Tempo de leitura: < 1 minuto

Thiago Ferreira | Política Livre
Os já tradicionais protestos realizados na Mudança do Garcia, muito influenciada por partidos como o PT, focaram este ano três dos principais personagens da atual cena política baiana: o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima (PMDB), o governador Jaques Wagner (PT) e o prefeito de Salvador João Henrique (PMDB).
Os manifestantes levavam faixas em que diziam “Geddel + Carneiro = Bode” em referência aos dois peemedebistas. Já o governador foi criticado pela situação de insegurança em Itaparica e foi cobrado mais uma vez pela Fetrab a pagar a URV aos servidores do Estado. A entidade já havia se manifestado em relação ao tema na Lavagem do Bonfim.
Fora isto, ainda houve a manifestação do bloco dos “Sem merenda e sem remédio” em alusão às declarações de João Henrique à Agência Brasil de que “teria desviado recursos” das duas áreas para bancar o Carnaval, posteriormente desmentidas pelo prefeito.

5 respostas

  1. Pelo menos por lá as pessoas reconhecem defeitos onde eles existem. “Por aqui tudo está muito bom, são apenas sonhos”, …!!!
    Quando alguém critica é imediatamente rotulado de cumista, dentre outras coisas mais, …!!!
    É isso mesmo. Tem gente que só sabe das coisas depois que elas acontecem, …!!!
    Quanto à insegurança, não é “privilégio” só de Itaparica, mas da Bahia toda, …!!!

  2. Todo esse caos é a herança maldita da turma do desgoverno que mamou nas tetas dos cofres públicos por mais de 30 anos governando para parentes e afilhados, com a tropa dos prefeitinhos sustentando no interior e sendo sustentados no Tribunal de (faz)Contas e no da (in) Justiça.
    O problema atual é que o governo não enfrenta essa realidade como o projeto eleitoral previa. Exemplo disso é o abismo salarial em que afundaram os servidores estaduais durante essas décadas, principalmente os professores mantendo mesma a política de migalhas em 8 ou 9% de reajuste parcelado a cada ano para que o piso salarial fique no mínimo do mínimo.
    Quanto a turma do ontem, Não tem moral para falar nada!!!

  3. Discurso com forte cheiro de naftalina, …!!!
    Parece “coisa de múmia”, tentando se conservar ao longo do tempo, …!!!
    Se o JW “fosse” reeleito no ano que vem, bastante improvável, mais quatro anos para a frente – 2014 – e a conversa seria a mesma: “Não deu tempo de fazer coisa alguma”, …!!!
    A velocidade é a mesma do Rubinho Tartaruga, banido da F1, …!!!

  4. acho que sergio so acredita em obras faraonicas.
    O que o JW ainda nao fez eh investir em MARKETING …. POIS ANTIGAMENTE ABRIAM UMA TORNEIRA E INAUGURAVAM UMA CACHOEIRA….
    SERGIO, nao responda…. quem vai responder sao os proprios CITADOS, conforme abaixo-ALGUNS EXEMPLOS. NAO VALE…. MAS…. A RESPOSTA TEM QUE SER ANTES OU AGORA…..
    PROFESSORES – MELHOR ANTES OU AGORA?
    POLICIAIS (CIVIS E MILITARES) – MELHOR ANTES OU AGORA?
    AGRICULTORES – MELHOR ANTES OU AGORA?
    POLICIA RODOVIARIA FEDERAL – MELHOR ANTES OU AGORA?
    SALARIO DO SERVIDOR PUBLICO – MELHOR ANTES OU AGORA?
    PAGAMENTO DOS SERVIDORES – ANTES OU AGORA?
    CESTA DO POVO (APESAR DE NAO APROVAR A NECESSIDADE) – ANTES OU AGORA?
    SAUDE (COM TODOS OS PROBLEMAS) – ANTES OU AGORA?
    SEGURANCA/INVESTIMENTO (APESAR DOS PERCALCOS) – ANTES OU AGORA?
    ALEM DOS PROGRAMAS – LUZ PARA TODOS, AGUA PARA TODOS, PRONAF (AGRICULTURA DO POBRE), CONTINUACAO DA ERRADICACAO DA AFTOSA, TOPA (EDUCACAO), UNIVERSIDADE PARA TODOS……………

  5. Falar da turma do ontem cheira mesmo a naftalina colocada aos montes para depurar o odor de rato podre dessa turma!!!

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.