Pele chega ao Estádio Mário Pessoa em Ilhéus, em 1967 || Foto Acervo Santista
Tempo de leitura: < 1 minuto

Bicampeão mundial de clubes, o Santos da década de 1960 era o queridinho da criançada da época, segundo o ex-vice-prefeito de Ilhéus, fotógrafo e memorialista José Nazal (Rede). Foi naquela década que ele viu Pelé, falecido hoje (29), jogar no Estádio Mário Pessoa contra a Seleção de Ilhéus.

O memorialista relembra a atmosfera da cidade naquele 7 de maio de 1967. “Euforia geral, era o que se falava, era o assunto da cidade. Eu tenho um amigo, um vizinho, que o pai levou no Ilhéus Hotel pra tirar foto com Pelé. Eu não consegui ir”, disse Nazal em conversa com o PIMENTA.

O time paulista venceu o duelo por 3 a 1. Adilson, Pele e Toninho marcaram para os visitantes. Americano descontou para o time da casa. Apesar da derrota da Seleção de Ilhéus, Nazal, então com 11 anos, gostou do resultado e, hoje, confessa: “torci pelo Santos”.

Uma resposta

  1. Adilson foi quem fez o gol vlde Ilhéus e também Americano era jogador de Ilhéus.
    Neste jogo Pelé levou um banho de cuia de Manequinha. Pós jogo o goleiro de Ilhéus Betinho que era de Itabuna Pelé levou para o Santos cujo objetivo era ir pra Copa do Mundo. Só que devido ao vício (bebida) foi despedido do Santos.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.