Abono começa a ser pago nesta quarta-feira
Tempo de leitura: 2 minutos

A Caixa Econômica Federal inicia, nesta quarta-feira (14), o pagamento do Abono Salarial calendário 2020/2021 para os trabalhadores nascidos em outubro que ainda não receberam por meio de crédito em conta. O  saque pode ser feito até 30 de junho de 2021. Em todo o calendário,  serão disponibilizados R$ 15,8 bilhões para 20,5 milhões trabalhadores.

Mais de 731 mil trabalhadores nascidos neste mês têm direito ao saque do benefício, que somam R$ 565 milhões . Os valores podem ser sacados com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui, bem como nas agências.

O valor do Abono Salarial varia de R$ 88 a R$ 1.045, de acordo com a quantidade de meses trabalhados durante o ano-base 2019. Beneficiários correntistas da Caixa, nascidos entre julho e dezembro, já receberam o benefício por meio de crédito em conta no último dia 30 de junho.

Leia Mais

Fies tem pouco mais de 50% das vagas ocupadas
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Ministério da Educação (MEC) informou, nesta terça-feira (13), os novos prazos de inscrições para cerca de 50 mil vagas remanescentes do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), referentes ao 2º semestre de 2020. São vagas não preenchidas nas edições deste ano dos processos seletivos regulares do Fies.

O cronograma consta em edital publicado no Diário Oficial da União de hoje. De acordo com o edital, a partir do dia 26 deste mês, poderão se inscrever tanto os candidatos não matriculados em instituição de educação superior, como também aqueles já matriculados, mas que buscam uma oportunidade para financiar a continuidade dos estudos.

Nos dois primeiros dias, ou seja, de 7h do dia 26 até as 23h59min do dia 27 de outubro, a oferta é exclusiva para os cursos de áreas do conhecimento prioritárias, como os cursos de saúde, engenharias, licenciaturas e Ciência da Computação.

Leia Mais

STF mantém escolas de Brumado fechadas
Tempo de leitura: < 1 minuto

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, manteve suspensas as aulas escolares presenciais e as escolas fechadas em Brumado, no sudoeste da Bahia. O ministro negou o pedido da prefeitura para autorizar a retomada das atividades nas redes municipais pública e privada.

Proferida no último dia 8, a decisão do ministro corrobou a determinação do Tribunal de Justiça da Bahia para que o município de Brumado suspendesse imediatamente portaria editada em 1º de setembro, autorizando a retomada das aulas presenciais.

A determinação do TJ-BA havia acatado pedido do Ministério Público estadual, em recurso impetrado pelo promotor de Justiça Millen Castro. O recurso negado por Luiz Fux foi ingressado contra a decisão da justiça estadual.

De acordo com o promotor Millen Castro, é essencial que se garanta o direito à educação com o retorno às aulas, porém, para que isso ocorra, a administração pública precisa apresentar um plano com medidas concretas implementadas, o que evitará que os alunos possam eventualmente ser foco de contaminação para os familiares de grupo de risco. Ele destacou que a curva de casos da doença ainda está crescente.

Juiz Alex Miranda proíbe aglomerações em campanhas em Ibicaraí
Tempo de leitura: < 1 minuto

O juiz da 29ª Zona Eleitoral, Alex Venícius Miranda, proibiu a realização de caminhadas e passeatas que reúnam mais de 100 pessoas no município de Ibicaraí. Os candidatos, partidos e simpatizantes também estão proibidos de recorrer aos paredões que gerem aglomeração.

O juiz Alex Venícius determinou multa de R$ 50 mil para caso de descumprimento da decisão judicial. A decisão do magistrado está prevista na resolução do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), que define as medidas sanitárias que devem ser cumpridas nas eleições deste ano.

Tempo de leitura: 2 minutos

OS PROFISSIONAIS DA GABRIELA FM, RADIALISTAS E TÉCNICOS, VÊM A PÚBLICO ESCLARECER AS RAZÕES PARA O AFASTAMENTO DE LUKE REY DA PROGRAMAÇÃO DA EMISSORA.

1 – Desde a pré-campanha eleitoral, profissionais da Gabriela FM têm sido vítimas de uma campanha sistemática de intimidação, através de ações judiciais, impetradas pelo prefeito Mário Alexandre e por seu partido, PSD, em função da divulgação de fatos jornalísticos e análises críticas dos atos e omissões por parte da atual Gestão Municipal.

2 – A partir de 11 de setembro, 12 ações foram impetradas contra profissionais da emissora. Desse total, nove tiveram como alvo Luck Rey, um dos líderes de audiência do rádio ilheense. O expressivo volume de ações, por si só, demonstra a intenção intimidadora. Acrescenta-se que a estrutura jurídica montada pelo prefeito atua de forma ostensiva em prejuízo ao livre exercício da imprensa, não se limitando a Gabriela FM, mas também a outros veículos não considerados aliados da Gestão Municipal, a exemplo do Blog do Gusmão, que igualmente responde a várias ações de censura impetradas pelo prefeito e o PSD.

3 – Como se sabe no âmbito jurídico, a repetição sistemática de ações contra o mesmo suposto autor, conforme as impetradas pelo prefeito e seu partido político contra Luck Rey, se torna um caminho para possíveis sanções legais que, no caso, poderiam ser multas ou até mesmo o seu afastamento do exercício profissional. Diante desses fatos, os seus colegas insistiram junto a ele e a direção da emissora, para tirá-lo do ar, ainda que temporariamente.

4 – Ressalta-se que os autores da enxurrada de ações contra o radialista, obviamente utilizaram-se da estratégia de opressão econômica, ciente de que o profissional não teria condições financeiras de arcar com os elevados custos advocatícios ensejados por tantas ações.

5 – Como profissionais de imprensa, estranhamos a atitude do presidente do Sindicato dos Radialistas de Ilhéus, Manoelito Puentes, já que a primeira obrigação da instituição é a defesa da liberdade de expressão. No nosso entendimento, o citado presidente deveria ter se afastado das suas funções sindicais ao ter assumido, em 27 de agosto último, o cargo de Chefe de Divisão de Pesca e Aquicultura, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Município, em pleno período eleitoral, o que coloca sob suspeita a sua necessária isenção.

6 – Por fim, ressaltamos que Luck Rey continuará tendo todo o apoio dos seus colegas da Gabriela FM, assim como da direção da emissora, mas principalmente do seu grande público, de toda a sociedade de Ilhéus e de todos que defendem a liberdade de imprensa.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou 693 casos de covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 1.342 curados (+0,4%) nas últimas 24 horas, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). Dos 327.327 casos confirmados desde o início da pandemia, 314.263 já são considerados curados e 5.876 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,15%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.249,22), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.279,34), Madre de Deus (6.220,07), Apuarema (5.688,95).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 661.822 casos descartados e 76.240 em investigação até as 17 horas desta terça (13). Na Bahia, 27.191 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

7.188 ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 29 óbitos que ocorreram em diversas datas – de 13 de julho a 12 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.188, representando uma letalidade de 2,20%. Dentre os óbitos, 55,93% ocorreram no sexo masculino e 44,07% no sexo feminino.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O deputado federal Leur Lomanto Jr. (DEM) disse que já passou da hora de o governo federal romper contrato de concessão da BR-116 com a Via Bahia. Ele classifica como “inadmissível” a continuidade dos serviços com a concessionária.

– Já passou da hora de o Governo romper o contrato com a Via Bahia. O ministro Tarcísio já tinha conhecimento desse cenário e pôde comprovar in loco o que temos reclamado há mais de um ano. Sabíamos que podíamos contar com a sua sensibilidade e trabalho para resolver essa situação – afirmou Leur Jr.

Em visita ontem à Bahia, ontem (12), o titular de Infraestrutura e Transportes, criticou a situação das estradas federais que cortam o estado e sinalizou que deve romper o contrato com a empresa. Leur Jr. defendeu que esse processo ocorra o mais rápido possível, pois os motoristas já não suportam mais pagar tarifas em rodovias que prestam péssimos serviços.

Numa reunião com o ministro, antes da pandemia, o deputado apelou para que houvesse o imediato cancelamento do contrato de concessão da Via Bahia, responsável pelas BRs 116 e 324 na Bahia. “É um absurdo que a concessionária continue operando dessa forma sem executar o que está no contrato e com obras atrasadas”, enfatizou Leur.

Na visita, o ministro disse que não são válidas as justificativas da Via Bahia para o descumprimento dos termos do contrato.

Azevedo ficou empolgado com recepção no Banco Raso || Foto Divulgação
Tempo de leitura: < 1 minuto

Candidato a prefeito de Itabuna pelo PL, Capitão Azevedo mostrou-se empolgado com a recepção que obteve na visita ao Banco Raso e ao Loteamento Santa Tereza, debaixo de chuva, na tarde desta segunda (12).

“Não imaginava que a população itabunense respondesse de forma carinhosa e com atenção, mesmo estando em um momento em que devemos ter muitos cuidados com a saúde, além de estarem nas ruas com o tempo fechado. Fico grato, por tudo isto. Só demonstra que estamos no caminho certo”, disse ele.

Aline Sousa disse que o ex-prefeito fez obras no bairro. “O Capitão Azevedo é muito querido por nossa comunidade, fez muito pela gente e olhou por nós, quando o bairro estava esquecido por gestões passadas”, afirmou a moradora da comunidade.

Maria Goretti Lima disse que reside no Banco Raso há dez anos. “Não conhecia muito o trabalho do capitão. Mesmo assim, no seu mandato, confiei meu voto e vi que Azevedo é uma pessoa humilde. É uma pessoa que, além de um candidato a prefeito, é sensível com seu povo, sempre buscando ouvir nossos anseios”, disse.

Pias solidárias são instaladas em 20 pontos de grande circullação de Ilhéus
Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta terça (13), a Avatim entregou 20 pias solidária à Prefeitura para instalação em pontos de grande circulação de Ilhéus. Com reservatórios de 200 litros de água e embalagem de 1 litro de sabonete líquido Avatim, cada pia atende a uma média de 80 lavagens de mãos antes de precisar ser reabastecida.

De acordo com o secretário de Serviços Urbanos, João Aquino, a Prefeitura estabeleceu ainda uma parceria com a Embasa para que, em todos os pontos possíveis, haja água encanada nessas pias. “Caso não tenha a possibilidade de água encanada, a Secretaria de Serviços Urbanos (Secsurb) assume o papel de abastecimento de acordo com a demanda, por meio de galões ou carro pipa”, esclarece.

De acordo com a Secretaria, as pias atenderão uma média de 4 mil lavagens por dia. A iniciativa faz parte do Programa Cuidar Solidário, da Avatim, e visa à prevenção da disseminação da doença causada pelo novo coronavírus (Covid-19).

– A higienização das mãos ainda é considerada pelos órgãos de saúde uma das medidas mais eficientes no combate ao Novo Coronavírus. Por isso, desenvolvemos esse modelo de pias solidárias de baixo custo, para atender principalmente à população mais vulnerável dos municípios do nosso entorno – afirma Mônica Burgos, sócia-fundadora da Avatim, ao informar que em breve a cidade de Itabuna também será beneficiada.

Confira os pontos onde serão instaladas pias solidárias para higienização das mãos em Ilhéus:

– Pracinha do Nossa Senhora da Vitória
– Pracinha da Urbis
– Nelson Costa
– Praça São João Batista – Pontal
– Praça da Antiga escola Padre Luís Palmeiras
– Catedral
– Orla da Sapetinga
– Salobrinho
– Praça Castro Alves (Praça da Irene)
– Praça JJ Seabra
– Em frente ao Ginásio de Esportes- Evaldo soledade
– Praça Santa Rita – Conquista
– Praça Coronel Pessoa – em frente ao Misael Tavares
– 2 de julho – Centro
– Praça do Pq. Infantil
– Av. Litorânea – em frente ao SAMU
– Teotônio Vilela -Próximo ao módulo da PM
– Banco da Vitória
– Vila Cachoeira – próximo à Escola Municipal
– Rodoviária de Ilhéus

Tempo de leitura: < 1 minuto

As obras do entorno das Avenidas Fernando Cordier e Aziz Maron (Beira-Rio) estão sendo finalizadas. Hoje, a Prefeitura de Itabuna anunciou que a reurbanização da orla receberá a bênção do Padre Tony. O ato religioso será nesta terça-feira (13), às 17 horas, próximo da nova academia ao ar livre, próximo à Ponte César Borges (São Caetano).

A secretária de Desenvolvimento Urbano, Leila Lessa, lembra que esta foi uma obra executada durante uma pandemia. “Tivemos muitos problemas com fornecedores e em relação à aquisição de materiais (por causa da pandemia. O que mais doeu foi uma grande parte dos nossos colaboradores testar positivo para a Covid-19. A angústia de ver nossos amigos passando por momentos difíceis foi grande, mas só temos a agradecer: todos foram curados. E até mesmo àqueles que infelizmente precisaram de respiradores, voltaram cheios de vontade de trabalhar. Queriam terminar a obra. Cada um que retornava queria ‘tirar o atraso’ dos dias afastados”, lembra a secretária.

Foram cerca de oito meses de obra, que dota o trecho da orla de recursos de acessibilidade, de esporte e de lazer, entre eles, piso tátil, rampas e faixas elevadas, duas academias para a prática de exercícios físicos, parque infantil e espaço para prática de jogos de dama, instalação de totens informativos sobre fauna, flora e mata atlântica, pista de cooper, ciclovia e ampliação da cabeceira da ponte do marabá. “Por tudo temos que comemorar, e não devemos esquecer o bem que esta obra foi para a cidade! O centro da cidade ficou mais bonito e humano”, frisa a secretária Leila Lessa.

Tempo de leitura: 2 minutos

Jabes fez questionamentos durante live com Jerberson Josué

O secretário-geral do PP baiano, Jabes Ribeiro, disse que a eleição deste ano será a oportunidade de o eleitor ilheense se perguntar o que o prefeito Mário Alexandre, Marão (PSD), faz com os R$ 500 milhões de receitas anuais do Município.

– Tira a ponte, tira o asfalto, tira o Hospital Costa do Cacau, o que é que tem? O que é que esse governo de Ilhéus pode mostrar [se tirar as obras do governo estadual]? – questionou Jabes durante live com o candidato a vereador Jerberson Josué (PT) na noite desta segunda (12).

Jabes, ex-prefeito de Ilhéus por quatro mandatos, diz que essas são as questões a serem enfrentadas na sucessão de 2020 pelo candidato à reeleição em Ilhéus. O secretário-geral do PP da Bahia ainda lembrou que a maioria das obras tocadas pelo estado foi iniciada ainda no seu último governo, a exemplo do hospital, a ponte estaiada e o saneamento básico da zona sul.

– [Marão tem que mostrar] isso aqui é produto dos R$ 500 milhões de arrecadação no ano. Como Marão gastou esse dinheiro da prefeitura? – provoca Jabes, afirmando que eleição em Ilhéus está aberta e cita como principais nomes, além de Marão, Valderico Junior (DEM) e Cacá Colchões (PP).

Para o ex-prefeito e secretário-geral do PP, Marão não teria obras a mostrar que tenham sido tocadas com o dinheiro arrecadado pelo município. E completa: “É saber se Ilhéus quer manter essa opção de quatro anos atrás. Se quiser manter, mantenha. Mas depois não vale chorar o leite derramado”.

AUMENTO DE PASSAGEM

O ex-prefeito disse que a conversa nos bastidores da política é de que “Marão, que ganhe ou perca”, dará aumento de passagem no final do ano. Antes, Jabes criticou o sistema de transporte na atual gestão, que ficou muito caro no Governo Marão. “O transporte ficou mal avaliado, pessimamente avaliado”, disse.

Tempo de leitura: 2 minutos

Dr. Umberto Castro Alves coordena projeto do Hospital Costa do Cacau

O Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, iniciou agora em outubro a oferta de mais um serviço de referência no interior da Bahia, as cirurgias minimamente invasivas em lesões no joelho. Esses procedimentos estão inseridos no projeto Artroscopia para Todos, idealizado pelo médico ortopedista Umberto Castro Alves, com o objetivo interiorizar essa prática para diversas regiões do Estado. O atendimento é 100% SUS.

As primeiras artroscopias realizadas no HRCC contaram com o apoio das equipes multidisciplinares do centro cirúrgico e demais setores do hospital, totalizando a marca de nove pacientes atendidos. Essas intervenções cirúrgicas têm indicativo para ocorrer quinzenalmente na unidade hospitalar.

Hospital Costa do Cacau inicia projeto de artroscopia

De acordo com o médico Umberto Castro Alves, ortopedista responsável pelas artroscopias no HRCC, esses pacientes, geralmente, são jovens atletas praticantes de atividades físicas que apresentam lesões crônicas no joelho. “Essas lesões precisam de tratamento cirúrgico, porém alguns desses pacientes estavam aguardando essa cirurgia há dez anos, outros aguardavam há mais tempo e não conseguiam o procedimento. A fila em Salvador é grande. Com a descentralização dessas cirurgias, isso facilitará a vida desses pacientes, sobretudo os da região cacaueira”, destacou.

O ortopedista disse que a artroscopia permite que o paciente restabeleça a condição física anterior a lesão, permitindo o retorno ao esporte, a prática esportiva, mas sobretudo, preservando a articulação e evitando desgastes no futuro. “Assim, você previne uma artrose futura no joelho, cuja limitação seria ainda pior. Então, ela tem duas funções: primeiro, retorno ao esporte e segundo a prevenção do desgaste articular”, explicou.

Tempo de leitura: 2 minutos

Professor Dorival e Valderico propõem criação de escritório de projetos

O prefeiturável de Ilhéus pelo DEM, Valderico Junior, propôs a criação de Escritório de Projetos para que o município capte e também não perca mais recursos de outras instâncias governamentais. “O Escritório de Projetos e Captação de Recursos vai ser um importante instrumento para solucionar os problemas do município e viabilizar economicamente as ações do Poder Executivo”, disse ele.

Junior explicou que o escritório vai integrar a Secretaria de Governo, para formular e enquadrar as políticas públicas locais conforme os programas dos governos estadual e federal. “Assim, o município vai ter o seu banco de projetos executivos para a captação de recursos. Por incrível que pareça, hoje a falta de projetos é um dos entraves para a execução de ações do poder público no município”, criticou Valderico Junior. Esse, porém não é o único empecilho para captação de recursos. Outro é estar com as contas em dia com a União e o governo estadual.

Ainda segundo ele, além do quadro de servidores efetivos, o escritório vai ter um programa de estágio remunerado para atrair colaboradores das instituições de ensino da região. O candidato a vice-prefeito da chapa, professor Dorival Filho, explica como funcionaria essa seleção nas instituições de ensino:

– A ideia desse processo de formação educacional contextualizada é fazer com que os estudantes tenham a oportunidade de lidar com os problemas reais do município, para que formulem e proponham soluções factíveis – argumentou professor Dorival Filho.

Dorival deu um exemplo de como o escritório vai atuar na prática. “Diversos morros de Ilhéus precisam de soluções urbanísticas para a contenção de encostas e melhorias de acessibilidade. Para solucionar esses problemas, o escritório vai contar com a expertise de profissionais e estudantes de engenharia e arquitetura. A mesma lógica vai orientar a atuação da equipe em outras áreas do governo, como: desenvolvimento econômico, educação e saúde”.

Idosos na região central de Brasília.
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Índice de Preços ao Consumidor da Terceira Idade (IPC-3i), que mede a variação da cesta de consumo de pessoas com mais de 60 anos de idade, registrou inflação de 1,93% no terceiro trimestre do ano. No segundo trimestre, o indicador havia registrado deflação (queda de preços) de 0,03%.

Com o resultado do terceiro trimestre, o IPC-3i acumula taxa de inflação de 4% em 12 meses, acima da registrada pelo Índice de Preços ao Consumidor – Brasil (IPC-BR), que mede a variação da cesta de compras para todas as faixas etárias e que acumula taxa de 3,62% em 12 meses.

No terceiro trimestre deste ano, os destaques ficaram com os transportes, que registraram inflação de 2,89% no período. O item que mais influenciou esse resultado foi a gasolina, com alta de preços de 8,64%. No segundo trimestre, o grupo de despesas havia tido deflação de 2,93%.

Também tiveram contribuições importantes a habitação (1,72%), os alimentos (2,74%), educação, leitura e recreação (4,65%) e despesas diversas (0,86%).

Por outro lado, vestuário teve deflação de 0,73%. Os demais grupos de despesas tiveram as seguintes taxas de inflação: saúde e cuidados pessoais (0,44%) e comunicação (0,92%).