Tempo de leitura: 2 minutos

O Bahia perdeu muitas chances de gols na noite desta terça-feira (12), na Arena da Baixada, em Curitiba, contra o Athletico-PR, e deixou escapar a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. O Tricolor de Aço saiu na frente do placar, com lindo gol do atacante Davó, no primeiro tempo. Em seguida, os jogadores do Bahia desperdiçaram várias chances de ampliar o placar.

O castigo veio no segundo tempo, com de gols Erick e Rômulo para os paranaenses. Como perdeu a partida de ida na Arena Fonte Nova, em Salvador, o Bahia precisava vencer por dois gols de diferença para conquistar a classificação direta. Com a eliminação, o Tricolor de Aço deixa de faturar R$ 3,9 milhões.

COMO FOI O JOGO

O duelo na capital paranaense começou com tudo. O Furacão ameaçou no minuto inicial da partida, quando Canobbio aproveitou um chute de Khellven, desviou, mas sobre a meta. Já o Tricolor, aos quatro, teve um escanteio cobrado, Patrick tocou na bola e Davó virou um lindo voleio para abrir o placar.

Na altura dos 12, por pouco o Bahia não ampliou. Davó levantou na área e Gabriel Xavier mandou sobre o travessão. Aos 21, Canobbio arriscou o chute e a bola foi para fora. Terans, de falta, fez Danilo Fernandes trabalhar aos 40.

Após o intervalo, o Bahia quase ampliou com um minuto. Matheus entrou na área, chutou cruzado e Bento espalmou, no rebote André bateu por cima. Aos 21, foi a vez do Rubro-Negro chegar: Erick tabelou com Pablo e finalizou, mas foi travado pela defesa.

O Furacão conseguiu o empate aos 32. Terans cobrou escanteio, Erick desviou na área e estufou as redes do Tricolor. No fim, o Athletico-PR conseguiu a virada. Em contra a ataque rápido, Cuello tocou para Terans na área, que serviu Rômulo, ele balançou as redes e fechou a conta, aos 49.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.