Tempo de leitura: < 1 minuto
Moradores criticam a Emasa por causa da "catinga" na rua F.
Moradores criticam a Emasa por causa da “catinga” na rua F.

Moradores da Rua F, no Monte Cristo, em Itabuna, aguardam há quase duas semanas pela equipe técnica da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). A rede de esgoto estourou e foram registradas diversas solicitações de atendimento sem resposta por parte da empresa. A rua é uma das principais do bairro e acesso à Igreja Católica.

Segundo moradores, os problemas da rede de esgotamento sanitário são constantes. “Isso ocorre de dois em dois meses”, diz uma das vítimas. O esgoto correndo pela rua atrai insetos e oferece riscos à saúde aos moradores e a quem caminha pela Rua F.

4 respostas

  1. Numa gestão que “não está nem aí” para a Atenção Básica, mas cobiçando os milhões da Plena, porque uma empresa municipal se preocuparia com moradores da Rua F, de f…, em questões de saneamento básico, se eles já estão com a saúde comprometida e não vão ter mesmo Atenção Básica organizada para atender suas demandas?
    Mas o dinheiro da Plena virá e veremos para onde irá…
    Ministério Público: AÇÂO!!!!

  2. Caro Editor, gostaria que reiterasse que mesmo com reportagem da TV SANTA CRUZ, PIMENTA a EMASA até as 11:23 de 25.7.13, nada resolveu, continuamos com esgoto jorrando dejetos fecais, causando todo tipo de transtornos, nem podemos sair de nossas casas de forma habitual, temos que buscar atalhos…

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.