Tempo de leitura: < 1 minuto

Golpistas estão usando o nome do Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), de Itabuna, para uma falsa campanha de arrecadação de verbas para o projeto social. A presidente do Grupo, Antonina Carvalho Leite, esclarece que a iniciativa não tem autorização do GACC.
Os golpistas visitam residências e casas comerciais utilizando, ilegalmente, o nome da entidade que assiste a centenas de crianças de Itabuna e de cerca de 120 municípios baianos e até de Minas.
Antonina Leite explica que as doações em dinheiro ao GACC somente são feitas por meio de sistemas de débito em conta, carnês ou através de telemarketing (telefone). Nestas duas últimas modalidades de arrecadação o contato é feito através de representantes motorizados, fardados, credenciados e com recibos em mãos. As informações são do Diário Bahia.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.