Rui sai em defesa do governo e diz que Neto é aliado de Bolsonaro
Tempo de leitura: 2 minutos

O pré-candidato a governador ACM Neto (UB) afirmou que o governo estadual persegue e ameaça prefeitos para que declarem apoio ao também pré-candidato a governador Jerônimo Rodrigues, do PT. “A gente tem acompanhado, lamentavelmente, o Governo do Estado chamar os prefeitos, ameaçar. Dizem que, se não tirar uma foto, se não postar na rede social, se não colocar foto no WhatsApp e no Instagram, não vai receber o convênio, que a cidade não vai ser ajudada”.

“Isso é um absurdo, uma coisa inaceitável, uma coisa ditatorial”, emendou Neto, ainda se referindo às ameaças que atribui ao governo, nesta quinta (19), em Guajeru, no sudoeste da Bahia.

“Mas tudo bem, sabe por quê? Porque nada disso é mais forte do que a vontade do povo. Quando o povo quer uma coisa, acabou, não tem força que segure. E a beleza da democracia é essa, quando chega na hora da eleição é só cada pessoa, sua consciência e mais nada. O voto, graças a Deus, é secreto e inviolável. Cada pessoa pode ir lá e escolher pensando no melhor para o seu futuro”, concluiu o pré-candidato, que, neste final de semana, cumpre agenda em 11 municípios do sudoeste baiano.

SEGUNDO RUI, NETO É ALIADO DE BOLSONARO E MANDA NA CODEVASF

O governador Rui Costa (PT) recorreu a uma metáfora bíblica para responder a acusação do adversário. “As pessoas quando querem enganar o povo, a Bíblia faz uma citação de ‘lobo com pele de cordeiro’, ou seja, pessoas que buscam tentar enganar a população”, declarou o petista à Rádio Portal do Oeste, em Ibotirama, nesta sexta (20).

Ibotirama é dos tantos municípios baianos que nasceram e cresceram às margens do Rio São Francisco. Por isso, está no território de atuação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Na Bahia, segundo Rui Costa, a empresa pública opera sob a influência de ACM Neto e do União Brasil no governo Bolsonaro.

“É ele, o ex-prefeito, é ele que comanda, o partido dele que comanda. Eu pergunto a você: qual foi o projeto de desenvolvimento que a Codevasf fez na região nesse período? Me diga um. Diga uma parceria que a Codevasf fez com cada município”, desafiou Rui. Na sequência, chamou Neto de “filhinho de papai” e disse que o ex-prefeito acredita ter nascido em berço de ouro e, por isso, “acha que todo mundo tem que se abaixar e se ajoelhar em frente dele”.

Rui também ironizou a menção do adversário aos convênios do Estado. “Como é que um ex-prefeito pode ser contra ampliar o hospital de Ibotirama e eu botar aqui 25 milhões? Porque é disso que ele tá falando. Como é que o prefeito pode ser contra eu tirar o povo da lama e da poeira dos municípios? Isso mostra a cabeça de alguém que não quer gerir e melhorar a vida do povo. Ele, aliado de Bolsonaro, quer, ao estilo do Bolsonaro, continuar vendo o povo da Bahia sofrer. Mas o povo, aos poucos, vai conhecendo aqui o candidato do Lula, o nosso candidato Jerônimo e, logo, logo, o povo dará resposta a ele e a esses outros que se acham donos do poder”.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.