Alckmin e Lula participam de ato em São Paulo || Youtube/Reprodução
Tempo de leitura: < 1 minuto

O PSB indicou, formalmente, a intenção de ter o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin como candidato a vice-presidente na chapa do ex-presidente Lula (PT), nesta sexta-feira (8), em São Paulo. Alckmin e Lula participaram do ato.

A indicação será submetida ao PT, que, segundo Lula, receberá Alckmin como um velho companheiro. Para o ex-presidente, a dupla que forma com o ex-tucano acumula a experiência política necessária à reconstrução do Brasil.

O petista disse que sua provável aliança com Alckmin é demonstração muito forte de que diferenças programáticas podem ser superadas pela comunhão de princípios, como a defesa do Estado Democrático de Direito, numa referência às ameaças de golpe de estado feitas pelo presidente Jair Bolsonaro (PL).

No seu pronunciamento, Alckmin lembrou que Lula e ele entraram na política no processo de redemocratização do país. “É lamentável, presidente Lula, eu que entrei na vida pública como o senhor lá atrás para redemocratizar o Brasil, nós termos hoje um governo que atenta contra a democracia e atenta contra as instituições”, disse.

O PT planeja oficializar a pré-candidatura de Lula à presidência da República no próximo dia 30, também São Paulo.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.