Tempo de leitura: < 1 minuto
Roberto foi preso quando embarcava para São Paulo || Foto PC-BA
Roberto fugiria para São Paulo || Foto PC-BA

Horas antes de embarcar num ônibus interestadual com destino ao estado de São Paulo, Roberto de Souza Pinheiro, de 27 anos, foi preso, na terça-feira (26), por equipes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), de Feira de Santana, acusado de assassinar a facadas o motorista de Uber Valdir Cerqueira de Almeida.

O delegado André Ribeiro, titular da DRFR em Feira, informou que Roberto matou a vítima a facadas, para roubar seu veículo, e abandonou o corpo nas imediações do Bairro Aviário, naquela cidade. A faca usada por ele foi apreendida pelos policiais ainda no interior do carro.

Depois de cometer o crime, Roberto sofreu um acidente na BR-324 e foi socorrido para um hospital, de onde escapou. Um agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) acionou a Polícia Civil informando sobre o atendimento prestado a um acidente de trânsito envolvendo um veículo com as mesmas características do carro de Valdir.

O agente ainda conseguiu uma fotografia de Roberto no hospital, antes que ele fugisse. De posse dessa imagem, os investigadores da DRFR/Feira o localizaram no bairro Aviário. Conduzido à unidade especializada, Roberto confessou o crime e teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, sendo transferido para o presídio regional de Feira.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.