Tempo de leitura: 5 minutos

A notícia da morte de Fernando Gomes abalou a calmaria comum nas tardes de domingo e ganhou contorno oficial com o anúncio da ex-secretária Maria Alice Pereira, que militou ao lado do ex-prefeito de Itabuna por 44 anos. Ainda sob o impacto da perda, na manhã desta terça-feira (26), ela se afastou da multidão que lotava o Teatro Candinha Doria, onde o corpo de Fernando foi velado, e, por telefone, conversou com a coluna Arriba Saia, do PIMENTA.

“Fernando é único”, declarou Maria Alice. “Com seu jeito [direto, dizia] sim, sim, não, não. Às vezes era um pouco bruto, mas era pelo amor que ele tinha a essa terra”, acrescentou, antes de prometer que dedicará a vida à perpetuação do legado político do também ex-deputado federal.

Fernando costumava repetir que, mesmo se morresse na China, seu corpo teria que ser sepultado em Itabuna e pediu que Maria Alice se responsabilizasse pela concretização do desígnio. “Se não, eu não vou ter sossego, ele dizia”.

PRA CUBA, MAS VOLTE

Alice relembra episódio com ACM, Fernando e Paulo Souto

Pedimos que a ex-secretária de Governo de Itabuna relembrasse episódio representativo da personalidade do amigo. Ela contou que, em 1996, antes de assumir o terceiro mandato de prefeito, Fernando disse ao governador Paulo Souto que construiria o Hospital de Base.  Segundo Alice, Paulo Souto tentou desencorajar a empreitada, apontando as limitações do município.

“Governador, eu me garanto”, retrucou Fernando Gomes, conforme Maria Alice. “Ele mandou um engenheiro daqui pra Cuba, porque diziam que a melhor referência hospitalar estava em Cuba”. Dois anos depois, em setembro de 1998, o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães foi inaugurado.

A OBRA

A inauguração do hospital teve a presença do então senador Antônio Carlos Magalhães. “Grande é a obra. Maior, Fernando, é o seu idealizador. Você é um monstro”, disse ACM, ainda de acordo com o relato da ex-secretária.

A OBRA 2

Na sequência, Maria Alice enumerou outros feitos das cinco gestões de Fernando Gomes na Prefeitura, a exemplo da construção da Vila Olímpica e do trevo rodoviário que substituiu o antigo Trevo da Morte, obra erguida em parceria com os governos estadual e federal. “Fernando construiu 57 escolas em Itabuna”, completou.

O MITO

Cortejo fúnebre mobilizou milhares e enterro atraiu eleitores e fãs ao Campo Santo

A morte do ex-prefeito Fernando Gomes mostrou o tamanho do fenômeno político sul-baiano. Políticos de todas as cores prestaram homenagem ao itabunense. Além do governador Rui Costa, os dois principais pré-candidatos ao governo baiano, ACM Neto (UB) e Jerônimo Rodrigues (PT), vieram a Itabuna para a despedida do ex-prefeito e ex-deputado.

____________

Marão e o novo decreto de emergência

ROTEIA PRA MIM

A Oi obteve na Justiça autorização para suspender o fornecimento de internet  às repartições municipais de Ilhéus, o que foi feito na semana passada, segundo decreto publicado pelo prefeito Mário Alexandre, Marão (PSD). Motivo: dívidas a perder de vista.

EMERGÊNCIA, PRA QUE TE QUERO?

No decreto, Marão pôs a Secretaria de Gestão em estado de emergência, autorizando que a pasta contrate nova fornecedora, de forma direta, sem perder tempo com licitação que exija concorrência.

NO VÁCUO

A coluna pediu o auxílio do superintendente de Comunicação do município, Emenson Silva, para esclarecer aspectos do decreto de emergência, na quarta-feira da semana passada (20). Via WhatsApp, ele respondeu que encaminharia a demanda à gestão. Até o momento, não obtivemos retorno.

___________

CIVILIDADE

Nazal e Marão se encontram no enterro de Fernando || Foto Cláudio Rodrigues

Marão e o ex-vice-prefeito José Nazal (Rede) se encontraram antes do sepultamento de Fernando Gomes, nesta terça-feira (26), em Itabuna. Hoje adversários na política, a dupla vencedora da eleição municipal de 2016 conversou civilizadamente.

___________

Jerônimo Rodrigues, Rui Costa e a promessa fora do G1

O PAGADOR DE PROMESSAS

Rui Costa (PT) levou para o Palácio de Ondina, mais uma vez, o título de maior pagador de promessas feitas pelos candidatos aos governos estaduais na campanha de 2018, segundo levantamento nacional divulgado hoje (27) pelo G1. O compromisso mais ousado de Rui, de fazer do ex-secretário estadual Jerônimo Rodrigues (PT) seu sucessor, não pode ser objeto da pesquisa, naturalmente, por não se tratar de promessa de governo, mas sim de correligionário.

__________

FARINHA POUCA…

Wenceslau teve nome rifado pela cúpula nacional do PCdoB || Foto Pimenta/Arquivo

Daniel Almeida e Alice Portugal são suspeitos de manobrar para que a direção nacional do PCdoB rife a candidatura de Wenceslau Júnior a deputado federal. Alice e Daniel disputam a reeleição.

GUILHOTINA

O temor da dupla é que um dos dois acabe por não renovar mandato para 2023, caso Wenceslau seja mantido na disputa por vaga na Câmara dos Deputados. A pré-campanha do ex-vereador de Itabuna estava forte e o seu lançamento, até aqui, foi o maior evento já feito por pré-candidatos a deputado no sul da Bahia.

QUOCIENTE ELEITORAL

A guilhotina que atingiu Wenceslau também tirou da disputa o vereador Augusto Vasconcelos, de Salvador. A insatisfação foi, como se diz, de norte a sul da Bahia. Aguarda-se para esta semana uma decisão das cúpulas estadual e nacional. Partidos que participam da federação com o PCdoB, como o PT, estão atentos.

__________

LUCIDEZ

Augusto, ao lado de Rui, no velório do ex-prefeito Fernando Gomes || Foto Roberto Santos/PMI

O prefeito Augusto Castro enfrentou dois testes nos últimos dias. Primeiro, o rompimento unilateral do vice-prefeito Enderson Guinho (UB). Depois, a morte do ex-prefeito Fernando Gomes. Decidiu não ir para o enfrentamento com Guinho. Apostou na agenda positiva de entrega de obras. Enfraqueceu a tática do ex-aliado de ganhar tração eleitoral com a cizânia.

GRANDEZA

Na morte de Fernando, Augusto mostrou-se solidário à família e amigos não apenas por palavras, mas gestos, como ressaltado por Maria Alice Pereira. O prefeito mobilizou equipe para que todas as honras fossem prestadas sem sobressalto. Agiu com a grandeza que o momento pedia.

_________

DESAGRAVO

Oziel foi duramente atacado ao noticiar quadro grave do ex-prefeito de Itabuna

Esta coluna se solidariza e presta homenagem ao repórter Oziel Aragão. O profissional foi duramente atacado, na semana passada, ao informar, com precisão, o quadro gravíssimo de saúde do ex-prefeito Fernando Gomes. A notícia dada por ele era dura, indesejável, sim, mas Oziel estava correto.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.