolos de plantão, isto não passa de troca de favores a quem os indicaram, cadê a austeridade que o prefeito tanto explorou, já que estas pessoas irá embolsar uma boa quantia de salário para de fato está ocupando os lugares de pessoas verdadeiramente competentes. Vane você pagará pela sua omissão, está seguindo o mesmo rumo do pobre capitão, se não tiver postura para romper com Wenceslau ele afundará seu governo, e você não será reeleito e ficará nos descrédito como uma figura que por aí passou recentemente.

  9. Enquanto for mantida esssa politica do toma la da ca, nunca conseguiremos melhorar a situação caotica desta cidade.
    E uma vergonha o que esta ocorrendo na gestao de VANE. Qual a mudança?
    Espero que o prefeito, e nao seu vice, repense suas atidudes. Nao esqueça das eleições. Queremos MUDANÇA

  10. É evidente que não se pode generalizar atribuindo a todos que trabalharam no Governo Azevedo a pecha de incompetentes e desonestos. Concordo que o novo Governo deve montar uma equipe adaptada ao seu perfil, contudo, o gestão pública no Brasil está cada vez mais complexa exigindo conhecimento e experiência daqueles que integram a Administração. Tal fato não deve ser desprezado por Vane. O que se deve buscar são resultados, se não forem atingidos o Prefeito deve agir com dureza e rapidez para não se igualar aos outros.Temos que superar o pensamento de que nomeação no Serviço Público é prêmio para quem fez campanha.

  11. O que dá para perceber é que estas nomeações foram feitas sem o que se diz Prefeito saber, quando souber já foi. Agora cabe a nós do mesmo geito que colocamos não deixarmos por muito tempo e tirá-lo logo, não podemos errar de novo.

  12. Também votei em Vane na esperança da tão prometida mudança.Assino em baixo do artigo acima.Vergonhosa a nomeação das pessoas citadas.Alencar e Melo são duas piadas de mau gosto.

  13. O sentimento do Cláudio Rodrigues é o de todos eleitores itabunenses que acreditaram em Vane como condutor de um processo de mudança. Além do repúdio ao governo da incompetência, acreditamos que a reconstrução de nossa cidade e recuperação de nossa dignidade era possível. No momento em que estamos tão decepcionados e céticos com políticos brasileiros, esse voto vale ouro. O meu vale, nunca vendi, troquei, emprestei. Desde os meus 18 anos voto em projetos políticos. No meu entendimento Vane representava um projeto viável,com limitações e falhas, mas representava.
    Uma ferida foi aberta através da nomeações de pessoas responsáveis diretamente pelo fracasso escandaloso do governo Azevedo. Retrocesso, decepção e vergonha. Daí vem o vice e cutuca a ferida aberta com um texto esfarrapado, restos de discurso que ele mandou embrulhar para a viagem, catados da mesa do Haroldo Lima e de outros burocratas do pseudo-socialismo. Requenta e manda goela abaixo do cidadão. Ele subestima a inteligência do eleitor. Ninguém engoliu, só a Claque bateu palminhas.
    Mas quero saber é do prefeito, quero ouvir o prefeito. Explicações coerentes. Sem blá, blá, blá, sem cururú, cururú, cururú.
    Os blogs da cidade dão conta que já saiu o primeiro “Boi de Piranha”, José Alencar. Agora pode passar a boiada inteira Itabuna? É pouco, muito pouco.

  14. O que esta acontecendo, o Prefeito Wenscelau, percebeu que dentro do Pc do B não tinha quadros para assumir os cargos, ois são cargos técnicos, então convidou profissionais técnicos sob indicação de Gilson Nascimento, mesmo porque alguns desses técnicos apoiaram o wenscelau para Deputado estadual, sob a batuta do Ex prefeito Pinheiro, Joelma, Mauricio e azevedo. as pessoas de Itabuna na sua maioria são Cegas politicamente.
    Um exemplo de Administração é O Colégio CAIC onde minha filha estuda, O diretor de lá que eu não gosto muito pois ée muito fechado, deveria se mantido no cargo, pois para mim é o melhor administrador da gestão passada, o CAIC é uma referência nacional, a escola tem tudo ara o bom funcionamento e porque essa gestão não aproveitou o excelente trabalho do diretor. claro ele é Fernandista, mais isso não é critério para ficar em cargo na gestão de wenscelau.

  15. Nem todos que trabalharam no governo anterior são ruins funcionários e nem colaboraram com este desmando do governo anterior. O prefeito precisa acima da política, ser técnico. Muitos funcionários desempenharam boas funções, mas não tinham autorização nem dinheiro para realizar projetos…

  16. concordo,votei em Vane pq quero uma mudança,pelo que entendo quando fala em mudança é limpar, organizar,tira do caminho tudo aquilo que esta empatando.Estam nomeando pessoas que faziam parte da bagunça, o povo esta inconformado com isso,outra coisa em relaçao aos gestores das escolas,gostaria muito que tiversse eleiçoes nas escolas, para escolha dos gestores,pois é os pais,alunos e funcionarios que sabem o que é melhor para as escolas,pq estam nomeando gestores que ñ tem compromisso,pessoas do governo passado que só mudaram de lugar,eleiçoes nas escolas já,mudança é isso.

  17. Ja estamos acostumados com esse fogo amigo dos canelas secas da oposiçao ao governo vane!Esse choro ja é conhecido desde outros carnavais! Que o Wenceslau tem que repenssar e ja repenssou sobre as news nomeaçoes tem! mas Vane reconhece a sinceridade e o respeito que o comunista tem por ele e nada abalara essa amizade e respeito!Vane fara um bom governo pois tem o apoio da grade maioria dos moradores de Itabuna ( somente os serios e honestos)e vai mostrar para que veio!no mas, é choro de perdedor e canelas secas,mamadores e desesperados incompetentes que sempre mamaram nas tetas dos governos dos irresponssaveis e desonestos!respeito é bom e nos gostamos!!!!

  18. Prezado,
    Wenceslau postou texto no pimenta defendendo as nomeações ‘ESTRANHAS” no governo de vane.
    Mas veja bem
    De fato é decepcionante quando votamos numa pessoa em busca de mudança. Mas é só olhar o Diario Oficial do Município e encontra-se diversos decretos de nomeação de gente do tempo de Azevedo e pios gente do tempo de Fernando Gomes. Gente inclusive envolvidas em fraudes e ate mesmo pessoas indiciados pela policia federal. Não é possível Wenceslau que venha falar em cargo técnico quando se tem por exemplo nomeação de um Aroldo por exemplo que foi da controladoria de Fernando Gomes, Quando se tem no setor de Licitações atualmente uma Julina que entiada de Rubem Piropo também do tempo de fernando. E o mais absurdo ainda, a nomeação de sr. Cristophe Sergio, cujo decreto 16162 de 18/01/2012, nomeado como assessor de acompanhamento de sitemas de prestação de contas, trabalahndo junto com Otom o controlador. Esse Sr. Critophe foi presidente de comissão na época de fernando gomes é foi indiciado pela PF, responde processo hoje em questões de licitações fraudelentas …Isso é ser técnico sr. Vice Prefeito ??? e Vane sabe mesmo destas coisas ? se sabe e aceita é conivente.
    Sou empresário na cidade de Itabuna e nunca consegui vender meus produtos para a prefeitura, pois as pessoas acima e principalmente esse Sr. Cristophe organizavam os esquemas nas licitações de tal maneira que só determinados grupos tinha exito ..
    Wenceslau, Vane … Olhem direito quem vcs estão contratando o povo ta de olho e pode dá resposta depois nas urnas

  19. Zelão, diz: – Era só discurso de campanha
    Parabéns Claúdio;
    Mesmo sendo ético e complacente no seu comentário voce não consegue esconder a sua frustração. A sua inteligência não se permite deixar enganar por muito tempo. O que sempre afirmamos de que; os compromissos assumidos por Vane não passavam de “mero e estudados discursos de campanha,” para os que preferiram dar um crédito de confiança, bem cedo começam a se desfazer.
    Sempre defendi que a administração municipal de Itabuna, precisava, acima de tudo, de um gestor(a)de “pulso firme” e que fosse capaz de fazer uma administração capaz de varrer todos os resquícios de corrupção e de incompetencia, herdados das administraçãoes passadas. Tinha que ter a coragem de romper com as artimanhas políticas que deram sustentação aos governos anteriores e que ajudaram a levar a cidade ao caos em que se encontra.
    Não me envergonho em dizer que Juçara seria a dministradora, com “sangue nas veias,” capaz de realizar as verdadeiras mudanças – capaz até de romper, se preciso fosse, com as influências, ditas políticas, do PT e do seu marido o deputado Geraldo Simões. De uma coisa podem ter a certeza: – Juçara não seria uma “marionete” à frente do governo municipal.

  20. concordo com zelão. Votei em vane e hoje vejo que juçara seria a melhor escolha, com pulso forte feito a dilma. Vane vai ser pior quie azevedo.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.