Tempo de leitura: < 1 minuto

Acusado de matar um casal de colombianos em maio de 2018 em Ilhéus, no sul da Bahia, Magno Rodrigues Silva foi condenado a 22 anos e 5 meses de prisão em regime fechado. O julgamento foi concluído no final da noite desta segunda-feira (28), no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, em Ilhéus.

Conforme a acusação e a polícia, Magno matou os colombianos Andres Aluan Rey e Diana Paola Zuluaga para não pagar uma dívida de R$ 7 mil ao casal. O agora condenado matou a tiros e enterrou o casal em cova rasa. A ação teve a ajuda de um de seus funcionários, identificado como Cosme Santana. Confira mais clicando aqui.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.