Tempo de leitura: < 1 minuto

O técnico Laelson Lopes, que chegou para arrumar o time ilheense que vinha de sucessivas derrotas, não resistiu às críticas e pressão da torcida e, ontem, pediu o seu afastamento.
Ainda na segunda-feira, três atletas pediram rescisão de contrato. São eles Jorginho, Willy e Igor. A diretoria do time ilheense está promovendo reuniões ‘fechadas’ buscando dar um rumo ao clube. O momento pelo qual o time está passando é o pior da sua história.
A equipe jogou nove partidas, ganhou uma, empatou outra e perdeu sete.
Com informações do site R2cpress.

3 respostas

  1. O COLO COLO ESTAR TODO EMBANANADO ESSE ANO, E VEM MAIS BOMBA AÍ.SÓ QUE ESSA BOMBA É QUESTÃO TRABALHISTA, JOGADOR FOI MANDADO EMBORA SEM AO MENOS RECEBER OS SALÁRIO E SUA RESIZÃO QUE NÃO É PEQUENA.

  2. Independentemente da situação que se encontra, o time do colo colo deveria punir o jogador que fez gestos obscenos para a torcida após ter sido expulso de campo, quem sabe até com rescisão de contrato, pois foi uma tremenda falta de respeiro de um atleta que se diz profissional para com a torrcida do time.
    O torcedor não merecia aquilo, …!!!
    Com a palvra, a diretoria do colo colo, …!!!

  3. Zelão, Orienta:
    O incansável presidente Zé Maria, bem que poderia mandar acrescentar ao hino do Colo-Colo, o refrão: “Senta, senta…Senta que é de menta!

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.