Garotos de Itacaré conquistaram medalhas de ouro, prata e bronze na Europa|| Foto Divulgação
Tempo de leitura: 2 minutos

O sul da Bahia manteve a tradição de ser destaque internacional em provas da canoagem de velocidade. Os nomes da vez não foram os campeões Isaquias Queiroz e Erlon Souza, mas os canoístas revelação do esporte nacional Lucas dos Santos e Mateus Bastos. Os garotos conquistaram, na competição Olympic Hopes, na Eslováquia, quatro medalhas: uma de ouro, uma de prata e duas de bronze.

Os meninos de Itacaré representaram a Bahia e o Brasil na competição, que reuniu os maiores destaques jovens da canoagem velocidade, entre os dias 7 e 11 de setembro, em Bratislava, na Eslováquia, na Europa Central. Os garotos conquistaram uma medalha de ouro e uma de prata na prova do C2 Sub15/16, respectivamente, nos 1000 e nos 500 metros.

Atletas de Itacaré e Ubatã são destaques em competição internacional de canoagem

Os atletas são oriundos do Projeto Remando no Litoral Sul, apoiado pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). O projeto possui núcleos nas cidades de Itacaré, Ubatã, Ubaitaba e Maraú. Juntos, os quatro núcleos atendem 360 crianças e jovens de baixa renda.

Além de ouro e prata em dupla, os canoístas conquistaram um bronze cada na prova individual. Lucas dos Santos, em sua primeira competição internacional, foi o terceiro colocado na prova do C1 500m Sub-15 e na colocação geral, posição feita pelo evento, que avaliou o bom desempenho de 402 atletas de 40 países. Já Mateus Bastos, foi bronze na prova do C1 1000m Sub-16 e ficou em quinto na colocação geral.

Além deles, Adriely Viana, de Ubatã, terra de Erlon Souza, ficou em quarto lugar na prova do C1 200m Sub-17. Ela também foi aluna do Projeto Remando no Litoral Sul, sendo, agora, treinada junto a outros canoístas brasileiros na Equipe Nacional Permanente, em Capitólio (MG), ligada à seleção de base da Confederação Brasileira de Canoagem (CBCA).

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.