Tempo de leitura: < 1 minuto

Stephanes, Geddel e Múcio: viagens pagas pela Câmara.
Stephanes, Geddel e Múcio: viagens pagas pela Câmara.

Parlamentares licenciados para exercerem o cargo de ministros na Esplanada continuaram usando cotas de passagens aéreas fornecidas pela Câmara. José Múcio Monteiro (Relações Institucionais), Geddel Vieira Lima (Integração Nacional), Reinhold Stephanes (Agricultura) usaram esse mecanismo 64 vezes após a posse.

Os quatro voos na cota de Geddel Vieira Lima são da Gol, no trajeto Brasília–Salvador. No dia 9 de julho de 2007, viajaram sua mulher, Alessandra, Lima, e as filhas Mariana e Juliana. Também voou Ana Paula Santos, que não foi identificada pela reportagem.
Leia mais

2 respostas

  1. O “bom exemplo” começa pelos Srs. Ministros do próprio Governo Federal (gente de confiança do Presidente). Será que ele, assim como em outro episódio, “não sabe de nada”, …?!?!?!
    Que “saco de gatos”, …!!!
    E nós, contribuintes, é que “pagamos a conta da farra, da esbórnia”, …!!!
    Austeridade só para nós, simples mortais, barnabés, …!!!
    Diante disso, só dá para dizer uma coisa: “Feliz 2010”, turma, …!!!

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.