João Roma diz que troca de acusações entre Rui e Neto é "sujo falando do mal lavado"
Tempo de leitura: < 1 minuto

A troca de acusações entre o pré-candidato ACM Neto (União Brasil) e o governador Rui Costa (PT) sobre ameaça a prefeitos por parte do governo estadual e de uso da máquina federal com a Codevasf por parte de ACM Neto e o União Brasil (clique aqui para relembrar) levou o deputado federal João Roma, pré-candidato ao governo baiano pelo PL, a tirar casquinha do tiroteio verbal dos dois atores políticos:

– É o sujo falando do mal lavado – cravou João Roma (PL).

Sem falar do uso da Codevasf por parte de políticos do União Brasil, partido de ACM Neto, Roma se limitou a lembrar que “servidores da prefeitura de Salvador também passaram pelo mesmo constrangimento de perseguições e ameaças, quando manifestavam até pouco tempo uma simples curtida na rede social do ex-ministro da Cidadania”.

– Quando falo da necessidade de mudança de verdade, de oxigenação da vida pública baiana, é para justamente abolir essas práticas autoritárias e execráveis de uma política do Século XIX que não cabe mais na Bahia do Século XXI – disse o candidato bolsonarista ao Governo da Bahia.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.