Profissionais e voluntários são capacitados para atuar no Mutirão do Diabetes
Tempo de leitura: < 1 minuto

A ONG Unidos pelo Diabetes promoveu capacitação de voluntários e profissionais de saúde que vão atuar no Mutirão do Diabetes de Itabuna, considerado o maior evento de prevenção e tratamento da doença no país. O evento, que está programado para novembro, tornou-se referência e já é replicado em cerca de 30 cidades brasileiras.

Lideradas pelo presidente da ONG e coordenador do Mutirão, médico Rafael Andrade, as capacitações mobilizaram pessoas que também atuarão como agentes multiplicadores. Os enfermeiros e os agentes comunitários que atuam nas Unidades Básicas de Saúde de Itabuna receberam treinamento para o atendimento aos pacientes no mutirão e para o acompanhamento permanente nas UBS. Já os estudantes de Enfermagem e professores da Faculdade Anhanguera foram capacitados para a realização dos testes de glicemia, para detecção de casos de diabetes.

Na última etapa da capacitação, os estudantes dos cursos de Medicina e de Enfermagem da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e da Faculdade Santo Agostinho (Fasa) receberam orientações para atuar junto aos médicos no tratamento do olho, pé e rim diabético. “Um dos focos do Mutirão é capacitar os profissionais de saúde do futuro que vão tratar dos portadores de diabetes, com um olhar humano, acolhedor, integral e multidisciplinar”, afirma Rafael Andrade.

O Mutirão do Diabetes de Itabuna, que chega à sua 18ª. edição em 2022, conta com o apoio da Prefeitura de Itabuna através da Secretaria Municipal de Saúde, e acontece dias 17 e 18 de novembro, na Terceira Via Hall.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.