Leninha Vila Nova, diretora do NTE-5, apresenta cronograma de matrícula para novos alunos da rede estadual
Tempo de leitura: 2 minutos

Na próxima semana, a rede estadual de ensino iniciará o período de matrícula para novos alunos ou estudantes que pretendem mudar de escola. Nos 26 municípios abrangidos pelo Núcleo Territorial de Educação Litoral Sul (NTE-5), são 45 mil vagas, informou a diretora do órgão, Leninha Vila Nova Cavalcante, em conversa com o PIMENTA. Neste ano, a reserva da vaga será feita pela internet, no site da Secretaria de Educação da Bahia (educacao.ba.gov.br).

O primeiro dia de matrícula, na segunda-feira (16), será para pessoas com deficiência. Já na terça (17), será a vez dos estudantes que vão se transferir de uma escola estadual para outra unidade da mesma rede. Os dias 18 e 19 (quarta e quinta) estão reservados para estudantes que concluíram o 5º ou 9º ano do Ensino Fundamental em escola municipal que não oferece a série subsequente.

O calendário da primeira fase de matrícula continuará no dia 20 de janeiro para novos estudantes do Ensino Fundamental e, nos dias 23 e 24, para novos alunos do Ensino Médio. Os alunos que já estudam na rede estadual tiveram suas matrículas renovadas no mês passado.

Segundo Leninha, a matrícula online é autoexplicativa e o procedimento é rápido. Após a reserva da vaga, o responsável pelo aluno terá prazo de 30 dias para levar a documentação necessária à escola escolhida. Serão exigidos histórico escolar; original e cópia do RG ou do Registro Civil; CPF do estudante; carteira de vacinação atualizada; e cópia do RG e CPF do responsável.

Sobre os documentos, a diretora do NTE-5 faz duas observações. Primeiro, a imprescindibilidade do CPF do estudante, que não pode ser substituído pelo documento do responsável. Segundo, a informação correta do local de moradia do aluno, especialmente se for morador do campo. Leninha explica que, muitas vezes, os pais de alunos da zona rural usam comprovante de residência de parentes que moram na cidade e isso gera complicações para a programação do investimento do Estado e a oferta de transporte escolar.

NOVAS ESCOLAS EM ITABUNA E ILHÉUS

Leninha Vila Nova também chamou atenção para mudanças trazidas pela construção do Colégio Estadual Adeum Sauer, em Itabuna, que receberá os estudantes do Félix Mendonça, da mesma cidade. Já o Colégio Estadual Carlos Roberto Arléo Barbosa, em Ilhéus, vai receber os alunos do Paulo Américo. “É importante que os pais estejam atentos, pois são os nomes das novas escolas que aparecerão no sistema de matrícula”, explicou a diretora.

As duas escolas serão inauguradas na primeira semana de fevereiro, antes do início do ano letivo de 2023, que está marcado para o próximo dia 6. As inaugurações devem contar com a presença do governador Jerônimo Rodrigues (PT), antecipou Leninha.

A diretora também falou sobre a expansão da oferta do ensino em tempo integral, que está disponível em 40 das 60 escolas coordenadas pelo NTE-5. “Nós estamos caminhando para ter uma rede com todas as escolas com ensino integral até 2025”, acrescentou.

Outra frente destacada pela gestora é a Educação de Jovens e Adultos (EJA) integrada à educação profissional. “A gente está conclamando as pessoas que pararam de estudar a voltarem para a escola”, concluiu.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.