Professora não resistiu ao novo coronavírus. Casal vivia um bom momento
Tempo de leitura: 2 minutos

Rafaela da Silva de Jesus, de 28 anos, que morreu depois de ser infectada pelo novo coronavírus, era professora de uma escola da rede municipal de ensino em Itaju do Colônia. A jovem lecionava no município do sul da Bahia e ajudava o marido, na empresa da família, em Porto Seguro, no extremo-sul do estado.

A vida de Rafaela era muito corrida. Trabalhava nos dias úteis na rede pública de ensino em Itaju do Colônia e, nos finais de semana e feriados, viajava para o distrito de Trancoso para ajudar na empresa de turismo do marido, Erisvaldo Lopes dos Santos.

A professora fez tratamento para fertilização e engravidou de Alice. Na quarta-feira (1º), sete dias depois do nascimento da primeira filha, Rafaela Silva não resistiu ao novo coronavírus e morreu em Itapetinga, no sudoeste da Bahia, onde mora parte da família dela.

Rafaela e Erisvaldo Lopes viajaram para Itapetinga no dia 16 de março, onde decidiram que a jovem teria a criança em um hospital particular e receberia os cuidados dos familiares. Rafaela teve a filha e estava bem, mas cinco dias depois do parto começou a sentir sintomas como febre e falta de ar.

SUSPEITA DE COMO FOI O CONTÁGIO

O quadro de saúde da jovem se agravou. Ela foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Itapetinga, mas por causa do agravamento, seria transferida para um hospital em Vitória da Conquista, também no sudoeste da Bahia, mas não houve tempo.

O marido suspeita que a professora contraiu o vírus de um dos convidados de um casamento com a participação de 280 pessoas em Porto Seguro. A empresa do esposo foi contratada para o transporte dos convidados. Rafaela da Silva não trabalhou, mas teria usado o mesmo veículo que o marido.

Além de perder a esposa no momento que seria um dos mais felizes para a família, Erisvaldo Lopes vem tendo de enfrentar comentários maldosos nas redes sociais, mas também tem recebido mensagens de apoio. Da Redação com informações do UOL.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.