Estudantes da Uesb precisam comprovar vacinação para frequentar às aulas
Tempo de leitura: < 1 minuto

Estudantes dos três campi da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) têm até o dia 23 de janeiro para comprovar a imunização contra a Covid-19. Essa é uma das medidas obrigatórias para a retomada das atividades acadêmicas presenciais. Professores e servidores técnico-administrativos já realizaram a comprovação junto ao Governo do Estado.

De acordo com a Uesb, os alunos precisam preencher, com o e-mail institucional, o formulário on-line de comprovação de imunização. Cada estudante deve anexar o comprovante de vacinação completo (duas doses ou dose única). Isso pode ser feito anexando o Certificado Nacional de Imunização Covid-19, emitido pelo ConecteSUS, ou digitalizando o cartão de vacinação disponibilizado pelas Secretarias de Saúde.

Para o aluno que ainda não tenha completado o ciclo vacinal ou que não tenha recebido a vacina até o dia 23 de janeiro, a universidade informa que, ainda assim, é necessário responder ao formulário na data indicada. Segundo a Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), cerca de 47% dos estudantes ainda não fizeram a comprovação até o momento.

PROTOCOLOS

Além da comprovação da vacinação contra a Covid-19, a Uesb adotou outras medidas, como o uso obrigatório de máscaras nos ambientes universitários, a garantia de limpeza, higienização e ventilação adequada dos espaços físicos e a disponibilidade de insumos para desinfecção frequente das mãos (água e sabão ou álcool 70%). Todas as medidas visam assegurar a saúde da comunidade acadêmica.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.