Tempo de leitura: 2 minutos

Complexo Eólico está sendo construído em Sento Sé e Umburanas, na Bahia.
Complexo Eólico está sendo construído em Sento Sé e Umburanas, na Bahia.
As obras do Complexo Eólico Campo Largo, na Bahia, entraram em nova fase com o início da concretagem das bases dos aerogeradores, na Central Eólica Campo Largo VII. O Complexo Eólico, nos municípios de Sento Sé e Umburanas, deve começar a operar comercialmente em janeiro de 2019, podendo abastecer uma população de até 600 mil habitantes.

Ao todo, 11 Centrais Eólicas serão implantadas no Complexo que contará com 121 aerogeradores de capacidade instalada total de 326,7 MW. O trabalho de supressão vegetal para abertura dos acessos internos segue em andamento. Concomitantemente, estão em execução os serviços de terraplenagem e pavimentação dos 63 km de acessos internos que interligam os aerogeradores e as centrais eólicas que compõem o Complexo.

Esta fase, de acordo com o gerente do complexo, Murilo Boselli, contempla serviços como escavação para implantação das bases, armações de ferragens, perfuração de estacas raiz, malha de aterramento e reaterro dos blocos concretados, concretagem das fundações, entre outros. O complexo está sendo implantado nos municípios de Sento Sé e Umburanas.

“Estamos com 40% da supressão concluída e a previsão é finalizá-la em julho de 2017, quando também estaremos iniciando a implantação das redes de média tensão e linhas de transmissão”, afirma Boselli.

A implantação da rede de energia em média tensão, de 13,8 kV, que vai alimentar o canteiro de obra principal, onde estão sendo construídas as instalações provisórias dos escritórios da ENGIE, empresas contratadas e subcontratadas, já foi finalizada e deve ser energizada até o final do mês. Na cidade de Umburanas, a Vila Residencial está na sua fase final, com 98% das obras concluídas.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.