Tempo de leitura: < 1 minuto

Alegando descumprimento de uma pauta de reivindicações, um grupo de cerca de 100 índios Tupinambá de Olivença ocupou, nesta terça-feira, 3, o polo-base da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), no Bairro do Malhado, em Ilhéus. Os pedidos, dizem, foram apresentados, em novembro do ano passado.

Na lista de pedidos, estão ampliação de vagas de AIS no território e de médicos, incluindo um pediatra; e aquisição de veículos e ambulâncias com tração para atender as aldeias.

Eles também pedem a criação de infraestrutura em Olivença e construção de quatro unidades de saúde nas comunidades Acuípe de Baixo, Acuípe do Meio, Santana e Serra do Padeiro, com a inclusão de gabinetes odontológicos.

Segundo o cacique Sinval Magalhães, a ocupação é pacífica e somente será suspensa com a presença da coordenadora do DSEI/Sesai– BA, Nancy Costa.  O cacique define a situação dos indígenas como “caótica em todas as aldeias” e afirma que os índios estão cansados de promessas não cumpridas na área da saúde.

2 respostas

  1. Hummm… esses “índios” estão mais politizados e críticos do que a pitecada “branca”!

    Não se vê a “pitecada” reivindicando nem exigindo nada!

    Souza Neto

  2. Os Brancos viveram um terror na Bahia.
    Não brinque com esta tribo são Canibais.
    Os tupinambás são uma raça que come carne humana,sempre viveram no litoral Brasileiro,contudo,os francês souberam se relacionar com estes “selvagens” e lutaram lado a lado na França Antártica,no Rio de Janeiro contra os portugueses,no século XVI.
    O Bispo Sardinha foi comido pelos os Tupinambás,bem como o donatário da Capitania de todos os Santos,o que hoje é Salvador.
    Dom. Francisco Pereira Coutinho,na viagem de portugal para tomar posse da Capitania sofreu um naufrágio aqui na Bahia e tentou se salvar,ai foi agarrado pelos os nativos que são os tupinambás e foi comido assado em rituais de Antropofagia.
    Os Tupinambás poderia fazer o bem ao povo baiano,fazer Antropofagia com este Governador da Bahia,repetindo o feito com o chefe da Capitania,O Sr.Jaques Wagner,hoje a Bahia vive um momento de terror.
    A final,a História se repete,só muda a personagem!

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.