Estudante de medicina de Jequié é acusado de aplicar golpe milionário|| Foto Zenilton Meira
Tempo de leitura: < 1 minuto

Jequié está entre os municípios baianos com maior crescimento diário de casos de novo coronavírus. Nas últimas 24, por exemplo, os testes confirmaram mais 139 infectados pela Covid-19, conforme dados divulgados nesta terça-feira (15) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

O número de casos confirmados de Covid-19 saltou de 7.184, ontem, para 7.323 nesta terça-feira. Nas últimas horas, foi registrado mais um óbito. A vítima é um homem, de 79 anos, que morava no bairro Jequiezinho, que estava internado em um hospital de Vitória da Conquista. Ele não tinha histórico de comorbidades. Já são 173 mortes causadas pela doença.

O índice de ocupação de leitos para pacientes adultos com novo coronavírus está em quase 90%. De acordo com a Secretaria de Saúde de Jequié, no início da noite desta quarta-feira, 89,65% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estavam ocupados. São 11 moradores de Jequié hospitalizados em estado grave e 17 de outros municípios.

Além disso, há 548 casos ativos (pessoas com vírus ativo), 155 pessoas aguardando resultado de exames e outras 771 em quarentena. O município tem ainda 6.602 recuperados da doença. Os leitos para pacientes com Covid-9 foram instalados nos hospitais Geral Prado Valadares e São Vicente.

Golpista falsificou documentos para ficar com parte dos bens da vítima
Tempo de leitura: < 1 minuto

Equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Mata Atlântica e da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, em Teixeira de Freitas, no extremo-sul da Bahia, prenderam, nesta terça-feira (15), um estelionatário acusado de aplicar um golpe de R$ 800 mil. De acordo com investigações, o crime foi cometido em Itanhém, também no extremo-sul do estado.

A operação de cumprimento de mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão ocorreu na Fazenda Planície, situada na entrada da cidade. Também foram achados na propriedade armas, cheques e promissórias nos valores de quase R$ 600 mil em nome de terceiros.

A vítima, que havia herdado um patrimônio avaliado em mais de R$ 40 milhões, registrou um boletim contra o criminoso. O estelionatário enganou o herdeiro para que ele assinasse a transferência da propriedade e falsificou documentos para mudar as terras para seu nome e de parentes.

“Apenas 23% da propriedade herdada ainda estava em nome da vítima. Todo resto foi passado para o acusado, o pai e cunhado”, afirmou a coordenadora da unidade, delegada Valéria Fonseca Chaves. Em depoimento, o acusado afirmou que comprou uma parte da propriedade avaliada em mais R$ 800 mil, mas não conseguiu provar o pagamento da transação.

A delegada revelou que o capturado já tinha outras entradas por estelionato e roubo de gado. “Ele era muito temido na cidade e estava ameaçando as vítimas e contratando cigano para cobrar supostas dívidas”, detalhou Chaves. Preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, o acusado também deve responder por estelionato e extorsão.

Tempo de leitura: 2 minutos

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) aprovou, nesta terça-feira (15), o edital de concessão de um  trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL 1). Será leiloado o  trecho entre os municípios de Ilhéus,, no sul da Bahia, e Caetité, no oeste do estado.  O edital será publicado no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (16).

Com a publicação, a expectativa é que o leilão da ferrovia ocorra em abril de 2021, na B3, em São Paulo. Os investimentos a serem realizados no trecho serão de R$ 5 bilhões ao longo do prazo da concessão, sendo sua maior parte aplicada nos primeiros cinco anos do contrato em obras remanescentes e complementares.

O projeto possui extensão de 537 quilômetros e é um importante corredor de escoamento de minério de ferro. O corredor logístico vai permitir, neste primeiro momento, o escoamento para o mercado externo do minério de ferro do oeste baiano por meio do futuro Porto Sul, em Ilhéus.

SEGUNDA CONCESSÃO

O plano de extensão ainda prevê uma segunda concessão entre Caetité e Barreiras, visando a produção de grãos do oeste baiano. O projeto prevê integração com a Ferrovia Norte-Sul, indo ao encontro do objetivo de integração das malhas ferroviárias e melhora das condições logísticas do país.

De acordo com a minuta do edital, o prazo de concessão será de 35 anos. A remuneração da concessionária se dará pelo recebimento da tarifa de transporte, da tarifa de direito de passagem, da tarifa de tráfego mútuo, das receitas decorrentes das operações acessórias e da exploração de projetos associados, nos termos definidos no Edital e no Contrato.

Os estudos preveem uma carga transportada de 18,4 milhões de toneladas nos primeiros anos de operação, podendo chegar a 41,2 milhões de toneladas em 2035. A expectativa é que sejam gerados mais de 65 mil empregos diretos, indiretos e efeito-renda (quando um emprego é gerado a partir da transformação da renda dos trabalhadores e empresários em consumo).

Tempo de leitura: 2 minutos

Durante a campanha eleitoral, Getúlio Vargas costurou vários acordos com políticos do PSD, principalmente em Minas Gerais, culminando com a baixa votação de Cristiano Machado. O movimento de abandonar o candidato de seu partido em prol de outra candidatura ficou marcado na política como o ato de ′cristianizar′.

José Cássio Varjão

Em meados de 1948, começam as negociações políticas para sucessão do presidente Eurico Gaspar Dutra. Otávio Mangabeira, governador da Bahia pela UDN, rompe com Dutra e declara apoio ao candidato do seu partido, o Brigadeiro Eduardo Gomes.

O PSD lançou a candidatura do Deputado Federal Cristiano Machado e o PSB lançou João Mangabeira. Porém, a figura-chave do processo sucessório era Getúlio Dorneles Vargas que, após selar acordo com Ademar de Barros, governador de São Paulo pelo PSP (Partido Social Progressista) se lança candidato pelo PTB. As eleições iriam se realizar em 3 de outubro de 1950.

Compareceram às urnas 8.254.989 eleitores, que selam a vitória de Vargas com 48,7%. O Brigadeiro Eduardo Gomes, ficou com 26,6%; Cristiano Machado, com 21,5% e João Mangabeira, com 0,0011%.

Durante a campanha eleitoral, Getúlio Vargas costurou vários acordos com políticos do PSD, principalmente em Minas Gerais, culminando com a baixa votação de Cristiano Machado. O movimento de abandonar o candidato de seu partido em prol de outra candidatura ficou marcado na política como o ato de “cristianizar”, em alusão a Cristiano Machado.

Nas eleições de 2018 no estado de São Paulo, observamos outro ato de cristianização de um candidato. O candidato a governador João Dória (PSDB) obteve 31,77% dos votos válidos. O candidato do seu partido à Presidência da República Geraldo Alckmin ficou com somente 4,76%, enquanto Jair Bolsonaro (PSL) obteve 46,03% dos votos válidos. Verifica-se aí que Geraldo Alckmin foi cristianizado pelos eleitores do PSDB.

Na reta final das eleições 2020, também ocorreram vários movimentos em Itabuna nesse sentido. Alguns candidatos a prefeito foram cristianizados, inclusive por candidatos a vereador do próprio partido. Na corrida para a Câmara Municipal, vários candidatos não se reelegeram enquanto outros obtiveram menos votos nessa eleição, em comparação à eleição 2016.

Entre o vitorioso dia da eleição e a posse na Câmara de Vereadores, o tabuleiro da política fervilha. A eleição da Mesa Diretora é o objetivo. As peças nesse período estão desarrumadas e se movem a todo momento. Alianças e estratégias são costuradas.

Os reeleitos, se colocam em melhor posição e os recém-chegados mais reservados. Não é de hoje que os atores fazem vários acordos e, até o dia “D”, todos podem ser alterados. Sempre foi e sempre será assim. Já vimos esse filme várias vezes no Plenário Raimundo Lima.

Vamos aguardar o dia 1º de janeiro de 2021. Até lá tudo pode mudar.

José Cássio Varjão é graduando em Ciência Política.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 4.114 casos de novo coronavírus. Com isso, o número de infectados desde o início da pandemia subiu para 451.240. Do total de pessoas que contraíram a doença, 11.302 ainda estão com o vírus ativos. Até agora, 34.536 profissionais de saúde no estado testaram positivo.

Os casos confirmados de Covid-19 na Bahia ocorreram nos 417 municípios, com maior proporção em Salvador (23,26). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (9.939,92), Jucuruçu (7.736,14), Muniz Ferreira (7.599,03), Conceição do Coité (7.461,12) e Aiquara (7.422,40).

O boletim epidemiológico divulgado hoje contabiliza ainda 845.274 casos descartados e 118.219 em investigação. Estes dados representam notificações compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta terça-feira (15).

O boletim epidemiológico desta terça-feira registra 30 óbitos que ocorreram em diversas datas. O número total de mortes por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 8.665, representando uma letalidade de 1,92%. Dentre os óbitos, 56,51% ocorreram no sexo masculino e 43,49% no sexo feminino.

Tribunal de Justiça da Bahia suspende fechamento de cartórios
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Tribunal de Justiça da Bahia convocou, nesta terça-feira, dia 15, três juízes em substituição aos três desembargadores afastados do cargo por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O juiz José Luiz Pessoa Cardoso, substituirá Ilona Márcia. A juíza Maria do Rosário Passos da Silva Calixto substitui Lígia Maria, enquanto a juíza Marielza Maués Pinheiro Lima vai substituir Ivanilton Santos da Silva.

As desembargadoras Lígia Maria Ramos Cunha Lima e Ilona Márcia Reis, do TJ-BA, foram alvo de mandados de prisão temporária e afastadas do cargo. Elas foram substituídas após decreto do presidente do Tribunal Lourival Trindade, que passou a valer nesta terça- feira. Os juízes afastados foram alvos das 6ª e 7ª fases da Operação Faroeste, ontem, que investiga suposto esquema criminoso de venda de decisões judiciais.

O esquema, segundo a denúncia do MPF, consistia na legalização de terras griladas no oeste do estado. A organização criminosa investigada contava ainda com laranjas e empresas para dissimular os benefícios obtidos ilicitamente. Havia ainda um núcleo que atuava na cúpula da SSP-BA

Há suspeitas de que a área objeto de grilagem supere os 360 mil hectares e de que o grupo envolvido na dinâmica ilícita tenha movimentado cifras bilionárias.

Outros alvos da operação foram o ex-secretário de Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, e a delegada-chefe de gabinete Gabriela Caldas Rosa de Macêdo. Ambos foram exonerados por meio de decreto publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira. Antes, haviam sido afastados do cargo por decisão do STJ, O subsecretário da SSP-BA, Ary Pereira de Oliveira, assumiu a pasta.

Um mandado de prisão preventiva também foi emitido para Ronilson Pires de Carvalho. O pedido não detalha o cargo de Ronilson, mas afirma que o pagamento da propina era pago na conta dele.

Força-tarefa prende PM acusado de fazer parte de grupo de extorsão
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um policial lotado na 51ª Companhia Independente da PM em Conde foi preso, na manhã desta terça-feira (15), acusado de fazer parte de um grupo de extorsão e extermínio. Um policial civil também é suspeito de fazer parte do bando criminoso e é considerado foragido. Os nomes deles não foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

O PM foi detido em Aracaju, em Sergipe, por homens da Força-Tarefa de Combate a Grupos de Extermínio e Extorsões. Ele foi ouvido na Corregedoria da Polícia Militar da Bahia. Depois foi submetido a exames e foi encaminhado para o Batalhão de Choque.

Já o policial civil é considerado foragido. Os dois são suspeitos de fazer de uma quadrilha investigada desde 2018. Eles são acusados de envolvimento em diversos crimes na região do município de Conde, no litoral norte da Bahia. Embora sejam lotados naquele município, os policiais moram em Aracaju, onde dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos.

Durante a operação, que contou com apoio do Centro de Operações Policiais Especiais da Polícia Civil do Estado de Sergipe, os policiais apreenderam duas armas e diversas placas de veículos. Para a polícia, as placas são de veículos roubados e furtados pela quadrilha.

Doutor Vável Andrade: Jubileu de Ouro da graduação em Oftalmologia
Tempo de leitura: < 1 minuto

Médico e um dos fundadores do Hospital Beira-Rio, o doutor Vável Andrade completa nesta terça-feira, dia 15, Jubileu de Ouro por 50 anos de formatura em Oftalmologia. Referência no atendimento oftalmológico em Itabuna e no Sul da Bahia, o profissional foi graduado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) conta com diversas especializações.

Doutor Vável é reconhecido em toda a Bahia por sua capacidade profissional e visão humanista, com um trabalho social consolidado, sendo um dos incentivadores do Mutirão do Diabetes de Itabuna.

O amor à profissão incentivou os filhos Rafael Andrade e Larissa Andrade a seguirem seus passos, mantendo suas raízes em Itabuna, onde também atuam no Hospital Beira-Rio.

“Seu legado é de um profissional dedicado que fez da profissão um ato de amor aos pacientes. Um pai exemplar, um amigo leal e um cidadão comprometido com Itabuna e Região. São 50 anos de profissão que nos orgulham”, afirma  Rafael Andrade.

Palestra virtual de Florian Madruga inaugura Escola do Legislativo - Foto Ascom
Tempo de leitura: < 1 minuto

Para promover a educação técnico política e cidadã dos vereadores, assim como da população itabunense, a Câmara Municipal de Vereadores inaugurou na manhã desta terça-feira, dia 15, a Escola do Legislativo de Itabuna. Para selar a abertura dessa instituição que tanto interessa à comunidade, o tema “A importância das Escolas do Legislativo” foi abordado pelo jornalista e professor Florian Madruga.

Por meio de palestra virtual, transmitida pelas redes sociais, o servidor do Senado Federal há 43 anos, abordou a implantação da unidade que visa a construção “uma sociedade mais democrática, participativa, justa e comprometida com a aplicação dos recursos públicos”. Além disso, auxilia a formação política dos vereadores.

O presidente do Poder Legislativo, Ricardo Xavier (Cidadania), destaca a contribuição que este instrumento de preparação dá aos novos vereadores e à população. Atual presidente da Comissão da Escola do Legislativo, o vereador Júnior Brandão (Rede) acompanhou a palestra.

A Escola do Legislativo foi instituída por Resolução n° 06/2020 da Mesa Diretora. A atual dirigente da unidade de capacitação é a servidora Laura Ganem, com a coordenação-geral de Ana Luíza Botini e a coordenadoria pedagógica de Elzilene Lima – as três servidoras efetivas.

O jornalista e professor Florian Madruga já dirigiu desde a gráfica e Conselho de Ética até chefiar o gabinete da presidência do Senado Federal. Há 17 anos, preside a Associação Brasileira das Escolas do Legislativo e de Contas (ABEL).

Secretaria de Saúde da Bahia - Morgana Sampaio GOVBA
Tempo de leitura: < 1 minuto

Na Bahia, mais de 70 casos suspeitos de reinfecção pelo novo coronavírus já foram relatados. De acordo com o infectologista Antônio Bandeira, que atua na Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (Divisa), isso pode ocorrer pelo não desenvolvimento ou pela perda de anticorpos ao longo do tempo. Os casos já estão sendo acompanhados e investigados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

“É muito importante que a gente entenda que esses casos estão crescendo a cada dia. Está muito claro que clinicamente estes pacientes estão realmente se reinfectando. É claro que isto não vai ocorrer na maioria das pessoas. A gente tem centenas de milhares de pessoas que pegaram o coronavírus e que desenvolvem anticorpos e não se reinfectam”, disse Bandeira.

Atualmente, o infectologista confirma que está se investigando 76 casos. “Há número crescente de pessoas, que estão num período de até seis meses, que fizeram RT-PCR positivo em abril, depois fizeram novamente, deu negativo, e depois agora, em novembro, com essa onda crescente, deu positivo. Do ponto de vista clínico isto está ocorrendo”, declarou.

Prefeitura notifica barraqueiros da Praia do Cristo
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Prefeitura de Ilhéus notificou, na manhã desta terça-feira (15), 27 vendedores ambulantes e barraqueiros para que, num prazo de 24 horas, se retirem do entorno e da Praia do Cristo. De acordo com a Superintendência de Indústria e Comércio, os comerciantes não tinham autorização para se instalarem no local.

A prefeitura informou que está proibida a instalação de barracas, mesas, cadeiras, som e a comercialização de bebidas alcoólicas na Praia do Cristo. O estacionamento que dá acesso à praia, na Avenida 2 de julho, foi fechado para uso exclusivo de serviços públicos e emergências, como SAMU, Polícia, Sutram e fiscais da prefeitura.

Segundo a Superintendência de Indústria e Comércio, nenhum barraqueiro provisório ou vendedor ambulante tem autorização para praticar comércio na Praia do Cristo, que será fiscalizada durante todo o período de verão.

ACESSO LIBERADO PARA OS BANHISTAS

O acesso de banhistas à praia, está autorizado, desde que respeitadas as determinações da administração municipal. A Superintendência de Indústria e Comércio informou que as medidas visam evitar aglomerações nesse período de crescimento de casos do novo coronavírus no sul da Bahia.

Até a noite de ontem, Ilhéus registrava 8.337 casos de Covid-19, com 49 pacientes internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O município contabiliza 268 óbitos causados pelo vírus. São 7.768 curados da doença.

MEC divulga cronograma do ProUni.
Tempo de leitura: 3 minutos

Ministério da Educação (MEC) publicou, na segunda-feira (14), no Diário Oficial da União, edital com o cronograma do processo seletivo para o 1º semestre de 2021 do Programa Universidade Para Todos (Prouni). O período de inscrições é de 12 a 15 de janeiro de 2021, pela internet. O resultado do Prouni será divulgado em duas chamadas, sendo a primeira dia 19 de janeiro. A segunda será dia 1º de fevereiro.

Além do cronograma completo do 1º processo seletivo de 2021, o edital altera regras para o preenchimento das bolsas ofertadas em processos remanescentes, que são aquelas eventualmente não ocupadas no decorrer do processo seletivo regular do Prouni. Acesse aqui a página do programa.

A partir desta edição, os candidatos participantes dos processos seletivos de bolsas remanescentes do Prouni serão por ordem de classificação, de acordo com as notas obtidas no Enem, a partir da edição de 2010, e não mais por ordem de inscrição, como vinha sendo feito até o último processo de seleção de vagas remanescentes do Prouni.

PRAZOS

Os candidatos pré-selecionados na 1ª chamada do processo seletivo do Prouni para o 1º semestre de 2021, cujo resultado será divulgado no dia 19 de janeiro, têm o prazo de 19 a 27 de janeiro para apresentar os documentos que comprovem as informações cadastradas na inscrição. Os documentos devem ser entregues na instituição para a qual o candidato foi pré-selecionado.
Para os pré-selecionados na 2ª chamada, cujo resultado será divulgado no dia 1º de fevereiro o período para a apresentação dos documentos que comprovam as informações cadastradas no ato da inscrição é de 1º a 9 de fevereiro de 2021.

O candidato não pré-selecionado em nenhuma das duas chamadas do Prouni ainda poderá disputar uma bolsa por meio da lista de espera. Nos dias 18 e 19 de fevereiro, o candidato inscrito no processo seletivo do 1º semestre de 2021 pode manifestar interesse em participar dessa última etapa da seleção do Prouni.

O resultado da lista de espera será divulgado em 22 de fevereiro. O prazo para a comprovação da documentação, por parte dos candidatos pré-selecionados por meio da lista de espera, é de 22 a 25 de fevereiro de 2021.

Leia Mais

1,6 milhão de beneficário do Bolsa Família recebem auxílio nesta terça-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Cixa Econômica Federal liberou, nesta terça-feira (15), o pagamento de R$ 416,0 milhões referente à quarta parcela do Auxílio Emergencial Extensão. Serão contemplados 1,6 milhão de beneficiários do Bolsa Família com final de NIS número 4.

Ao todo, 15,8 milhões de pessoas cadastradas no Bolsa Família foram consideradas elegíveis para a quarta parcela do Auxílio Emergencial Extensão e receberão, no total, R$ 4,1 bilhões durante o mês de dezembro.

Para quem recebe o Bolsa Família nada muda. O recebimento do Auxílio Emergencial Extensão atende aos mesmos critérios e datas do benefício regular, permitindo a utilização do cartão nos canais de autoatendimento, unidades lotéricas e correspondentes CAIXA Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Para o pagamento do Auxílio Emergencial Extensão, os beneficiários do Bolsa Família tiveram avaliação de elegibilidade realizada pelo Ministério da Cidadania – conforme Medida Provisória nº 1.000, de 2 de setembro de 2020.

Eles recebem o valor do programa complementado pela extensão do Auxílio Emergencial em até R$ 300 ou em até R$ 600, no caso de mulher provedora de família monoparental. Se o valor do Bolsa Família for igual ou maior que R$ 300 ou R$ 600, o beneficiário receberá o valor do Bolsa Família, sempre privilegiando o benefício de maior valor.

Bahia teinou em São Paulo antes de embarcar para Argentina||Felipe Santana / EC Bahia
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os jogadores do Bahia treinaram cobrança de pênalti, no Centro de Treinamento do Corinthians, em São Paulo. Nesta quarta-feira (16), o tricolor baiano tem uma missão quase impossível: vencer o Defensa Y Justicia, na Argentina. Na partida de ida, em Salvador, a equipe argentina venceu, na Arena na Fonte Nova, em Salvador, pelo placar de 3 a 2.

Por isso, o Bahia precisa bater o Defensa Y Justicia por dois gols de diferente, ou um gol, desde que tenha marcado ao menos quatro vezes: 4 x 3, 5 x 4. Assim por diante. O tricolor viajou para Argentina na noite de ontem e faz o último treinamento nesta terça.

Moradores de Itabuna, Ilhéus e Gandu entre ganhadores da Nota Premiada de setembro
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Câmara dos Deputados aprovou, na tarde de segunda-feira (14), o Projeto de lei complementar que compensa perdas com a desoneração de produtos destinados à exportação (Lei Kandir). O texto estabelece que a União realize transferências a Estados, Municípios e Distrito Federal no valor de R$ 58 bilhões ao longo de 18 anos. A proposta segue agora para a sanção presidencial.

A matéria foi aprovada por 408 votos favoráveis e 9 contrários. Com isso, os entes da federação receberão o primeiro repasse – no montante de R$ 4 bilhões – ainda neste ano, sendo R$ 1 bilhão para os Municípios.

No período de 2020 a 2030, serão entregues, a cada exercício, R$ 4 bilhões, e de 2031 a 2037, esse montante será reduzido progressivamente em R$ 500 milhões a cada exercício. Da parcela devida a cada Estado, a União entregará, diretamente, 75% ao próprio Estado e 25% aos seus Municípios.