Incêndio destruiu loja da Havan em Conquista || Foto Corpo de Bombeiros
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Corpo de Bombeiros informou, nesta quinta-feira (29), que o laudo da loja da Havan incendiada em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, estava vencido desde 22 de outubro passado. No entanto, a renovação do laudo já estava em andamento.

De acordo com o capitão do Corpo de Bombeiros de Vitória da Conquista, Helder Caetité, a loja passou por fiscalização e o sistema preventivo fixo contra incêndios estava funcionando normalmente.

Já a Prefeitura de Vitória da Conquista informou que a documentação municipal do estabelecimento estava regular. Até o momento, as investigações indicam que o incêndio começou na lanchonete da loja, de forma acidental. Ninguém se feriu.

O dono das lojas Havan, Luciano Hang, visitou Vitória da Conquista, nesta quarta-feira (28). Ele assegurou a manutenção dos empregos e disse que os trabalhadores ficarão de férias durante a reconstrução da nova loja na cidade.

2 respostas

  1. Não haverá investigação e bem culpados, osra a justiça será acidente a loja do bolsonarista.

  2. Falar que o Laudo estava vencido é fácil mas trabalhar para que o mesmo seja renovado com menos de 120 dias ninguém quer . O CBVC atrasa demais as coisas

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.