Tempo de leitura: < 1 minuto

Já foi regulamentado pela Anatel, desde o início do mês, o serviço de internet em banda larga pela rede elétrica. Para acessar a rede mundial, bastará plugar o computador na tomada.
O sistema está em fase de testes em algumas cidades, como Barreirinhas, no Maranhão; Goiânia; São Paulo; Santo Antônio da Platina, no Paraná; e em Porto Alegre. Logo deve estar disponível para todo o país.
Mas, para que o sinal chegue à casa do consumidor, será necessário um acordo entre as empresas de telecomunicações e concessionárias dos serviços de energia elétrica.
Se, por um lado, há a possibilidade de melhoria e expansão do sinal de internet, por outro não haverá como se livrar da Oi, Embratel e outras que só dão dor de cabeça aos usuários.

5 respostas

  1. Pior. Vai somar ainda com a Coelba, que segundo a PróTeste, vende a energia elétrica mais cara do Brasil, pasmém!!!

  2. Creio que a informação está “meio truncada”, …!!!
    Se o usuário apenas plugar o computador na tomada, irá apenas ligar o computador, mais nada, …!!!
    Necessita, também, adquirir um modem, senão não terá como fazer transferência de dados, …!!!
    “É fácil, mas nem tanto”, …!!!

  3. Será necessário um micro modem no qual ira conectar um cabo RJ 45 ao computador !! Equipamento de instalação simples !

  4. Caro Tavares,
    quem define a valor de energia elétrica é a ANEEL, assim como o valor das tarifas de telefonia, são definidas pela ANATEL.
    Vai reclamar com o governo. Pois quanto maior for a tarifa, maior será a arrecadação de impostos deles.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.