Tempo de leitura: < 1 minuto
Ônibus já circulam com o aviso de reajuste (Foto Pimenta).
Ônibus já circulam com o aviso de reajuste (Foto Pimenta).

O reajuste de combustível que começou a valer desde ontem (6) reforçou ainda mais os argumentos das empresas para o aumento da tarifa de ônibus nas duas maiores cidades do sul da Bahia. O maior percentual autorizado pela Petrobras foi para o diesel (9,5%), combustível usado pelas empresas para abastecer a frota.

Em Itabuna, a tarifa passará a valer R$ 2,85 em 30 de dezembro, enquanto em Ilhéus a passagem será R$ 3,10, faltando apenas definir a data em que o novo valor passa a vigorar.

As empresas alegavam, além do aumento dos insumos, o reajuste salarial concedido aos rodoviários. Em nota, a associação das empresas de ônibus de Itabuna, a AETU, observou que o novo aumento de combustíveis “eleva ainda mais as despesas do setor de transporte coletivo”.

A São Miguel e a Expresso Cachoeira – que será substituída pela Porto Seguro – já circulam com aviso da nova tarifa, de R$ 2,85, em Itabuna. O valor está sendo contestado por ter sido reajustado pelo prefeito Claudevane Leite sem consulta ao Conselho Municipal de Transportes.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.