Tempo de leitura: < 1 minuto

Motoristas recebem orientação sobre trânsito seguro (foto Pedro Augusto/Ascom-PMI)
Motoristas recebem orientação sobre trânsito seguro (foto Pedro Augusto/Ascom-PMI)

A ação educativa deflagrada  há uma semana pela Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (Settran) de Itabuna, com blitzen em diversas partes da cidade, entrou hoje (4) em uma segunda etapa. Em sala de aula, motoristas que foram flagrados sem o cinto de segurança e motociclistas que não usavam o capacete (ou o utilizavam incorretamente) assistem a palestras com foco no tema “Educação no trânsito: compromisso de todos”.
Os chamados “encontros educativos” acontecem na sede do Sest/Senat, na Avenida J.S. Pinheiro, até esta quarta-feira, 6. As palestras são ministradas por uma psicóloga e uma agente de trânsito, no período das 8h às 12h e das 17h às 21h.
Após o trabalho de orientação, a Settran avisa que passará a aplicar multa nos infratores.

0 resposta

  1. Pelo que entendi, só os condutores flagrados sem cinto foram fazer o curso e os demais? Em Itabuna é cultura andar sem cinto, usando celular etc. O Trânsito está um caos total. Os motoqueiros não estão respeitando sinal vermelho, não querem mais fazer o retorno no local certo, sobem nas calçadas, atravessa o meio fio de um lado para o outro. Um verdadeiro horror! Quando irão tomar providências contra estes malucos do trânsito?

  2. A iniciativa é excelente, mas o pessoal do Settran (assim como as outras responsáveis pela fiscalização do trânsito) devem lembrar que ciclista e pedestre também fazem parte do trânsito.
    É extremamente comum encontrar ciclista trafegando fora da ciclovia tanto na Av. Princesa Isabel quanto na ponte do São Caetano. E o pior, alguns andam no lado esquerdo da pista!

  3. gente, não adianta só orientar e sim fiscalizar e punir
    se orientação só funcionasse, nós brasileiros seriamos os motoristas mais educado do mundo
    bota a setran pra funcionar
    os bairros, onde acontecem as maiores aberrações de transito, eles são os primeiros a andar na contra mão e só aparecem quando são chamados.
    ainda leva um tempão pra chegar
    é uma vergonha o transito dos bairros de itabuna, principalmente são caetano onde moro.
    pense bem, já que não temos a quem recorrer
    me ajuda sr pimenta

  4. O settran deveria estudar uma forma de dar mobilidade a cidade,sei q a mt motoristas irresponsável,mas o secretario deveria começar uma ação para o trânsito caótico.

  5. Acho que as pessoas confundem as funções! A função do Departamento de Educação para o Trânsito é EDUCAR! Acho que na verdade esse foi o único departamento da SETRAN que mostrou serviço. A incoerência tá por conta da exoneração do diretor desse Departamento! Não entendi! A não ser que existam denúncias de corrupção concretas contra ele.

  6. Muito boa a iniciativa! Pena que o uso dos equipamentos de segurança ainda é visto apenas para se evitar multas…prova disso foi o flagrante que presenciei hoje, de um policial militar devidamente fardado andando sem capacete com um moto-taxi. Com a certeza de que não seria abordado em nenhuma blitz por causa da profissão, acabou negligenciando a própria segurança. Um absurdo!

  7. O que fazer com pedestre que andam sem obedecer regras alguma de transito? Outro dia eu presenciei uma senhora trafegando com um carrinho de bebê, pela contra mão na avenida do cinquentenário e ai como deve agir o pessoal do setran?

  8. Temos sinalização razoável de trânsito em Itabuna? Temos faixa de pedestre? Temos policiais capacitados para educar? Temos viatura para policia? Temos calçadas para pedestres? Temos ciclovias? Temos bafômetro? Temos um salário digno para a polícia? Portanto, se ficar só nessa nobre inciativa, não vamos ter nem um resultado.
    Quero ver é multa nos motoristas que estou cansado de ver fazendo asneira em Itabuna e nas estradas.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.