Rui diz que número de não vacinados é preocupante
Tempo de leitura: < 1 minuto

O governador Rui Costa (PT) disse que o Governo do Estado considera a possibilidade de retomar medidas contra a disseminação do novo coronavírus. O assunto será tema de reunião com a secretária de Saúde da Bahia, Adélia Pinheiro. “Vamos avaliar a tomada de medidas de maior proteção, isso inclui voltar a tornar obrigatório o uso de máscara em alguns ambientes”, declarou Rui, nesta segunda-feira (28), em Salvador.

“Nos preocupa, principalmente, o grande o número de pessoas não vacinadas. Quando digo não vacinadas, incluo aquelas que não completaram o ciclo vacinal”, explicou o governador. Segundo ele, a demanda por leitos clínicos e de terapia intensiva é crescente, sobretudo na Região Metropolitana de Salvador. Os casos de internação mais frequentes são de idosos não vacinados, acrescentou.

Rui voltou a pedir que a população baiana se vacine contra Covid-19, pois a eficácia e a segurança dos imunizantes usados no país foram largamente atestadas. “Não dá para entender tamanha resistência à vacinação”.

Segundo consulta do PIMENTA ao Painel Epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), o estado tem 5.472 casos ativos de Covid-19. Dos 125 leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para adultos, 97 estão ocupados; enquanto 7 dos 20 leitos de UTI Pediátrica estão ocupados.

Mesmo com a segunda menor taxa de mortalidade por Covid-19 dos estados brasileiros, a Bahia já perdeu 30.834 vidas para a doença. Considerando todo o país, o vírus já fez 689 mil vítimas.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.