Donos de veículos com IPVA atrasado são notificados || Foto Paula Fróes
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os proprietários veículos na Bahia, com placas de finais 1 a 4 que não fizeram o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA 2022), foram notificados após encerramento dos prazos estabelecidos pelo calendário anual da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-Ba).

Quem recebeu a notificação, para quitar o licenciamento, deve primeiro pagar o IPVA notificado. Só após a quitação é possível emitir o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo Eletrônico (CRLV-e), emitido pelo SAC Digital.

Para os donos de veículos com placas de finais 9 e 0, os prazos para pagamento da quinta e última parcela do IPVA, ou quitação do tributo em parcela única, sem desconto, vencem nos dias 29 e 30 de novembro.  O pagamento do imposto e do licenciamento é feito de forma integrada: basta o contribuinte dirigir-se a uma agência, caixa eletrônico ou então utilizar o aplicativo ou o site do Banco do Brasil, Bradesco ou Sicoob, e informar o número do Renavam.

PLACAS FINAIS 5 A 8 SERÃO NOTIFICADOS

Os proprietários de veículos com placas de finais 5 a 8, cujos prazos regulares de pagamento já venceram, devem ser notificados em breve. Enquanto isso, ainda é possível fazer o pagamento integrado do IPVA e do licenciamento nos mesmos canais e instituições bancárias credenciadas.

O calendário de pagamento do IPVA está disponível no site www.sefaz.ba.gov.br, no Canal Inspetoria Eletrônica –> IPVA –> Calendário. Para mais informações, o contribuinte pode ligar para o call center 0800 071 0071 ou enviar e-mail para faleconosco@sefaz.ba.gov.br.

Jovens de famílias carentes podem usar gratuidade|| Foto Agerba
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu, nesta quinta-feira (17), o julgamento que manteve a validade da norma do Estatuto da Juventude (Lei 12.852/2013) que garante a jovens de baixa renda duas vagas gratuitas e duas com 50% de desconto em ônibus interestaduais.

Por unanimidade, o colegiado acompanhou o entendimento do relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI 5657), ministro Luiz Fux, de que a gratuidade garante a esse grupo o direito ao transporte e o acesso a outros direitos fundamentais como educação, saúde, trabalho e lazer.

O julgamento foi concluído na sessão de hoje, com os votos dos ministros Luís Roberto Barroso e Ricardo Lewandowski e da ministra Rosa Weber (presidente), todos pela legitimidade da norma. Os ministros André Mendonça, Nunes Marques, Alexandre de Moraes e Edson Fachin e a ministra Cármen Lúcia haviam votado na sessão anterior.

Em voto proferido na sessão de ontem (16), o relator afastou a alegação da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati) de que, sem a especificação de uma fonte de compensação às empresas, o benefício seria inconstitucional.

Fux explicou que as resoluções da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) sobre a prestação do serviço consideraram os impactos financeiros da implementação desses benefícios, com a possibilidade de as empresas demonstrarem eventuais prejuízos para efetuar a recomposição das tarifas. Também observou que, ao receber a autorização para atuar no setor, a empresa tem ciência dos custos, que incluem a gratuidade prevista em lei.

Descoberto mais um foco da praga no Norte do Brasil|| Foto Divulgação
Tempo de leitura: 2 minutos

O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), confirmou, nesta quinta-feira (17), que um novo foco da praga Moniliophthora roreri, causadora da doença conhecida como Monilíase do Cacaueiro, foi detectado no município de Tabatinga, no estado do Amazonas, na região da tríplice fronteira entre o Brasil, Colômbia e Peru. Dessa vez, o caso verificado nas comunidades rurais ribeirinhas.

A suspeita de ocorrência da praga foi verificada durante ações de monitoramento realizadas por equipe de técnicos do Mapa, com o apoio da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf). O foco foi confirmado por meio de análise laboratorial feira pelo Laboratório Federal de Defesa Agropecuária de Goiânia.

A monilíase é uma doença devastadora que afeta plantas do gênero Theobroma, como o cacau (Theobroma cacao L.) e o cupuaçu (Theobroma grandiflorum), causando perdas na produção e uma elevação nos custos devido à necessidade de medidas adicionais de manejo e aplicação de fungicidas para o controle da praga.

O Mapa informa que, a partir da confirmação do foco,  adotará as medidas cabíveis de contingência aplicadas à situação, em conjunto com as demais instituições oficiais de Sanidade Vegetal e de pesquisa envolvidas, visando evitar a disseminação da praga para as áreas de cultivo de cacau e cupuaçu em outras regiões.

Na América do Sul, a praga já se encontra presente no Equador, Colômbia, Venezuela, Bolívia e Peru. “Devido às suas características peculiares (fronteira com países onde a praga já ocorre e condições geoclimáticas favoráveis à sua dispersão, entre outras) a região da Tríplice Fronteira Norte já era considerada como área de risco de introdução da Monilíase do Cacaueiro no Brasil e vinha sendo monitorada rotineiramente ao longo dos últimos anos”, relata a coordenadora-geral de Proteção de Plantas, Graciane de Castro.

MONILÍASE DO CACAUEIRO NO BRASIL

O primeiro foco da praga no Brasil foi identificado em julho de 2021 em área residencial urbana no município de Cruzeiro do Sul, interior do Acre. Atualmente o estado encontra-se sob ações permanentes de controle, com vistas à sua erradicação.

Em agosto de 2022, o Mapa prorrogou, por um ano, o prazo de vigência da emergência fitossanitária relativa ao risco iminente de introdução da praga quarentenária ausente Monilíase do Cacaueiro nos Estados do Acre, Amazonas e Rondônia.

Devido ao seu potencial de danos às culturas que atinge, é de fundamental importância a notificação imediata de quaisquer suspeitas de ocorrência da praga às autoridades fitossanitárias locais. O objetivo é conseguir erradicar a praga na maior brevidade possível, enquanto ainda se encontra em uma área restrita do país. A doença atinge somente as plantas hospedeiras do fungo, sem riscos de danos à saúde humana.

Henrique está desaparecido desde o último domingo (13)|| Foto arquivo da família
Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma família de Canavieiras, no sul da Bahia, está apreensiva com a falta de informações sobre o paradeiro de João Henrique Souza de Jesus, mais conhecido como Galego, de 18 anos. O jovem foi visto pela última vez no início da tarde do último domingo (13), na rua João Panan, no bairro Tancredão. Ele saiu de casa informando que iria para uma roça com um amigo, o que não teria ocorrido.

Um boletim sobre o desaparecimento de João Henrique Souza foi registrado na delegacia da Polícia Civil de Canavieiras. Quem tiver informações sobre o paradeiro do jovem pode entrar em contato pelo telefone (73) 9 8194-4525 ou ainda pelos números 190 ou 197, das polícias.

Tonho de Anízio: "primeiro de muitos"
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito Antônio Damasceno, Tonho de Anízio (PT), avaliou positivamente o Festival de Reggae de Itacaré, realizado pela Prefeitura nos dias 12, 13 e 14 de novembro. Segundo ele, além de oferecer shows de astros do gênero à população local, o evento atraiu visitantes de diversas partes do país e entrou no calendário turístico da cidade.

– Este é o primeiro Festival de Reggae de Itacaré, mas é o primeiro de muitos que virão, porque atraiu público do Brasil inteiro. Uma festa alegre, descontraída, sem violência, tudo em paz, tudo tranquilo – declarou o prefeito.

O secretário de Turismo de Itacaré, José Alves, também celebrou o resultado do Festival e convidou os visitantes a voltarem ao município. “Vocês não podem perder as próximas atrações da cidade. Venham curtir Itacaré”.

Nas três noites de festa, o palco montado na orla da cidade do sul da Bahia recebeu nomes de peso do reggae, a exemplo de Edson Gomes, Tribo de Jah e Rusty Zinn.

Servidores serão liberados uma hora antes dos jogos
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito Augusto Castro (PSD) baixou decreto que flexibiliza o expediente do funcionalismo de Itabuna nos dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo de Futebol, que começa neste domingo (20). A estreia da Seleção será na próxima quinta-feira (24), às 16h (horário de Brasília), contra a Sérvia.  Os servidores de Itabuna terão expediente das 8h às 15h.

Já no dia 28, quando o Brasil enfrentará a Suíça, às 13h, os funcionários do município trabalharão das 8h às 12h. O último confronto do Brasil na primeira fase será no dia 2, às 16h, contra Camarões. Neste dia, o expediente municipal será o mesmo de 24 de novembro.

Caso a Seleção avance às oitavas, o município manterá a liberação dos servidores uma hora antes da partida, valendo o mesmo para as fases seguintes.

A medida não se aplica aos serviços considerados essenciais, como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192), Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães e Unidades de Pronto Socorro (UPA 24H).

Última edição da live arrecadou uma tonelada de alimentos || Foto ITB
Tempo de leitura: < 1 minuto

A terceira edição da Live Solidária – O Amor Faz, da Igreja Batista Teosópolis (IBT), será neste sábado (19), a partir das 19h30min, e contará com apresentações de corais itabunenses e ilheenses. O evento reunirá artistas e público na quadra esportiva do Colégio Batista de Itabuna, localizado na Rua Duque de Caxias, no Conceição. Os canais da IBT no YouTube e Facebook vão transmitir os shows.

A expectativa dos organizadores é superar os resultados de 2021, quando a Live Solidária foi vista por mais de duas mil pessoas e arrecadou uma tonelada de alimentos para 300 famílias carentes. As doações permitiram a criação do Mercado Solidário, inaugurado no ano passado (saiba mais aqui).

Artistas durante apresentação na Live Solidária de 2021 || Foto TBI

As doações podem ser feitas de forma presencial, no Colégio Batista de Itabuna; pelo PIX 73 9 8848-3635; ou após contato pelos telefones (73) 3212-3012/9 8848-3638.

O pastor Geraldo Meireles ressaltou a importância de que a solidariedade seja manifestada com gestos concretos. “Será uma grande celebração de louvor a Deus, através de gestos práticos de amor ao próximo, porque o amor que transforma é o amor que que faz”.

Provas de domingo (20) serão de Matemática e ciências da natureza || Agência Brasil
Tempo de leitura: 3 minutos

Neste domingo (20), os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) resolverão as questões de matemática e de ciências da natureza, que englobam química, física e biologia. Ao todo, serão 90 questões objetivas. A aplicação terá cinco horas de duração. Às vésperas do último dia de provas, a dica é focar na revisão, especialmente dos conteúdos frequentes.

O primeiro passo, segundo o gerente de Ensino e Inovações Educacionais do SAS Plataforma de Educação, Idelfranio Moreira, é “fazer de conta que o primeiro dia não existiu e encarar o segundo dia como se fosse a primeira prova”. Todas as dicas de autocuidado, de revisão, de alimentação e de descanso valem também para o segundo dia de exame. Mesmo quem não se saiu muito bem no primeiro dia de provas, pode ter a chance de recuperar agora o desempenho.

“Não adianta ficar nos conteúdos mais difíceis ou estudar o que nunca caiu. É estudar matemática básica; em física, estudar mecânica, eletricidade; estudar química geral; e, em biologia, conteúdos como meio ambiente, fisiologia. Focar nos conteúdos mais recorrentes”, recomenda Moreira. Para isso, a dica é refazer questões de exames anteriores e o que não conseguir resolver, revisar aquele conteúdo específico.

O professor explica que é importante o estudante manter coerência no exame e acertar principalmente as questões mais fáceis, por causa do sistema de correção do Enem, que segue a chamada Teoria de Resposta ao Item (TRI). Caso acerte apenas as difíceis e erre as fáceis, o sistema entende que o aluno pode ter chutado e ele ganha menos pontos pelas questões mais complexas do que outro que acertou tanto as fáceis quanto as difíceis.

A orientação é para que os candidatos leiam a prova e resolvam aqueles itens nos quais têm mais facilidade. Os mais difíceis devem ser assinalados para serem resolvidos em seguida. Calma na hora de ler os enunciados também é importante. De acordo com Moreira, ali podem estar informações valiosas e mesmo repostas às questões.

O professor de física em pré-vestibulares Mário Roullet concorda com as recomendações e acrescenta: “É fundamental dormir bem. Os estudantes que não dormem, não descansam, não conseguem estar relaxados na hora da prova. Nessa reta final, participei de vários aulões, em lugares diferentes. São vários sentimentos. Há pessoas mais relaxadas, mais focadas, pessoas mais estressadas, mas todo mundo está empenhado em fazer uma boa prova”.

Além das aulas presenciais, Roullet usa as redes sociais para, como ele mesmo diz, democratizar o conhecimento. É pelas redes sociais como o Instagram e o Youtube, que ele compartilha conteúdos e troca informações com os mais de 30 mil seguidores que estão se preparando para o Enem.

“Eu enxergo a rede social como algo importante. É a oportunidade que a gente tem de fazer a diferença, de democratizar o conteúdo para alunos e professores”, diz. Para quem está usando a internet para estudar, ele recomenda, no entanto, cuidado. É importante fazer buscas sobre os professores para saber quem são e qual é a formação deles, além de dar uma olhada nos comentários.

“Saber fazer um filtro na internet é fundamental porque qualquer pessoa pode gravar qualquer coisa. Uma coisa é um professor assistir, ele sabe o que está bom e o que não está, mas o aluno, muitas vezes, não sabe fazer esse filtro do conteúdo. É importante saber quem é essa pessoa e qual a experiência profissional dela”, alerta.

Os professores acreditam que o Enem 2022 vai seguir a tendência das edições anteriores. A partir de 2019, a prova passou a ser mais conteudista, segundo Roullet, e a cobrar os conteúdos mais separadamente, ou seja, é possível identificar claramente as questões de física, química e biologia. Antes, as questões da prova de ciências da natureza eram mais interpretativas e envolviam mais uma competência. “Não acho que vai encontrar nada muito diferente dos últimos anos”, complementa Moreira.

ENEM 2022

No primeiro dia de prova, no último domingo (13), os participantes fizeram as questões de linguagens, ciências humanas e a redação. No segundo dia, farão as provas de matemática e ciências da natureza. Os locais de prova estão disponíveis no Cartão de Confirmação de Inscrição na Página do Participante.

Quem está se preparando para o Enem pode acessar todas as provas e gabaritos de edições anteriores no site do Inep. Para testar os conhecimentos, os estudantes podem acessar gratuitamente o Questões Enem, um banco preparado pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que reúne questões de provas de anos anteriores. No sistema, é possível escolher as áreas do conhecimento que se quer estudar. O banco seleciona as questões de maneira aleatória. Agência Brasil.

Comércio itabunense terá horários especiais
Tempo de leitura: < 1 minuto

O comércio de Itabuna terá horários alternativos de funcionamento nos dias dos jogos do Brasil na Copa do Mundo de Futebol, na sexta-feira da próxima semana (Black Friday – 25/11) e às vésperas do Natal. A programação especial foi aprovada pelo Sindicato do Comércio Varejista de Itabuna e pelo Sindicato dos Empregados do Comércio, na Convenção Coletiva de Trabalho 2022/2023.

A estreia do Brasil na Copa do Catar será na próxima quinta-feira (24), às 16h (horário de Brasília), contra a Sérvia. Segundo o acordo trabalhista, nesse dia, o comércio de Itabuna funcionará das 9h às 15h. A redução da jornada poderá ser compensada no dia seguinte (25), quando as lojas itabunenses estarão envolvidas na campanha da Black Friday e funcionarão das 8h às 20h.

O segundo jogo da Seleção será no dia 28 (segunda-feira), às 13h, contra a Suíça. O comércio estará aberto das 8h às 12h30min e das 15h30min às 18h30min. O Brasil fecha sua participação na fase de grupos contra Camarões, no próximo dia 2 (sexta-feira), às 16h, ocasião em que o comércio itabunense vai funcionar das 9h às 15h.

NATAL

A programação do comércio de Itabuna para o Natal 2022 começará no dia 17 de dezembro, um sábado, quando as lojas abrirão às 9h e fecharão às 17h. O domingo de 18 de dezembro será de lojas abertas, com atendimento das 15h às 20h. Para compensar o trabalho extra, os comerciários terão folga na Terça-Feira de Carnaval do próximo ano.

Nos dias 19 e 20 de dezembro, o comércio vai funcionar das 9h às 20h, com intervalo para almoço. Já nos dias 21, 22 e 23 de dezembro, as lojas itabunenses ficarão abertas das 9h às 22h, com intervalo para almoço. O sábado da véspera do Natal vai ter comércio funcionando das 9h às 17h.

Rui Costa não vê necessidade da retomada do uso obrigatório de máscara neste momento
Tempo de leitura: < 1 minuto

Nesta quinta-feira (17), o governador Rui Costa (PT) recomendou que a população baiana use máscara de proteção contra vírus respiratórios em ambientes fechados, mas descartou a retomada do uso obrigatório do equipamento por enquanto.

“Ainda não é o momento [da retomada da obrigatoriedade do equipamento de proteção]. Nós estamos acompanhando os dados, monitorando, os números cresceram, mas ainda não dá para caracterizar como algo fora do padrão, que exigisse a volta obrigatória do uso de máscara”, declarou Rui.

Impulsionados por nova subvariante do coronavírus, os casos de infecção voltaram a subir no país. Segundo o governador, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) monitora os dados da pandemia no território estadual, e a demanda por atendimento hospitalar permanece estável.

De acordo com o painel epidemiológico da Sesab, a Bahia tem 854 casos ativos de Covid-19. A taxa de ocupação de UTI adulto é de 42% e a de UTI pediátrica está em 45%.

Confira vagas de emprego para hoje em municípios do sul e do sudoeste da Bahia
Tempo de leitura: 4 minutos

A quinta-feira (17) reserva um total de 115 vagas de emprego e de estágio em três dos maiores municípios das regiões sul e sudoeste da Bahia. Todas as oportunidades têm intermediação do SineBahia, para onde devem se dirigir os interessados ainda hoje. O atendimento vai até as 15h30min.

De acordo com o SineBahia, na região sul há 50 vagas em Itabuna e 17 em Ilhéus. Na região sudoeste, são 48 oportunidades em Jequié. Os candidatos devem procurar as unidades do serviço estadual de qualificação e intermediação para o mercado de trabalho.

O SineBahia Itabuna atende na Avenida Aziz Maron (Shopping Jequitibá). Em Ilhéus, a unidade está situada em frente à Praça Cairu, no Centro. Se a pessoa está em Jequié ou perto desta cidade, o serviço estadual fica na Avenida Octávio Mangabeira, no bairro Mandacaru, onde também funciona o Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC).

O candidato só não pode esquecer dos documentos exigidos para cadastramento para disputar vagas, o que inclui CPF, carteiras de Trabalho e de Identidade e comprovantes de endereço e de escolaridade. Caso possua, pode também apresentar certificado de qualificação na área pretendida.

Leia Mais

Polícia Federal deflagra operação na FGV contra corrupção || Foto PF/Divulgação
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Federal (PF) faz hoje (17) ação contra esquema de corrupção, fraudes a licitações, evasão de divisas e lavagem de dinheiro envolvendo a Fundação Getulio Vargas (FGV), instituição de ensino e pesquisa privada com sede no Rio de Janeiro.

A Operação Sofisma cumpre 29 mandados de busca e apreensão expedidos pela 3ª Vara Criminal Federal do Rio, tanto na capital fluminense quanto na cidade de São Paulo. Também foram expedidas ordens de sequestro e cautelares restritivas.

Segundo a PF, o esquema envolvia órgãos federais e estaduais, que contratavam a FGV com dispensa de licitação. As investigações, iniciadas em 2019, mostram que havia superfaturamento de contratos.

A instituição era usada “para fabricar pareceres que mascaravam o desvio de finalidade de diversos contratos, que resultaram em pagamento de propinas”.

“Apurou-se que, mais do que emitir pareceres inverídicos que camuflavam a corrupção dos agentes públicos, a entidade superfaturava contratos feitos por dispensa de licitação e era utilizada para fraudar processos licitatórios, encobrindo a contratação direta ilícita de empresas indicadas por agentes públicos, de empresas de fachada criadas por seus executivos e fornecendo, mediante pagamento de propina, vantagem a empresas que concorriam em licitações coordenadas por ela”, informa nota divulgada pela polícia.

Os alvos da ação usavam empresas sediadas em paraísos fiscais, como Suíça, Ilhas Virgens e Bahamas, para lavar dinheiro e praticar a evasão de divisas. A FGV ainda não se pronunciou sobre a operação.