Tempo de leitura: < 1 minuto

O promotor Clodoaldo da Anunciação disse tudo quando chamou a Secretaria Municipal de Saúde à responsabilidade, cobrando ações efetivas no combate à dengue.
Para Anunciação, é inaceitável que as medidas do plano de combate, preparado em 2008, ainda não tenham sido executadas. É como se o governo estivesse na arquibancada, assistindo de boca aberta, enquanto o Aedes aegypti bate um bolão em campo.
Uma das negligências da Secretaria Municipal de Saúde é o não funcionamento do Centro de Saúde José Maria de Magalhães, que deveria ser uma das unidades de referência no atendimento de pacientes com sintomas de dengue.
Como a unidade de referência não está atendendo, as pessoas estão procurando os hospitais, já sobrecarregados.
Desse jeito, realmente, fica muito difícil.

6 respostas

  1. É verdade que o representante do MP disse na Sessão Especial da Câmara de Vereadores que não aceita crítica de enrustidos? A quem ele se referia…

  2. Esse promotor só faz advertir. Assim foi com o carnaval, a festa aconteceu, o dinheiro foi pelo ralo, os funcionários continuam com salários atrasados e a dengue se alastra rapidamente. É preciso que o MP entre com uma ação contra as autoridades do município. Só podemos esperar penalidades se essas ações chegarem às últimas instâncias da justiça.

  3. Isso mesmo Feijão! Esse promotor só faz aparecer,sair nas colunas dos jornais, mas efetividade mesmo das ações até agora nada. É mesmo uma vergonha que o município diga que não tem dinheiro para pagar os servidores da saúde e ainda quer combater a dengue com os servidores todos insatisfeitos. Mas dinheiro para fazer carnaval tem. Falta planejamento! As ações são descoordenadas e desarticuladas. É importante lembrar que Dengue não é o único problema de saúde do município. Enquanto isso, dentro da Prefeitura existe um monte de gente se batendo pelos corredores sem fazer nada de efetivo, além de um monte de cargos sendo criados, pra que não sei!

  4. Colegas!!!!!
    Em meio a tudo isso, temos que parabenizar a atuação do Ministério Público do Trabalho, que vem defendendo ativamente as causas trabalhistas, inclusive, ouvindo a opinião dos trabalhadores e se mostrando solidario, porque não podemos pensar em combate a Dengue sem valorizaçao dos verdadeiros soldados dessa guerra, os servidores da saúde. São essa ações que nos fazem acreditar que ainda existe justiça nesse país.

  5. Nosso promotor público devia se candidatar a prefeito ou disputar uma vaga no próximo Big Brother da globo. Vai gostar de aparecer assim no raio que o parta! Todo mundo sabe que a prefeitura tem sua cota de erros na guerra perdida até agora contra a dengue. Mas e a população? Em vez de ficar dando uma de coringa, sabichão entendido em tudo, o promotor deveria procurar uma maneira de obrigar a população a vedar corretamene seus reservatórios de água, limpar seu quintal, se livrar do lixo corretamente e evitar água acumulada nos vasos de planta. Afinal, todo mundo tá careca de saber que essas medidas são essencias para evitar o avanço da dengue. É fácil ficar contra a prefeitura, pois rende matérias nos jornais e tvs…. Contra a população ninguém quer ficar. Tá mais que na hora de aparecer um cabra macho, que obrige os moradores a fazer a parte deles nessa guerra. Se Dr. Clodoaldo quisesse ajudar mesmo, ele já teria chamado os agentes de combate à dengue pra saber como se comporta a população. Mas a gente sabe que ele só quer aparecer. Tanto que se deu mal quando tentou impedir o carnaval.

  6. Saudações,
    Graças a “DEUS” com muita luta e perseverança estamos lançando pratos anti dengue para vasos e xaxins ,patente deferida para vasos e pratos de conhecimento de muitas autoridades nestes mais de dez anos,mas a burocracia ,politicagem ,entre outras dificuldades para lançar inovação em nosso país,quanto mais quando é para uma realidade ,que sempre é levada de barriga por todos nós !

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.